Hugo Gloss

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

7.abr

#DeFrenteComGloss – Marcelo Zagonel

tv

O #BBB acabou. E enquanto muita gente dá graças a Deus, outras entram numa abstinência de dar dó! São os fãs de #Clanessa #AnCelo #LeJu que ficam órfãos dos seus “divos” na TV, e se brincar tem gente com saudade até do #GordinhoDoCarrefour! Quem gosta de #BBB assiste até quando é ruim. Não tem jeito. É um vício. E dos piores, pois em alguns casos o vício permanece até quando o programa acaba. Pensando nisso, fui atrás do “vencedor moral” dessa edição. Ele não levou o prêmio, mas ganhou milhares de fãs, ganhou fama de brigão, de “banana” e de mais um milhão de coisas. Intenso? Demais! Marcelo Zagonel entrou na casa sem fazer muito barulho e só começou a aparecer mesmo quando se deitou com Valdirene no edredom. Dali em diante resolveu pegar o BBB pra chamar de seu. E assim o fez. Mas tinha uma #Clanessa no meio do caminho. E no Brasil, mais forte que um par de silicone, só dois! Marcelo morreu na praia mesmo depois de sobreviver a Leticias, Ângelas, Cassios e Cia. O shimba power foi mais forte dessa vez, mas na vida real ele tá na pista pra negócio.
Com muito bom humor e sua peculiar sinceridade, Marcelo topou abrir o jogo pra mim pós BBB. Aqui ele fala sobre seus quatro amores: Leticia, Ângela, Valdirene e Roni, além das polêmicas em que se envolveu na casa. Todo mundo queria um ensaio, mas vai ficar pra próxima. Vida de (quase) campeão é difícil…. Prepare-se para provar o mel do Zagonel!
marcelo-bbb-size-620

HG- Marcelo, fala a verdade, depois de ir e voltar de tantos paredões, você achava que ia ganhar o programa?
Marcelo –
Nunca achei que eu fosse ou pudesse ganhar por mais que eu tivesse voltado de seis. Cada paredão pra mim era como se fosse o primeiro. E a gente lá dentro não tem ideia de como as coisas estavam aqui fora. Estava doido pra receber um WhatsApp da família kkk.

HG – Depois que você saiu, a sua torcida era pra Ângela?
Marcelo –
Eu não torci por ninguém depois que sai da casa.

HG – Você acha que se a Leticia tivesse ficado na casa, você estaria com ela até o final?
Marcelo –
Ah essa bola de cristal minha anda falhando ultimamente kkk.

HG – A Leticia negou que te beijou na casa, mas você admitiu. Afinal, o que rolou entre vocês?
Marcelo -
Rolou o que eu falei, alguns selinhos na noite de sexta e um beijo que não foi selinho no sábado. Mas a amnésia pelo jeito contaminou mais gente. Haha

HG – Aqui fora você ficou com fama de agressivo depois de tantas brigas. Quero saber se é agressivo assim na hora H tambem!!
Marcelo –
Às vezes sim…Ah, mas isso so conhece quem merece hahaha.
leticia-marcelo-junior-bbb14-25012014

HG- Falando sério sobre a agressividade: muita gente disse que vc so falava alto com mulher e que na briga com os homens so se alterava quando tinha quem te segurasse. É verdade?
Marcelo –
Eu sou descendente de Italiano e Árabe. Alguém já viu uma dessas etnias falando calmamente? Haha! Mas não Hugo às vezes que eu precisei falar alto foi com quem fosse homem ou mulher, talvez no final do programa tenha coincidido de ser mais com mulher ate porque eu e o Slim éramos os únicos homens.

HG – Vocë vai processar o Cássio por calúnia? Ele te chamou de estuprador em alto e bom som.
Marcelo –
Acredito que não porque o Brasil sabe que não sou. No momento quero focar na minha vida, no meu futuro.

HG – Você assistiu as imagens da festa em que teve o rolo com Ângela? Acha que passou dos limites?
Marcelo –
Não assisti. Ate porque desde o começo eu sabia que não havia feito nada de mais.

HG – Aqui fora esse episódio rendeu uma série de argumentos sobre o que é ou nao abuso. O que é abuso pra você?
Marcelo –
Abuso e quando você tem intenção de agredir outra pessoa e não proteger.

HG- Está rolando nas redes sociais uma campanha contra estupro. As pessoas posam nuas com uma placa que diz “ninguem merece ser estuprado”, você toparia participar? Mas tem que ser pelado, hein….
Marcelo –
Como Adão e Eva? Mas tem que ser uma placa com um tamanho considerável hahaha.

HG – Eu comecei o programa torcendo pra você e Angela, mas chegou um momento em que vocês ficaram insuportáveis. Você conseguia ver sua chatice/ranzinzice lá dentro? Você sentiu que mudou?
Marcelo –
Você quer dizer que não me ama mais? #chateado hahaha

HG – Você acha certo o que a Letícia fez com Junior e Angela? Você acha que ela se interessou mesmo por você?
Marcelo –
Eu nunca concordei com a atitude dela nesse caso. Prefiro acreditar que sim.
bbb14angelajuniorleticiamontagem

HG – Fora da casa você colocou a culpa da agressividade na falta de sexo. Por que você não deu uma “aliviada” lá dentro? O Brasil queria ver!
Marcelo -
Coloquei mesmo? Bom, acho que a falta de sexo contribui sim pra gente ficar mais bravo, mas vai da situação e do momento. Uma aliviada? Haha! Não deram uma espiadinha então? Haha brincadeira! Se eu me aliviasse ficaria com cade vez mais vontade, e mais do que eu tava eu não queria sentir haha.

HG- Por falar em ver, vocâ assistiu as cenas de sexo do casal FranGo? Você acha que as câmeras atrapalham a perfomance?
Marcelo –
Me mostraram sim uma cena haha. Acho que ter que se esconder debaixo do edredon atrapalha muito mais.

HG- Vazou tambem uma foto sua em que aparece o “Marcelinho”, rs… Ja viu?
Marcelo –
Marcelinho ou Marcelão? Haha não fiquei sabendo! Sério mesmo?

HG- Você posaria nu?
Marcelo –
Sabe aquele filme “Proposta Indecente”? Haha! Mas não sei, acho que eu precisaria avaliar muito o momento.

HG- Você ganhou todo mundo quando entrou na brincadeira da Valdirene. O que te fez entrar no personagem?
Marcelo –
Sempre assisti a novela “Amor à Vida” e dava risada com ela e o palhaço, a Valdirene era uma comédia. Ver a Tatá junto com a gente foi algo surreal e respirei fundo e contracenei com ela, realizando um sonho.
marcelo-e-tata

HG- Você não pensou em, durante o jogo, usar a Valdirene a seu favor? Falar dela, fazer uma boneca, sei la…
Marcelo –
Eu comentava às vezes dela, mas os outros brothers me lembravam mais. Até o momento em que o Bial perguntou uma vez pra mim na roupa suja quem eu gostaria que voltasse pra casa, a Ângela disse pra mim depois “Você deveria ter dito a Valdirene, seria muito engraçado.” Mas a meu favor nunca pensei em usar ela nem ninguém.

HG – Você se lembrava dos primeiros eliminados? Tipo o vidente e a Bela… São pessoas que você lembrava no dia-a-dia ou esqueceu rápido?
Marcelo -
Claro que sim, não so deles como de todos. Mas me pegava pensando mais quando estava sozinho, em como as pessoas estavam saindo rapidamente.

HG – Algumas pessoas disseram que você tem comportamento psicótico e obsessivo, primeiro com Leticia e depois Angela. Você é sempre tão intenso quando quer alguém?
Marcelo –
Jamais. Aqui fora eu sou mais light, sei lidar bem com as conquistas. Mas lá dentro você da bom dia e boa noite todos os dias para as mesmas pessoas, então é mais complicado e, devido ao confinamento, as situações se afloram muito mais!
Leticia-e-Marcelo-no-BBB14--size-598
HG – Aqui fora: Você é do tipo que insiste até conseguir ou sabe a hora de parar?
Marcelo –
Sei a hora de parar claro, já levei alguns foras e o “não” faz parte. A vantagem daqui de fora e que tem mais opções.

HG- Angela e Letícia tem chance com você aqui fora? Qual das duas ganharia a disputa pelo seu coração?
Marcelo -
O que aconteceu na casa foi bom e tal, mas aqui fora acho que a amizade prevalece mais.

HG- Você acha que se a Angela tivesse ficado com você, você teria ganhado o jogo?
Marcelo –
Não, pois independente de eu ter formado um casal com ela e desfeito depois sempre agi com o coração, sem pensar no jogo.

HG- Agora você esta solteiro. O que uma menina tem que ter/fazer/ ser pra conseguir te conquistar?
Marcelo –
Eu acho que a beleza e importante, mas não é tudo. Uma mulher com bom humor e simpatia tem sua chances dobradas!

HG – Aqui fora falamos muito que o Roni era apaixonado por você. Você nunca achou que ele te olhava diferente? Por que tivemos essa impressão?
Marcelo –
Hahaha! Acho engraçado quando comentam isso! Eu e o Roni nos identificamos muito como amigos mesmo, irmãos! Que e quando você olha pra pessoa e ela já entende o que esta acontecendo, sabe como? E brincávamos muito um com o outro com bobagens! Acho que talvez isso as pessoas tenham confundido.

HG – Muito se falou tambem sobre Roni ser gay. Você já teve essa dúvida em algum momento?
Marcelo –
Haha imagina, nunca, jamais!
marcelo-e-roni_bbb-tv-globo-606

HG- Você acha que ter participado do programa te prejudicou em algo?
Marcelo –
Acredito que não. Pois a receptividade que tive quando sai da casa e o carinho dos fãs comigo me impressionou muito. Isso mostra que a grande maioria do público aprovou meu jeito único e sincero de ser.

HG – Você falou no Chat BBB que pensa em ser ator. Você acha que conseguiria?
Marcelo –
Eu sempre quis entrar no BBB e realizei meu sonho. Não sei ao certo, acho que tenho boas virtudes para ser, bem como trabalhar com algo na TV, mas sei que só isso não basta e tem que ralar muito! Mas quem sabe…
img_7779

HG- Você agora vai morar no RJ ou vai voltar pra sua cidade? Quais seus planos?
Marcelo –
Passei 3 dias na minha cidade para descansar, rever os amigos e os familiares. Vai depender muito, mas provavelmente eu deva morar no Rio ou em SP.

HG- Eu postei umas fotos suas novinho e você era gordinho! Como você fez pra emagrecer? Ainda tem tendência a engordar?
Marcelo –
Era muito gordinho haha. Era engraçado! Eu emagreci dos meus 14 para os 15 anos. Espichei e fiz uma dieta. Emagreci 8kg no primeiro mês, me alimentava muito errado e comia muito chocolate (o que de fato e o meu problema, doce haha). Tenho tendência sim a engordar, tenho que cuidar da alimentação e fazer exercícios físicos. Mas nunca deixo de comer o que quero, não sou tão neurótico com alimentação.
18-617x401

HG- Já acabou a sua abstinência de sexo desde que saiu da casa? Com quem?
Marcelo –
Por exemplo agora, to dedicando meu tempo a entrevista ao invés de estar resolvendo esse “detalhe” hahaha.

HG – Se fizerem um BBB só com ex-participantes, você voltaria?
Marcelo –
Talvez, muito cedo pra pensar. O momento da minha vida seria um fator fundamental pra decidir.

HG – Você entendia os discursos do Bial? Eu sempre aperto SAP na esperança de entender…
Marcelo –
Hahaha. As vezes eu entendia na hora, ou ficava pensando depois e chegava a uma conclusão.

HG – Você é do tipo que da o primeiro beijo e ja acha que a pessoa é o amor da sua vida? Que vai casar com ela, etc?
Marcelo –
Casar? O que e isso? Hahaha! Brincadeira! Não imagina! Mas quando namoro sempre tento enxergar o futuro.

HG – O que podemos esperar do Marcelo de agora em diante???
Marcelo –
Recém sai do programa, estou me reorganizando e acredito que logo teremos novidades!

HG – Mande um recadinho pros seus fās.
Marcelo –
Juntos Até Depois do Fim!

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

10.mar

#DeFrenteComGloss – Ricky Martin – O DEUS Latino! Por Lela Gomes

music1
Semana passada recebi uma missão irrecusável da Sony Music: entrevistar o magya inoxidável Ricky Martin durante sua passagem pelo Rio. Na hora, a Maria que mora em mim gritou: Tô indo pro Fasano agoooora… Mas o destino é truqueiro e bloqueou a minha agenda glossificada bem no dia da entrevista!
Nessa hora você faz o quê? Se afunda num balde de Guaraná Dolly e espera o Dollynho aparecer e te levar pro outro lado da vida né? Quase fiz isso! Mas antes tive a brilhante ideia de ativar minha amiga/parceira/blogueira/repórter Lela Gomes para me representar! Graças a Deus ela topou! Porque nessa vida você perde um rim, mas não perde a chance de falar com Ricky Martin!
Leiam a entrevista e o relato da Lela e se apaixonem, ou reapaixonem por esse muso!
ricky1
Relato Lela Gomes
Estava eu, hoje, por volta do meio dia, deitada na minha cama, abraçada com um saco de água quente, morrendo de cólica, quando de repente meu WhatsApp apita… Era Hugo Gloss me pedindo um favor de última hora: Entrevistar o Ricky Martin ás 16:00 no Fasano. Como amigo é coisa pra se guardar do lado esquerdo do peito, jamais negaria esse favor a ele!
Cheguei no Fasano por volta de 15:30 e sem muito alarde no hotel, me dirigi a sala de imprensa para o chá de cadeira… Fui recebida pelo empresário dele, um careca fofíssimo que já veio falando das minhas tatuagens e do amor pelo Rio, quando de repente surge aquele homem absurdamente bonito na minha frente, com um sorriso de orelha a orelha… Gente, o Ricky Martin é mal educado de tão bonito… Começamos a conversa e eu me APAIXONEI pelo homem! Sim, gente… Ele é tão querido que dá vontade de conversar com ele o tempo inteiro, mas só tinha 10 minutos, então tentei deixar o clima mais descontraído possível e acho que consegui. O resultado tá aí e espero que vocês gostem!

Captura de Tela 2014-03-10 às 19.04.16

Foto: Camile Garzon

Lela Gomes – É a sua segunda vez gravando uma musica pra Copa! A nova musica é tão boa quanto “La Copa de la vida”? Allez Allez Allez?
Ricky Martin –
Meus Deus! Eu gosto muito da “La Copa de la Vida”, mas “Vida” tem uma mágica, melódicamente falando, eu acho que é melhor que “La Copa de la Vida”, a melodia é muito pegajosa. Uma coisa eu vou te dizer, vai ser uma bomba. Vamos fazer um bom som e alguns remixes, vai ficar muito, muito legal.

Lela Gomes – O Elijah King (vencedor do concurso) canta em espanhol, você vai dar uma palhinha em português?
Ricky Martin -
Não português, não! Eu canto em espanhol, não vou cantar em português (risos), meu sotaque cantando em português é ainda mais forte.

Lela Gomes – Você esta no Rio para gravar o clipe! Como será? So sera gravado no Rio?
Ricky Martin -
Sim, por isso estou aqui. Vamos gravar durante dois dias. O clipe será gravado nas ruas, vamos mostrar cores, som do Brasil, muitas pessoas, rostos e eu no meio. Escolhi as locações, tem praia, estádios, mas o mais importante são os rostos dos brasileiros.

Lela Gomes – Há um tempo você twittou que estava com saudades do Brasil e que pensava em passar um tempo aqui. Quando você vem passar uma temporada?
Ricky Martin -
Eu volto, eu gostaria de ficar um tempo no nordeste brasileiro. Conheço Recife, Natal, Fortaleza, Bahia, Belém, mas eu gosto muito é de Natal. É um lugar lindo, as dunas de Natal são inesquecíveis.

Lela Gomes – Você é um dos jurados do The Voice Australia! E quase ganhou ano passado com Luke Kennedy! Como tem sido a experiência?
Ricky Martin –
Opa eu ganhei (risos), meus artistas também ganharam, e ganharam muito porque fizeram uma turnê comigo, eu trouxe eles para a América Latina (risos). Eu sou muito competitivo (risos) acho que eles ganharam.
ph-band8_20130407124502206574-620x349

Lela Gomes – E o que te fazia apertar o botão e virar a cadeira para um candidato?
Ricky Martin –
O coração! Tudo depende, às vezes é a voz, às vezes é a interpretação, como a música está sendo cantada. É algo que você não sabe e faz (movimento de apertar o botão), é uma coisa incrível, muito interessante. Adorei, adorei as apresentações do programa.

Lela Gomes – Você Já gravou com a Claudia Leitte que é jurada do nosso The Voice? Gostou de trabalhar com ela? Você toparia participar de uma edição do The Voice Brasil? Podemos te cobiçar?
Richy Martin –
Adoraria, meu Deus! Mas tenho que falar bem o português, arrumo qualquer desculpa para morar aqui no Brasil (risos). Adorei trabalhar com a Claudia Leitte, é uma mulher maravilhosa, muito criativa, tem muita paixão pelo trabalho e é muito musical. Eu dava muitas risadas durante as gravações do do nosso videoclipe, ela é muito brincalhona, não para. Adorei trabalhar com ela.

Lela Gomes – No programa você está ao lado de Will I Am e Kylie Minogue! Podemos esperar parcerias?
Ricky Martin –
Já trabalhei com Will I Am no passado, também fiz com a Kylie e com o Joel Madden, que é um músico maravilhoso. Acho que faria outra parceria sim, seria maravilhoso.

Lela Gomes – Você é porto-riquenho, mora nos Estados Unidos, faz o The Voice Austrália, você não fica perdido de vez em quando?
Ricky Martin –
Não, agora estou morando na Austrália e se não estou na Australia e vou para Porto Rico, a minha família toda mora lá. Eu tenho casa em Nova York, mas fico mais tempo em Porto Rico.

Lela Gomes – O Hugo Gloss assistiu seu musical Evita na primeira fila, e achou fantástico! Voce pensa em fazer outros musicais?
Ricky Martin –
Ohhh Hugo Gloss é o melhor! Meu amigo, esse cara é famosíssimo. E ele não dormiu na primeira fila? (risos). Porque ele não me falou que ia? Queria conhecê-lo! (risos). Então, eu adoraria voltar, fazer uma peça de teatro na Broadway foi uma das melhores experiências da minha vida. Mas é muito trabalhoso, são oito apresentações por semana, é muito cansativo, fisicamente. Não porque é monótono, não existe uma apresentação igual a outra, é fisicamente cansativo. Mas gostaria sim de fazer uma peça, quem sabe não voltaria para fazer um monólogo, quero fazer uma loucura dessas.
evita-Ricky+Martin+5
Lela Gomes – Você é famoso desde de quando você nasceu, não tem um dia que você acorda e fala “Quero ser anômino, cansei!”?
Ricky Martin –
Eu posso ser anônimo, se eu quiser. Minha mãe sempre me falou “Você pode ser de tudo nessa vida, mas tem que saber fazer”. E às vezes sou bem anônimo e ninguém me vê (risos), agora não me pergunte como porque isso é segredo.

Lela Gomes – Você sabe gírias em português? Posso te ensinar algumas frases! “Boy magya” e “Você lacra”
Richy Martin –
Não conheço, mas você pode me ensinar. “Você Lacra, cara!” “Oi, Magya!” Gostei dessa “Magia”, em espanhol também falamos assim pra pessoas bonitas.

Lela Gomes – O Hugo Gloss inventou a gíria “Boy Magya”, ele fala que você é um “Boy Magya”!
Ricky Martin -
Ahhh eu sou um Boy Magya? Obrigado! Nem sei o que dizer (risos)

Aqui eu mato a cobra (ui!) e mostro o pau! Cata o áudio da entrevista na integra! VRAAAAAA

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

17.fev

De Frente Com Gloss – Fabíola Reipert

tv
Pode-se dizer que ela é a inimiga número 1 dos famosos, a dona do blog mais polêmico do mundo das celebridades. Fabíola Reipert é o nome mágico para atiçar a ira da maioria dos artistas. Ninguém escapa dela e da sua língua ferina. Segundo Fabíola (ou “cobríola”, como chamam alguns dos leitores do blog dela), os famosos vivem em um “mundinho pantanoso”, cheio de fachadas e mentiras. E ela está lá para expor tudo pra quem quiser ouvir. Muita gente diz que ela inventa, mas como toda jornalista, ela diz que só publica FATOS e não BOATOS… Vai saber! O que é inegável é que Fabíola construiu sozinha sua reputação de maior fofoqueira do país. A maior representante feminina do jornalismo de celebridades topou ficar “De Frente com Gloss” e esclarecer se ela é mesmo essa “mal amada” e “desocupada” que todos adoram falar e se existe algo de pessoal em todas as suas críticas. Muito sincera, Fabíola não teve medo de contar os baphos e mostrou que pode até ser uma Naja no blog, mas que na vida ela está mais pra passarinho, livre, leve e solta… Bem-vindos ao universo oculto de Fabíola Reipert!!

181421_129428377258982_1495182455_n

HG – Fabíola, você é considerada a inimiga n. 1 das celebridades. O que acha desse título?
Fabíola -
Não tenho a menor intenção de ser amiga dos famosos, pois se isso acontecer não vou mais ter liberdade para contar o que acontece de verdade nos bastidores. Tem jornalista que se sente amigo deles, mas isso é ilusão. Eles só são amigos enquanto o cara está em uma revista, site ou jornal conhecidos. Se o jornalista perder seu cargo, o famoso nem olha mais para a cara dele no dia seguinte, tadinho.

HG – Você se acha fofoqueira?
Fabíola -
Claaaaaaro. Adoro uma fofoca, como todo mundo, só que eu ganho pra isso rs. Mas fora do trabalho sou bem diferente. Meus amigos têm total liberdade para confiar e contar um segredo. Eles sabem que daqui não vai sair.

HG – Quando você era da coluna Zapping, do Jornal Agora, você falava muito mais de TV do que apenas dos baphos. O que mudou com a sua ida para o R7?
Fabíola –
A coluna Zapping é uma coluna especializada em TV, por isso eu me aprofundava mais neste assunto, apesar de muitas vezes misturar as duas coisas. Quando comecei a fazer o blog no R7, o leque se abriu e eu passeia investir mais nos bafões dos famosos.

HG – O Fato de você ter um blog e não mais uma coluna, te dá liberdade para colocar sua opinião nas notícias?
Fabíola –
Sim, dá mais liberdade. Quem acompanha meu blog gosta de ver opinião, senão fica tudo muito engessado.
Captura de Tela 2014-02-17 às 00.06.48

HG – Você realmente se interessa pelo “mundinho pantanoso dos famosos” ou é apenas seu trabalho? Você tem curiosidade sobre a vida deles ou só se interessa porque tem que ter o que publicar?
Fabíola –
Olha, eu me interesso por esse assunto, sim, mesmo que não fosse a minha área. Claro que se não fosse meu trabalho eu não ia ser uma fanática por famosos, mas iria dar uma olhadinha pelo menos. As pessoas têm curiosidade de saber o que acontece na vida das outras. Isso é normal.

HG – Vários artistas que conheço dizem que você é a jornalista mais maléfica. Por que você acha que eles acham isso?
Fabíola –
Nem ligo para o que eles pensam de mim. Se eu trabalhasse na Caras, por exemplo, iria mostrar somente o que as celebridades querem, o glamour, a parte boa, que muitas vezes é fachada… Mas meu trabalho é mostrar o lado B, os bastidores, a vida como ela é. O público que acompanha os famosos adora saber esse outro lado também, que é o lado da verdade, da realidade.

HG – Por que você dava tantas notas anti-Anitta? E por que você parou de pegar no pé dela?
Fabíola –
Eu dava notas porque a Anitta (MC Larissa) dava motivos. Rolavam uns pitis, umas frescuras. Mas depois acabei conhecendo-a melhor e vi que não era bem ela que era metida, e sim sua equipe. Querem colocar a menina numa redoma de vidro como se fosse uma estrela de Hollywood e isso passa uma imagem muito antipática. Agora percebi que ela é super gente boa, passei a ter contato com ela. Mas a Anitta sabe bem que se eu precisar dar uma nota que não vai agradá-la, faz parte do meu trabalho. Não estou aqui para puxar o saco de ninguém, não.
anitta

HG – Outros jornalistas procuram sempre estar no meio dos famosos, eu percebo que você tem uma postura mais distante. É por medo ou porque você não quer envolvimento mesmo?
Fabíola –
Só tenho medo de barata rs. Não quero envolvimento porque eles não são meus amigos. Como disse na outra pergunta, isso de amizade é ilusão. Só rola por interesse. A hora que o jornalista deixar de trabalhar em um veículo que interesse para os famosos, eles vão virar a cara e ficar amigo do próximo.

HG – A Susana Vieira conseguiu ganhar um direito de resposta por notas que você publicou. Você retira mesmo tudo que estava nas notas?
Fabíola –
Eu não publiquei nada ofensivo contra a Susana Vieira. Ela disse que eu pego no pé dela, mas o Pânico vive zoando a Susana, as outras colunas vivem publicando notas das coisas que ela faz, os próprios veículos ligados à Globo noticiaram quando ela arrancou o microfone da mão da repórter do Vídeo Show, lembra?
Sobre as notas que ela pediu direito de resposta, ela tem todo o direito de pedir, tanto que a gente publicou. Só nunca entendi o advogado dela que tem uma assessoria de imprensa (oi?), que ficou ligando para os jornalistas pedindo para darem uma nota dizendo que a Susana me processou.
Isso é nota? Será que todos os advogados que processam jornalistas ficam passando nota para o resto da imprensa? Estranho…
susana x fabiola
HG – Você levaria a Susana pra jantar pra fazer as pazes com ela? Não acha que ela deve ter histórias maravilhosas?
Fabíola –
Simmmmm, acho que ela deve ser ótima. Sério, faria as pazes com ela. Não tenho nada pessoal contra ela. Acho que deve ser uma pessoa bem divertida.

HG – Já ouvi dizer que no meio jornalístico há um preconceito contra os que cobrem celebridade. Todo mundo acha que é menos importante, que é quase um trabalho sujo e feio. O que você acha disso?
Fabíola –
Não estou nem aí para esse preconceito. Eu gosto do que faço, trabalho me divertindo ao mesmo tempo e não são eles que pagam as minhas contas. Prefiro cobrir uma festa do que uma enchente, por exemplo, com todo o respeito, hein! Podem continuar falando à vontade.

HG – Quantas vezes por dia alguém te manda “cuidar da sua vida”?
Fabíola -
Já perdi a conta rs. E me mandam lavar louça e roupa também.

HG – Falando em “vida”, eu te sigo no Instagram e você tem um boy babado. Como se conheceram? O que ele acha do seu trabalho?
Fabíola –
Namoro o Diogo há quatro anos. A gente se conheceu na balada, no antigo Vegas, aqui em SP. Eu estava saindo do banheiro e dei um puta esbarrão nele (sem querer), aí a gente se conheceu. Estava acabando de sair de um outro namoro (chato) de três anos e louca para ficar solteira e curtir, aí fiquei a fim dele e rolou. E posso te dizer que é o meu melhor namorado até hoje. Ele é de uma área totalmente diferente da minha, economia, mas acha meu trabalho legal, sempre me apoia em tudo.
Captura de Tela 2014-02-16 às 22.54.24

HG – Como a sua família lida com a sua profissão? Sua mãe não te liga e diz “meu filha, não faz isso”? Ou acham que é isso mesmo? Como é?
Fabíola –
Eles gostam, ficam me vendo na TV e mandando os amigos e parentes verem também rs. Morro de vergonha. Não precisa ficar avisando o povo, né?

HG – O seu trabalho prejudica a sua vida pessoal? Você deixa de fazer alguma coisa pra apurar notas, fechar colunas, ir atrás do babados?
Fabíola –
Não prejudica em nada. Faço tudo o que qualquer pessoa faz. Saio à noite, vou (muito) à praia, saio com amigos. Dá para conciliar as duas coisas numa boa.

Captura de Tela 2014-02-16 às 23.36.48

HG – Você é uma pessoa muito ansiosa? Tenho a impressão de que deve ser uma ansiedade constante saber das coisas e publicar antes. Como você lida com isso?
Fabíola –
Sou ansiosa, mas isso não me faz mal. Não tenho problemas com isso. Claro que quero publicar as notícias antes, mas não sou neurótica. Um dia é um que dá um furo, outro dia é outro, e assim vai.

HG – Muita gente nos comentários te xinga. Você lê todos? Te incomoda?
Fabíola –
Nossa, me xingam de todos os nomes que você pode imaginar, mas eu acho engraçado, sabia? Me divirto com esse povo. Não me incomoda. A minha sorte é que sou muito bem resolvida, levo tudo na brincadeira, por isso não me ofendo com nada. Eles me chamam de mal amada, mas mal sabem eles como minha vida pessoal é maravilhosa. E se eu me incomodasse, não aprovaria no meu blog os comentários das pessoas me xingando, criticando. Acho que tem espaço para tudo, dos elogios às críticas.

HG – Você vive em luta contra a balança? Como é sua relação com essa “ditadura da beleza”?
Fabíola –
Que nada, menino, não acho legal ser magrela, toda reta de frente e de costas, rs. Brincadeira. Mas não entendo como tem tanta mulher que fica na neura para ser muito magra. Acho que muitas fazem isso pelo fato de a TV engordar uns seis quilos, né? Você já me viu pessoalmente? Meu biotipo é ser grande, sou alta, tenho bundão, peitão, rsrs. Eu faço musculação desde os 15 anos, tenho perna, braço, tudo forte e com músculos (uiii rs). Eu acho legal assim, combina mais comigo. E se eu me atrever a ficar magrinha (uma vez pesei 50 quilos e fiquei horrível, com perninhas de sabiá kkk), além de não ficar satisfeita comigo mesma, ainda perco o bofe, porque ele não gosta de jeito nenhum.

HG – Já te chamaram pra ter um programa próprio? Não tem vontade de ir pra TV?
Fabíola –
Não, nem quero para falar a verdade. Estou indo ao Balanço Geral com o Luiz Bacci e prefiro assim, somente uma participação. Na verdade nunca quis fazer TV, simplesmente aconteceu. Minha praia mesmo é escrever, como sempre fiz.
1_0
HG – Você consome as fofocas de outros países? Te interessa saber das fofocas gringas?
Fabíola –
Não muito. A não ser que seja com gente muito famosa, senão não me interessa.

HG – Falando de gringos, você acha que aqui somos mais ou menos invasivos no que diz respeito à mídia de celebridades? O que podemos aprender com os americanos?
Fabíola –
Lá fora eles são muito mais invasivos. Eles não perdoam, publicam tudo mesmo. A gente até que se segura mais. Uma vez circulou nas redações fotos de um famoso ator da Globo comprando drogas na cracolândia, em SP, mas ninguém publicou. E não foi somente para não levar processo, a gente ficou com pena dele mesmo, pois o cara estava numa situação péssima. Se fosse lá fora, ele seria manchete, não tenha dúvida.

HG – Você já se arrependeu de alguma coisa que você publicou? O quê? Conseguiu reparar?
Fabíola -
Não me arrependi. Mas já teve famoso me pedindo para pegar mais leve e eu peguei. Acho que se a pessoa teve a humildade de chegar em mim e pedir, quem sou eu para não atender?

HG – Tem celebridade que te liga passando notas sobre os colegas? Você publica?
Fabíola –
Tem, sim. Quando eu tenho certeza que é verdade, publico.

HG – Nessa de “fontes” não tem gente que pode se aproveitar pra espalhar boatos e “ferrar” alguém? Como filtrar?
Fabíola –
Tem claro, por isso é importante cruzar as informações. Mas de qualquer forma eles sempre vão negar quando não for interessante que o assunto seja divulgado.

HG – Você é vingativa? Já usou seus métodos pra se vingar de alguém que fez algo contra você?
Fabíola –
Quando a pessoa apronta alguma, não só eu, mas como todos os jornalistas, publicamos o que rolou para a pessoa passar vergonha.

HG – Algumas celebridades que dizem que você inventa histórias. Você já publicou alguma coisa sem apurar porque você confiava na fonte?
Fabíola –
É…, eu passo uma parte do meu dia criando histórias, sou super criativa rs. Claro que eles falam que eu invento. Por acaso esse povo aceita a verdade? Muitos vivem de fachada, com casamentos falidos, casamentos de mentira, carros e casas emprestados para aparecer na capa da revista. Você acha que eles gostam quando a gente desmascara? Aí é mais fácil falar que a notícia é inventada…

HG – O fato de você estar no R7, que é da Record, te impede de dar notas sobre a emissora? Como é a política por lá em relação a isso?
Fabíola –
Eu já arrumei confusão com vários famosos da Record, então isso quer dizer que saíram notas sobre eles no meu blog. Tem gente que nem olha na minha cara. Mas é claro que estando aqui dentro as coisas mudam um pouco de figura. Tem notícias que não posso publicar por estratégia da empresa. Como trabalho lá, tenho de respeitar, senão é melhor cair fora. Mas de um modo geral não me sinto censurada, tenho liberdade no meu blog.
fabiola123

HG – Como as redes sociais interferem no seu trabalho? Twitter e Instagram dificultam ou facilitam a vida de quem cobre celebridades?
Fabíola –
Pelo contrário, acho que ajuda. O povo se expõe totalmente nas redes sociais. Para a gente é ótimo, pois depender de assessoria de imprensa muitas vezes é terrível, pois tem assessor que se sente mais celebridade que a celebridade…

HG – Quem é a celebridade que você mais odeia? Por quê?
Fabíola –
Não odeio ninguém, apesar de parecer que sim. Apenas faço o meu trabalho. Na hora em que desligo meu computador, vou viver minha vida, nem lembro que esse povo existe. Não é nada pessoal, apenas profissional. É a mesma coisa que os jornalistas que cobrem política. Eles contam os podres dos políticos pelo fato de ser o trabalho deles, não por odiarem.

HG – E a que mais te odeia? Por quê?
Fabíola –
Não sei quem é o que mais odeia. Você que conhece esse povo deve saber mais do que eu rsss. Ah tem a atriz das bolsas falsificadas, ela me odeia muito.

HG – Muito artista puxa seu saco só para que você não publique notinhas ruins sobre eles? E isso funciona?
Fabíola –
Sempre tem, mas comigo isso rola pouco porque eles já perceberam que não funciona. Já me ofereceram até dinheiro, mas eu não aceito.

HG – Como é seu código de ética? O que você não publica?
Fabíola –
Evito publicar notas sobre doença, acho pesado demais.

HG – Você já foi processada? Por quem e por quê? Já perdeu algum processo?
Fabíola –
Já, né rs? Os famosos acham que ao processar vão conseguir censurar. Enquanto eu trabalhava no jornal Agora, do Grupo Folha, nunca perdi nenhum processo. Agora no R7 também não, tem um aí que estamos recorrendo. Os atores da Globo não me processavam quando eu estava no jornal. Agora tem rolado mais por causa da briga Globo x Record. Eles querem fazer bonitinho lá na Globo e entram com processo por motivos tão bestas. Não entendo como podem fazer a Justiça perder tempo com bobagem, sendo que tem tanta coisa mais séria acontecendo.

HG – Existe amizade entre os jornalistas de celebridade? Ou são todos inimigos? Um passa nota pro outro? Como funciona?
Fabíola –
Claro que existe. Sou amiga de vários. A gente se ajuda, sim, um dá força para o outro. Acho isso muito legal.

HG – Que conselho vc daria pra quem sonha em ser famoso?
Fabíola –
Acho que a pessoa tem de se preparar para o lado bom e o ruim da fama. Na hora de se expor e conseguir trabalhos ganhando cachê, todo mundo quer, mas aí quando um repórter ou paparazzo descobre algo que ele não gosta, se a pessoa tiver dignidade teria de aceitar que isso é o preço da fama.
A Luana Piovani, por exemplo, é uma mal educada com a imprensa. Mas quando precisa divulgar aquelas peças de teatro que ela faz, fica toda meiga e boazinha. A imprensa deveria ignorar e não divulgar nada. Ia ser engraçado ver o teatro vazio por falta de divulgação. Quem sabe ela aprenderia a tratar as pessoas melhor.
luana-piovani

HG- Quais as celebridades que mais maltratam a imprensa? E as mais simpáticas?
Fabíola –
Carolina Dieckmann já foi um nojo, mas hoje em dia ela sorri para os fotógrafos para tentar perder um pouco a fama de chata que sempre teve. Aí a gente finge que não percebe que é um sorriso falso…
A Luana, como disse na pergunta anterior, é muito grosseira. Ela é a pior. E isso prejudica a imagem da pessoa. Ninguém chama a Luana para fazer comerciais, por exemplo. E a Globo não quis dar a ela o tão sonhado programa infantil. Tadinhas das crianças, né?
Outro que ganha Troféu Antipatia é o Gabriel Braga Nunes. Acho que esse cara deve ser mal-humorado até com ele mesmo…E a Bruna Marquezine que se cuide, viu? Ela está indo pelo mesmo caminho…

HG- O que você acha da história Grazi, Ísis e Cauã? Você é #TeamGrazi, #TeamCaua ou #TeamIsis?
Fabíola –
Eu brinco com a Grazi, chamo de ex-BBB e os fãs dela ficam bem bravos. Mas aqui entre nós, claro que fico do lado dela. A Grazi pode ter seus defeitos, como todo nós (e aquela vozinha dela de criança é irritante), mas ela sempre teve dignidade nesse relacionamento com o Cauã. A Isis é outra que tem uma certa fama de fura-olho, né? Tomara que a Grazi arrume alguém bem legal e que dê o valor que ela merece.
rp_caua_isis_grazi_620-617x348.jpg
HG – Às vezes vc se sente como a única pessoa que fala o que todo mundo pensa? As pessoas te falam isso na rua?
Fabíola –
Falam isso direito pra mim. Que eu não fico puxando o saco, que conto a verdade doa a quem doer. Escuto isso toda hora na rua.

HG – Tem algum famoso que você tem medo de encontrar na rua e te bater?
Fabíola –
Não tenho medo, mas tem uma atriz inexpressiva e sem sal, com fama de fura-olho na Globo (mais que a Isis), que também não vai com a minha cara. Outro dia, ela tentou fazer um barraco comigo. Saí dando risada porque ela foi patética.

HG- O que você acha dos Ex-BBBs?
Fabíola –
Não vejo esse programa. Acho tão chato que até peguei implicância da voz do Pedro Bial, acredita? E morro de tédio quando leio nos sites notas sobre ex-BBB.
bial-bbb

HG – Quem são os intocáveis da imprensa de celebridades brasileira? Sobre quem não se fala? Existem essas pessoas? Por que elas são protegidas?
Fabíola –
Para mim não tem celebridade intocável. Não aceito isso. Eles não quiseram ser famosos? Então precisam entender que há seus prós e seus contras, né?

HG – Já te ameaçaram de morte por conta de alguma nota? Qual?
Fabíola –
Quem me ameaça de morte são os fãs, como os do Luan Santana, por exemplo. Eles ameaçam no Twitter.

HG – Você já quis parar alguma vez? Mudar de ramo, de estilo, fazer outra coisa? Nunca cansou desse mundo?
Fabíola –
Ainda não. Gosto do que faço.

HG – Você lê as colunas de outros “fofoqueiros”? Quem são seus preferidos? Existe alguma rivalidade?
Fabíola –
Leio todas, claro, preciso saber o que está acontecendo fora do meu blog. O Leo Dias é meu amigo. Admiro como pessoa e profissional.
Captura de Tela 2014-02-16 às 22.52.50

HG – Um dia você pretende lançar um livro contando tudo o que você não contou? Quais os seus planos pro futuro, quando você cansar de escrever sobre famosos?
Fabíola –
Tenho vontade. É bem capaz que eu escreva, viu? Ia ser bafo…
No futuro talvez eu abra um bar. Tenho muita vontade. Converso muito sobre isso com meu irmão. Quem sabe um dia.

HG – Pra quem você mandaria um beijinho no ombro?
Fabíola –
Mandaria para os famosos que adoram se expor na capa das revistas, nas redes sociais, nos programas de TV, e depois fazem a linha discretos e ameaçam jornalistas de processo só porque não saiu a notícia fabricada que eles queriam…

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

5.fev

De Frente Com Gloss – Nana Rude – A demônia do Instagram

geek

O Babado é ceerto! Cada rede social traz consigo aquele perfil anônimo com alguém que faz a gente morrer de rir com suas sacadas geniais cheias de veneno e, muitas vezes, sinceridade. No instagram, ela reina. Nana Rude é a rainha dos baphos instagramáticos. A fia pega todos os comentários, fica de olho em quem seguiu quem, quem deixou de seguir, cata todas as brigas e vive em busca dos piores looks blogueiros pra xoxar. É quase a Fabiola Reipert do instagram!!! Durante um tempo, muitas pessoas me encontravam e falavam que a Nana Rude era um perfil meu disfarçado pra poder xoxar todos. Não que eu precise, né? Mas isso me motivou a descobrir quem era a pessoa por trás dessas madeixas loiras de Nazaré Tedesco. Comecei uma conversinha e… PAH! Convenci o responsável a bater um papo público para mostrar um pouquinho mais sobre quem é a dona do bordão “Eu tô é mortaaaaaaa”. E eu fiquei foi MORTOOO com a descoberta. Bem-vindos ao infinito particular de Naná Rude.

Nana Rude

HG – Vamos pelo começo. Quem está por trás da Nana Rude? É homem, mulher, travesti, entidade? Conta pra gente!
Nana Rude -
Sou homem sim, me chamo Nathan. Porém na hora dos posts baixa uma entidade meio travesti, meio Inês Brasil.

HG – Você estava um dia em casa e resolveu fazer um insta pra xoxar o povo? Como foi que surgiu a Nana?
Nana Rude –
Foi no Baile da Vogue de 2013, eu estava sozinha em casa (aí, às vezes eu me refiro a eu mesmo no feminino… HAHAHAHAH É difícil separar a criatura do criador.) e vi uma foto de uma louca toda coberta de penas, parecendo uma avestruz depois da open bar, aí pensei “vou fazer um perfil pra falar da roupa desse povo”.

HG – Várias pessoas, inclusive famosos, já acharam que EU era você. Por que você acha que rola isso?
Nana Rude –
As pessoas que acham isso são na maioria seus amigos ou pessoas que te seguem desde o início quando sua identidade ainda era completamente anônima. Acho que existem semelhanças sim, na agilidade do humor e no fato de estar sempre conectado. Me comparam também com a Katylene e com o pessoal do blog Morri de Sunga Branca. Fico lisonjeado, pois todos são engraçadissímos. #NanaPuxaSaco

HG – Qual a sua idade e profissão? Em qual Estado brasileiro você mora?
Nana Rude –
Tenho 23 aninhos, moro em Porto Alegre no Rio Grande do Sul e sou dono de uma loja de roupas.
foto 1 (1)
HG – Da onde veio essa ideia de misturar Nazaré com Lala Rudge? Você ama as duas?
Nana Rude –
A Nazaré eu sempre amei, sempre, sempre, eu era super novo e AMAVA A NOVELA, tinha uma gay amiga minha que me ajudava a encenar na hora do intervalo. Ela era a “Anta Nordestina” e eu a “Naza Pegadora”. Aí a gente para e pensa e vê que são coisas do destino mesmo… E sobre a Lala, eu acho ela linda, magra, rica e bem casada. Tipo o meu sonho. Hahahaha Gosto dela, conversamos várias vezes, já fomos inimigas, hoje não mais.
nanaelala

HG – Como foi esse bapho que você inventou que as famosas emprestam roupas pras seguidoras que pedem?
Nana Rude –
Isso foi uma das coisas mais legais que aconteceram no perfil, foi assim: vi nos comentários da Lala Rudge uma menina pedindo um vestido emprestado pra festa da firma, porque ela tinha marcado make e hair no mesmo salão que a Lala frequenta e não tinha sobrado pro look. Aí postei no meu perfil o comentário da menina com a #EmprestaLala e em minutos tinham mais de 1000 comentários na foto da Lala e ela resolveu doar 4 vestidos pra menina, entre eles um Dolce & Gabbana. Depois disso também rolou o #EmprestaAnitta, também com sucesso. A Anitta deu um vestido que usou no Caldeirão do Huck pra formatura de uma fã que pediu.

empresta
HG – Você criou o Instagram pra falar mal de alguém específico? Teve uma inimiga que serviu de musa inspiradora pra tanta xoxação?
Nana Rude –
Ninguém específico, o foco inicial era sem pretensão nenhuma mesmo. Jamais imaginei que iria crescer desse jeito, em uma semana já eram 10.000 seguidores.

HG – Só uma pessoa escreve no perfil ou você tem ajudantes?
Nana Rude –
Só eu, se não perde um pouco da diversão.
foto 3
HG – Os baphos que você posta você apura todos sozinhos ou seus seguidores que fazem o trabalho sujo? Haja saco para ler tanto comentário!
Nana Rude –
Quando é cobertura de evento eu faço tudo sozinho, mas normalmente eu recebo muita coisa por e-mail e Insta Direct. Tem gente que manda coisas de inimiga, ex-amiga, blogueira anônima da mesma cidade… É cada coisa que eu recebo! Recebi a foto do Caio Castro visitando a filha na maternidade, que infelizmente faleceu, mais de um mês antes da notícia vazar na imprensa. Não postei por que achava que era alguma gravação de novela. Meu seguidores são babadeiros, e eu amo os comentários, acho que são parte fundamental da diversão. Lá no perfil você pode dar sua opinião, sem ofensas, sobre tudo o que bem entender.

HG – Você já sofreu alguma ameaça de processo ou coisa do tipo? De quem?
Nana Rude –
Varias! Todas de pessoas anônimas, falar de anônimo é um stress, o povo se dói de verdade, e isso que eu geralmente tapo o rosto da pessoa. E também teve a esposa de um cantor famoso que reclamou no Twitter e os fãs do marido fizeram da minha vida um inferno durante uns dias. Recebi um e-mail de um fulaninho dizendo que o pai era juiz e já tinha rastreado o meu IP e emitido o meu “DANDATO” de prisão. HAHAHAAH Eu postei o e-mail e o povo chorava de rir…

processo

HG – Já teve alguém que pediu pra sair no seu Instagram? Gente que pediu pra ser elogiada (ou até gongada) pra ganhar seguidores?
Nana Rude –
No Instagram é muito comum as pessoas trocarem indicação, fazer sorteio, etc, pra ganhar seguidores. Recebo todos os dias gente perguntando se eu “troco indicação”, isso é uma praga, tipo SDV e TROCO LIKES. Mas não faço não, meus seguidores são reais. Sem sorteio e nem indicação.

HG – No Brasil, a gente sabe que pra criticar não se pode querer ser amigo de ninguém, pois o povo leva tudo pro lado pessoal. A Nana vai ficar pra sempre escondida para poder falar os baphos?
Nana Rude –
O Brasil precisa evoluir muito em relação a critica de moda, nos EUA, por exemplo, quase todo mundo ama o Fashion Police e a Joan Rivers é uma diaba maravilhosa. Se eu falei que o seu vestido é horrível não significa que você é horrível. As pessoas não sabem separar. Eu não tenho medo de me mostrar, nunca ofendi ninguém. As pessoas precisam abrir a cabeça pro humor.
425.ab.Rivers.Joan.122309

HG – Você pensa em expandir seu personagem pra um site, um programa de TV, algo assim?
Nana Rude –
Eu tenho o blog, mas está meio desativado porque o Instagram toma muito o meu tempo, e tem minha loja, minha vida pessoal…

HG – E quanto à imagem da Renata Sorrah, não tem perigo dela reclamar sobre o uso? Já pensou nisso?
Nana Rude –
Acho que ela até acharia engraçado, mas não tenho pretensão de usar a foto dela pra sempre. A Nana Rude ganhou vida própria, tem seus próprios bordões, e usa gírias super atuais na internet. Procuro não usar os bordões da Naza, só o mesmo espírito “alucicrazy” da personagem.
foto 1

HG – Você já fez algum post que se arrependeu depois? Qual? Por que se arrependeu?
Nana Rude –
Fiz vários que me arrependi, o último foi há poucos dias atrás, postei a declaração de um jogador de vôlei que julguei preconceituosa, mas falava também de outros temas como novela e traição. Aí o pessoal se confundiu, cada uma falava sobre uma coisa e resolvi apagar em respeito aos gays que poderiam ler os comentários e achar que o povo estava falando que era errado ser gay.

HG – A Nana adora falar do look das pessoas, mas a pessoa por trás da Nana se veste bem? Você entende de moda?
Nana Rude –
Eu me visto normalmente, prefiro não inventar grandes looks do que errar. Sou básico! Ainda bem que todo mundo não é assim, se todo mundo se vestisse como eu, a Nana não existiria, seria tudo muito básico. Hahahaah

HG – As pessoas adoram dizer que pra achar alguém feio você tem que ser bonito. Pra dizer que alguém está gordo você deve ser magro, etc. O argumento de “olhe pra você primeiro” está sempre nos comentários dos Instas. O que você acha disso? A Nana fala o que pensa ou pensa antes de falar?
Nana Rude –
Eu falo QUASE tudo o que eu penso, se falasse tudo estaria presa, pobre ou morta. Hahahaha Eu acho um pouco de hipocrisia chamar alguém de gordo sendo gordo sim. Eu falo muito da Gracyane, mas como sou boy, meu sonho é ter o abdômen dela. Hahahahahahah Isso é meio que um recalque ao contrário.
foto 2
HG – Por que tanto interesse no mundo das blogueiras? É porque dá ibope ou porque você gosta da área?
Nana Rude –
Esse interesse veio justamente por causa da Nana, antes disso eu conhecia pouquíssimas. O ibope e a polêmica quando se fala de blogueiras é muito grande sim, é tipo ame ou odeie. Não tem meio termo. Elas tem fãs que as defendem MUITO, na mesma proporção do que pessoas que as criticam. Aí vira tipo clássico de futebol, Lady Gaga X Madonna… É uma loucura!

HG – Você tem alguma formação de moda?
Nana Rude –
Não. Apenas vivo no meio de roupas desde que eu nasci, a loja que eu administro hoje tem mais de 30 anos, foi aberta pela minha mãe.
foto 1
HG – Se você pudesse escolher uma blogueira pra ser por um dia, qual você escolheria?
Nana Rude –
Qualquer uma das blogueiras fitness que estão na moda e faturando! Ia pagar o meu carnê do Minha Casa Minha Vida inteiro!

HG – A sua loja pagaria uma blogueira de moda pra usar/postar algum look?
Nana Rude –
Não dá pra negar que o alcance de alguns blogs de moda é muito grande hoje em dia. Mas, pro perfil do meu público, um gostosão recém saído do BBB traria mais retorno.

HG – Qual das blogueiras se veste melhor? E qual a mais equivocada?
Nana Rude –
É difícil dizer a que erra mais, cada uma erra de um jeito. A Lala Noleto erra bastante, principalmente com a proporção do look no corpo. A Thassia ousa bastante e acaba errando pelo excesso as vezes. A Lala Rudge muitas vezes fica preso no look apartamento (apenas um vestido e umq bolsinha carerrimos) mas sem ousadia….
foto

HG – E das atrizes? Quem é sua diva?
Nana Rude –
Falando das celebridades brasileiras em geral… Eu acho a Sabrina Sato maravilhosa, ela sabe segurar uma roupa sem nunca ficar vulgar. Gosto também da Grazi Massafera, Marina Ruy Barbosa, Tais Araujo, Fernanda Lima… Mas minha diva internacional é a mais controversa de todas, e já até zoei várias vezes, Lady Gaga. Fui em todos os shows da tour dela no Brasil.

HG – Qual celebridade brasileira e a mais mal vestida? Aquela que erra em todo red carpet
Nana Rude –
Paula Fernandes e Joelma. Seria um crime citar qualquer outra perto dessas… hahahah

HG – Quem é o maior desafeto da Nana Rude? Qual foi o bapho que causou a revolta?
Nana Rude -
A ex panicat Juju Salimeni, deve ser por que eu posto bastante os looks duvidosos dela e algumas respostas grosseiras que ela dá aos seguidores.
foto 2 (1)

HG – Tem alguém que sempre vai ganhar elogio da Nana mesmo quando errar? Quem?
Nana Rude –
Se errar eu vou falar sim, mas eu amo a Ivete. Acho que o talento e o carisma dela são grandiosos. Ela é a cara do Brasil e praticamente uma unanimidade.

HG – Alguém (da midia) já te conhece? Você já se revelou pra alguém?
Nana Rude –
Ninguém da mídia me conhece não, só me revelei para os meus amigos mais íntimos.

HG – Sua família já sabe da sua fama online? O que acham?
Nana Rude –
Minha mãe não sabe, ela tem problemas de saúde e eu sou responsável por ela, mas tenho certeza que se fosse tudo como era antes ela amaria e contaria pra todo mundo. Meu pai faleceu ano passado, e a Nana foi fundamental nessa fase terrível, por isso que acredito tanto no poder do humor. Mas acabando a sessão #NanaSofredora ahhahahah minha irmã sabe e não entende nada.

HG – A Nana Rude ganha dinheiro com o Instagram? Já dá pra anunciar no perfil? O bom é que se a marca anuncia você já não pode xoxar, né, ahahahhaah…
Nana Rude –
Eu faço publicidade sim, mas pouco e bastante selecionada, mas faço! E olha que todas as que eu fiz o pessoal adorou o resultado e agradeceu. #NanaJustus hahaha Porém não estou morrendo de fome pra anunciar uma marca pra mais de 200.000 seguidores reais em troca de camiseta ou vale presente. Hahahaha
foto 2
HG – A Nana Rude é Ryca tipo a Lala Rudge ou é mais tipo Nazaré e está na luta diária?
Nana Rude –
Na luta diária, meu amor! Sofrida, mas guerreira e bem penteada.

HG – Pra onde a Nana Rude pode crescer? Você tem o desejo de estar nas festas que a Nana comenta ou prefere ficar de casa acompanhando os baphos e vendo o pau comer? ui…
Nana Rude –
Acho que em termos de número de seguidores, ainda vai crescer muito, se Deus quiser! Mas me imagino fazendo coisas maiores, pra públicos maiores, tipo escrevendo pra algum programa de humor, ou fazendo um Fashion Police do Brasil, imagina que bafo? A Paula Fernandes ia pedir asilo fora do país. Hahahaah Não tenho pretensão de ser famoso, mas não vou deixar passar oportunidades.

HG – O Criador da Nana tem boy fixo? Já pegou alguém por causa do perfil?
Nana Rude –
Tenho sim! Namoro há mais de três anos, ele ama a Nana e eu. Hahahahahaha É uma pessoa sensacional, muito bem humorada, e a gente sabe diferenciar as coisas. #NanaApaixonada

HG – Algum boy já ofereceu umas fotinhos pelado em troca de sair no #BoysDaNana?
Nana Rude –
Já! Mas eu recusei porque não sou pornô. Ahahahhahaha Gosto da sensualidade sexy sem ser vulgar, tipo os boys na praia de sunga. O mais engraçado é que agora os boys postam fotos no Instagram com a #BoysDaNana, virou tipo marca registrada. O Felipe Titto fala que é o BoyDaNana oficial. E o Jonas ex-bbb 21 adora e segue!

foto 4

HG – Você tem alguns perfis concorrentes, tipo Creycyany e Janete Estranha. Vocês se conhecem? Existe uma inimizade? Já vi você brigando algumas vezes… #NanaBarraqueira
Nana Rude –
Já fiz muito barraco com as duas, por diversos motivos bobos, mas agora nem ligo mais. Tem espaço pra todo mundo… E eu olho pro meu perfil, vejo 5.000 comentários em uma foto, 15.000 likes em outra e começo a cantar “Late mais alto que daqui eu não te escuto…” e tudo passa. Hahahaha Tem aquela piada que diz “ser famoso na internet é igual ser rico no Banco Imobiliário”, é bem verdade, porém é divertido e gratificante demais quando você conquista tudo por conta própria e tem o carinho das pessoas. Meu #TeamNana é maravilhoso.

HG – Alguém conhecido já te passou algum bapho pra ser publicado?
Nana Rude –
Sim. Várias! Teve a amiga de blogueira famosa que vingou a amiga contra uma modelo, e uma amiga se metendo na briga entre estilistas.
foto (2)
HG – Se o Boninho te chamar, você iria pro BBB? Como seria você na casa?
Nana Rude –
Teve até o boato que eu iria esse ano por que eu estava de férias, já tinha até torcida! HAHAHAAH Mas se me chamassem eu iria sim, ou seria eliminado na primeira semana ou sairia de lá milionário. Seria a bixa amiga das meninas, não tem como fugir muito disso. Mas iria adorar se arumasse uma inimiga, a vida é muito mais feliz quando se tem uma inimiga. Hahahah

HG – Quais seus planos pra 2014, além de causar muito nas redes sociais?
Nana Rude –
Quero continuar alegrando as pessoas, e chegar nos 500 mil seguidores e nos 500 milhões na conta bancária. #NanaSonhadora

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

28.jan

De Frente Com Gloss – Valesca Popozuda

music1

O “De Frente com Gloss” está de volta mandando um belo beijinho no ombro das inimigas. Voltei para um papo com a nova sensação pop brasileira: VALESCA POPOZUDA. Ok, a Valesca não é nenhuma novidade… Tem uma carreira longa e bomba nos funks afora faz tempo… Masss… não é todo dia que vemos uma cantora dar uma reviravolta na carreira como ela fez ao lançar “Beijinho no Ombro”, o hit de todo mundo que já teve que conviver com uma recalcada. Valesca, que tem uma das maiores bundas do país – sim, ela colocou silicone e consegue apoiar uma xícara na bunda sem problemas – está determinada a ser a nova diva pop brasileira. Com dinheiro no bolso, conquistado por uma média de 30 shows por mês,Valesca está disposta a tombar as inimigas com seu salto 15 Louboutin (sim, ela tem vários) e quer sim ser musa gay. Nesse papo ela foi SUPER Sincera e contou até sobre o que os boys pedem pra ela fazer na cama.Coloque sua sainha sem calcinha e venha ler o bate papo babadeiro da gente!

Captura de Tela 2014-01-25 às 14.02.41

HG – Valesca, “Beijinho no Ombro” é o novo fenômeno musical do Brasil. Quem foi a recalcada que inspirou essa música?
Valesca -
Graças a Deus caiu no gosto popular, eu não fiz a música! Eu já falava muito o refrão, sempre que falava algo eu dizia e fazia “Beijo no Ombro”, então meu empresário recebeu a música do Wallace Viana e Andre Vieira e me falou “Valesca é a sua cara!!!”, e foi hahaha “TIRO , PORRADA E BOMBA”! Caiu como uma luva, eu costumo dizer que a música é um recado pra todas mulheres, né? Toda mulher tem um recalque dentro dela, olha o sapato da outra e não gosta, olha o cabelo e repara falando mal, então, não existe uma recalcada única que deve ter inspirado eles a fazer a letra hahahah

HG – A primeira vez que ouvi a música, eu entendi “Que Picão” e deixa de recalque, no lugar de “Keep Calm”. Foi de propósito? Ou foi só eu que entendi isso? rs…
Valesca –
Menino você anda com a “Pica” na cabeça né? Hhahahaha mas outras duas pessoas já vieram me dizer isso ahhaha você é a terceira. Não foi de propósito, deve ser o meu sotaque ou a forma que falo que deu a entender isso, mas não foi proposital hahahaha é o costume de vocês em ficar com o “Picão” na cabeça hahahahaha

HG – Você veio da Gaiola que tinha umas músicas muito mais explícitas, tipo “Hoje eu não vou dar, eu vou distribuir” e “Agora sou piranha e ninguém vai me segurar”. Esse lado da Valesca acabou?
Valesca –
Digamos que esse lado está trancada na Gaiola por tempo indeterminado, quando eu pensei, há 1 ano e meio, em fazer carreira solo eu já pensava em vir com algo diferente. De lá pra cá, meu Twitter e Face bombam com os adolescentes me mandando mensagem e dizendo que gostam de mim, então não tinha como eu fazer uma música que não fosse pra eles, então esse lado deu certo e o outro lado Valesca Gaiola, por enquanto, só existe nos shows, continuo cantando as músicas da forma que cantava na Gaiola, não tem como fazer um show sem cantar “De sainha” na versão proibidão, o público me mata hahahahaha

HG – Aliás, a Gaiola das Popozudas acabou?
Valesca -
Não! Deu uma parada pra poder se reestruturar, e voltar nesse ano, minha irmã tinha entrado, só que ela ainda precisava acertar muitas coisas, dança, voz , perder a timidez. Então, sentamos com ela e pensamos em trabalhar isso e refazer a Gaiola de uma forma que quando voltar não tenha comparações comigo. Senão o público vai sempre comparar e uma nunca será como a outra.
gaiola
HG – As ex- integrantes da Gaiola são suas amigas ou tipo te odeiam por ter se destacado e saído do grupo?
Valesca –
Hahahahaha Passaram muitas meninas ali, muita mulher junta sempre existe uma que não gosta da outra ,todas foram bem profissionais , no começo da Gaiola houve um ciúmes maior isso é normal depois de um tempo quando iam trocando as meninas as que entravam já sabiam que seriam minhas dançarinas então não tinha aquele problema de reclamar “Mas porque ela aparece mais do que eu” mas no começo bem lá no comecinho rolava ciúmes sim, Hoje em dia tenho contato com algumas, sempre que as encontro pergunto como estão , não sou de sentar com elas e tomar o café da tarde fofocando da vida, mas também não desejamos um pior pra outra.

HG – Seu clipe no ombro teve orçamento de 500 mil reais? Onde foi gasto tanto dinheiro?
Valesca -
Gastamos com tudo, nada foi de permuta ou patrocínio, NADA! Paguei da tia do café até a locação do castelo, então você imagina gastos pequenos e gastos enormes, foi pago centavo por centavo de todos figurinos, maquiadora, câmera, produtora, aluguel do tigre e águia, transporte, lanche, cabelo, passagens de avião , aluguel de cenário ou seja.. tudo tudo tudo.. no final ficou um valor BEM ALTO, mas costumo dizer que valeu a pena cada centavinho gasto, estou me sentindo realizada.

HG – Conta pra mim, você estava morrendo de medo daquele tigre, né? Dá pra ver na sua cara, ehehehhe…
Valesca –
Pior que não, recebi instrução pra não fazer muitos movimentos bruscos, pois a Princesa, esse é nome dela, poderia se assustar e me atacar. Mas treinei antes, e ela é bem tranquila, não tive medo, mas tive que me controlar pra não assustá-la .
valescaetiger

HG – Beyoncé e Katy Perry foram suas referências pro clipe. Você pensa em virar uma cantora pop e abandonar o funk?
Valesca -
Inclua na lista (Britney, Gaga, Rihanna, Demi, Madonna e Nick Minaj) porque foi assim, não escondo de ninguém que sou APAIXONADA pelas divas americanas eu enxergo em cada uma um estilo e personalidade. Então, quando pensamos em fazer o clipe eu já tinha avisado “Quero um clipe nacional com cara de pop americano que não fuja do funk”, eu sou funkeira, não tenho pretensão de me lançar como cantora pop até porque meu estilo não combinaria tanto, gosto muito do Funk e não saio dele .

HG – Muita gente disse que “Beijinho no Ombro” era um recado pra Anitta. É verdade? Existe rivalidade entre vocês?
Valesca -
Jamais!! Isso é uma bobagem grande, nunca fomos amigas de uma ligar pra outra e perguntar como vai, quando ela era da Furacão eu já achava legal algumas músicas dela, a música não foi feita por mim, recebi a música pronta, entendo que o momento lançado da música foi o momento em que ela estava (e continua) estourada com Show das Poderosas, mas não teve recado pra ela, eu até sigo ela nas redes sociais, quando ela fez o show de lançamento no Barra Music dei os parabéns, a imprensa tenta criar uma rivalidade que realmente não existe.
Valesca-e-Anitta
HG – Por que você resolveu fazer os créditos do clipe tão grandes? São quase maiores que a música! Tinha que agradecer aquele povo todo mesmo? Não gostei que não tinha meu nome ahahahah…
Valesca –
Vamos primeira pra parte que não tinha seu nome, ter TINHA o seu, da Katylene, do Papel Pop, Seduzi na padaria, Cartas para Pi e Te Dou um Dado, JURO PELO MEU FILHO que havia colocado o nome de vocês. A produtora a cada dia recebia nomes diferentes e ia fazendo a mudança e isso foi atrasando o clipe, eu precisava sim agradecer a todo mundo porque não tenho gravadora, e todo mundo logo quando lançou a música divulgou deu forças sem eu pagar nada, meus Fãs gente ficavam madrugadas votando e pedindo a música nas rádios, fazendo memes na internet com as frases da música, não tinha como eu deixar de agradecer ninguém que nesses anos todos de Gaiola me deram força, ficou enorme, ficou estranho mas era a parte que eu não abria mão os agradecimentos, sinto muito que no final a produtora pra finalizar mais rápido tenha cortado vocês, mas eu JURO que coloquei.

HG – Beijinho no Ombro é a música que vai marcar a virada na sua carreira? Vai ter uma Valesca antes e Valesca depois?
Valesca -
Vai, já mudou bastante já podemos fazer um A.BO e D.BO hahahahaha se Deus quiser será um divisor de águas do bem rsss

HG – Você pretende tirar o “Popozuda” do seu nome artístico algum dia?
Valesca –
Não. Não penso nisso mesmo, apesar de que os próprios fãs estão apenas agora me chamando de Valesca, mas eu não pretendo mudar .

HG – Valesca, na Fazenda eu te achava super tranquila. Você gostou de ter participado ou se arrepende? Você ainda é amiga do pessoal da sua edição?
Valesca –
Gostei de ter participado, não me arrependo de nada, infelizmente o contato diminuiu quando eu sai mantive contato com alguns. Hoje em dia continuo falando com a Raquel (Bruna Surfistinha)… Sempre que encontro com o Cumpadre (Washington) fazemos a festa e gosto de falar com a Monique (Evans), mas ultimamente não tenho falado tanto com ela… mas se encontro com alguém da edição eu falo. Gostei de participar porque vocês conheceram a Valesca dos Santos, a verdadeira Valesca.
Valesca Popozuda já mostrou suas curvas no chuveiro

HG – O que achou da edição passada cheia de cuspes? Você brigaria daquele jeito com alguém?
Valesca –
Menino eu ví algumas coisas e fiquei PASSADA, jamais brigaria daquela forma, Deus me livre! Entendo que lá dentro ficamos 4 vezes mais nervosos que aqui fora, quem vive aquilo acaba ficando louco, mas não chegaria ao extremo de cuspir ou levar cuspida de ninguém ECAAAAAAAA hahahahahah

HG – Como é sua relação com seu filho? Ele entende seu trabalho? Rola uma vergonha da mãe funkeira ou ele acha o máximo?
Valesca –
Menino é super tranquila, ele cresce sabendo do meu trabalho e entende muito bem, e não tem vergonha de mim ele adora, já tive problema com ele na escola porque uma vez um menino disse “Sua mãe saiu pelada na Playboy” e ele respondeu : pelo menos a minha é gostosa e a sua que é gorda! Hahahaha então já expliquei a ele que não é assim, mas somos bem unidos e converso muito com ele em relação a isso.
mg_1331_1

HG – Aliás, essas coisas que você cantava, você fala na vida? Tipo passa na obra e grita pros pedreiros “Late que eu to passandooo”? ahaha. Ou é uma personagem?
Valesca –
Hhahahahaa eu um dia vou sair na rua pelada correndo e gritando AI NEGÃO TO QUE TO PEGANDO FOGO hhaha mentiraaaaaa, é uma personagem sim! Quando entrei na Fazenda acharam que eu fosse ser a PUT*** da edição, mas eu não sou o que eu canto, não visto uma sainha e tiro a calcinha e corro pro baile procurando um negão. No dia a dia eu brinco, claro, sou parte da Valesca Popozuda e parte da Valesca dos Santos. Hahahaha me divirto com isso tudo.

HG – Valesca, eu lembro de você gastando 30 mil em roupas! Você vai entrar pro funk ostentação? Já está rica?
Valesca –
Não estou rica, mas também não estou pobre, estou normal hahahaha não é o meu estilo o funk ostentação, mas se eu posso hoje em dia chegar na Chanel e sair com uma bolsa de 5 mil porque não fazer? Trabalho pra isso, perco noites cantando e no final do mês mereço um mimo hahahaha eu gosto de me vestir bem hoje em dia e qual mulher não gosta, né?

chanel

HG – E sobre boys? Nunca vi você aparecendo com um romance publicamente! Você está solteira? Se estiver, conta como é o seu homem ideal. E se não estiver, conta quem é o bofe!
Valesca –
Olha eu sou assim, já levo uma vida de uma mulher polêmica, então imagina se a cada mês eu aparecesse com um bofe diferente? Aí sim, meu filho teria vergonha de mim, concorda? Eu tenho meus ficantes, mas sempre aviso a eles “Não quero expor pra mídia, você está ficando com a Valesca dos Santos e não a Valesca Popozuda”. No momento estou solteira, mas eu estava ficando com um rapaz da academia, só que ele é muito mulherengo e sempre pegava ele de papo com outras, resolvi logo cortar, não nasci pra correr atrás de homem, eles que corram atrás de mim se quiserem, estou há 4 dias solteira.

HG – Na cama você faz tudo aquilo que você canta? Como é uma noite com Valesca? Vale tudo?
Valesca –
Faço! Isso eu faço hahahahahahah tudo tudo tudo e eles ainda pedem dedinho #Prontofalei! Vale tudoooooooooo ou quase tudo (sem fazer necessidades fisiológicas em mim, pelo amor de Deus!) de resto, eu faço tudo. Sou liberal e gosto de ser dominada na cama.

HG – Rolam na internet umas fotos do seu antes e depois. Você se arrepende de alguma plástica? Vai fazer mais? Onde?
Valesca –
Nenhuma, eu fiz bumbum e peito só isso, o resto eu mudei cabelo, o corpo mas cirurgia eu fiz apenas 2 e não me arrependo em nada, não penso em fazer mais nenhuma mas se amanhã sentir necessidade de melhorar alguma coisa e achar que devo fazer eu faço! Mas por enquanto não vou mexer mais em nada.
valeska

HG – Esse implante no bumbum não incomoda na hora de sentar?
Valesca –
Nadaaaaaaa, você nem sente ele juro, quando coloquei eu sentei no primeiro dia, não existe isso que fica não sei quantos dias de bunda pro alto, você nem nota ele aqui, só não posso tomar injeção na bunda, né? hahahahahaha
valescabumbum

HG – Você virou diva gay. Por que você acha que isso aconteceu? As bees te amam!!
Valesca –
Eu amo as gays, meu Deus do céu amoooooooooooo , sempre fui amiga das bees, meu círculo de amizades sempre foi maior com eles deste a época que eu nem era Valesca Popozuda, sempre me aborreci quando algum amigo meu sofria preconceito ou era alvo de homofobia. Então, comecei a defender esse público e eles me abraçaram e eu coloquei todos em baixo de minhas asas e faço tudo por eles, sou eternamente grata ao título de musa Gay, quero chegar nos 100 anos e continuar com o título porque tenho um grande orgulho dele.

valescadavid

HG – Você acha que é vitima de preconceito no meio artístico? Tipo gente que não quer “se misturar”? Já sentiu isso em algum momento?
Valesca –
Eu sinto, não vou dizer que não sinto, pois estaria mentindo. Eu fico triste porque às vezes admiro tanto um artista ou cantor(a) e percebo que o mesmo está com medo de ter ligação comigo pela imagem de pessoa polêmica que eu passo, mas eu faço a egípcia e não morro por isso. Não quer? Então tá, dou um beijinho no ombro e saio fora.

HG – Como foi seu encontro com a Rihanna? Foi por acaso ou tu foi atrás dela? Conta tudo que ela te disse!!
Valesca –
Haaaaa eu fui ver uma locação que iríamos utilizar pra gravar meu novo clipe (já estamos com algumas ideias e adiantando isso pra vocês em primeira mão), eu já estava saindo quando vi uns seguranças lá e pensei.. “gente quem está aqui?” E um deles me disse RIHANNA! Então não pensei duas vezes! Foi o destino que marcou aquele encontro, eu sou fã dela!Aamooooooo! E quando olhei pra trás adivinha quem estava chegando? Fiquei tão nervosa que nem olhei pra foto! Eu não tirava os olhos dela hahahahahha… jamais imaginaria poder chegar perto dela, eu queria muito que isso acontecesse, então na hora eu dizia que era fã, que estava encantada e ela sorria (Nem devia estar me entendendo) mas eu arrisquei meu FISK e soltei algumas coisas em inglês tipo “ I love you” hahahahahah e ela sorria e respondia “Obrigada”, mas ela é muito simpática e atenciosa com todos.

valescaeriri

HG – Qual o seu próximo sucesso? Você vai investir em mais clipe bafônicos? O que pretende daqui pra frente?
Valesca –
Tenho 3 músicas novas e estamos analisando cada uma, já estamos vendo sim um clipe novo bafônico, e eu quero seguir o mesmo caminho que estou agora, quero continuar trabalhando esse lado que eu ainda não conhecia muito bem.

HG – Pra quem você manda um beijinho no ombro?
Valesca –
Vou mandar um especial pra você e pros Popofãs porque vocês fecham com o bonde então merecem ! e um beijinho no ombro pro recalque passar bem longe nas pessoas que tem preconceito com o funk e com os gays. Vamos mandar um RALA SUA MANDADA bem grande pra afastar essas pessoas de nossas vida!!
kissvalesca

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

12.ago

De Frente Com Gloss – Gilberto Barros, o Leão!!

tv

Eu não sei vocês, mas eu fui uma criança dos anos 90…. Assistia “Passa ou Repassa”, “Domingo Legal”, “TV Animal”, esses programas todos. Eu fui testemunha de toda época de glória do Ratinho… Quem lembra de quando ele começou a fazer sucesso e desbancava a Globo com os testes de DNA no palco? “PARAAAAAABÉNS PRO PAPAAAAAIIIII”. Eu chorava de rir… Aí a mulher jogava a poltrona do cenário no Bofe, destruiam tudo… Era uma baixaria só!! Eu Amava no mais alto grau!  Quando o Ratinho foi pro SBT, a Record colocou no ar, no dia seguinte o Programa do Leão, que era o mesmo programa com o Gilberto Barros apresentando… Eu não o conhecia, mas foi lá que eu soube quem ele era. Uma versão mais fofinha do Ratinho, com o bigodinho e uns quilinhos a mais… Era o que eu achava na época. Mas o tempo passou e  o Leão mudou. Assisti ele em programas mais lights como o “Quarta Total”, que era de games… (Uma vez tinha uma convidada que não queria fazer as brincadeiras e ele falou ao vivo “Menos a fulana que agora não brinca mais” e deixou a fia sem fazer nada o programa todo. MARAVILHOSOOO) e etc… Depois o Leão sumiu, mas ano passado voltou com o “Sabado Total”, na Rede TV. A Assessoria  dele pediu e mandei as perguntas cpra saber os baphos por trás dessa felicidade constante, desse bigodão, das brigas com o Datena, e principalmente porque tanto “TOTAL” nos nomes dos programas dele… Para minha surpresa, as respostas não foram as mais simpáticas… Acho que o Leão é Leão mesmo, ou não tá acostumado a falar abertamente…Rs… Não sei até que parte é brincadeira ou até que ponto ele quis me xoxar mesmo, mas o fato é: imagina se eu que tivesse ido atrás de entrevistá-lo? Tenho até medo!! Rs… Confira a ENTREVISTA TOTAL… kkkk…

Leão

HG – Gilberto, pra mim você ainda é o Leão. O povo ainda te chama por esse apelido? Da onde veio? SIM !
Gilberto - Leão virou quase um sobrenome … agora mesmo cheguei do almoço e na rua uma senhora gritou : oi Leão ! O apelido vem da Rádio Globo. Eu tinha cabelos mais longo, uma juba, e a minha voz no corredor ecoava, não gosto de fofocas. Quando via alguém em rodinha de fofoca eu reclamava bravo com voz grossa e forte feito rugido de leão. Pegou !

HG – Gilberto, eu vi que você era cantor! Você já pensou em voltar a cantar? Fazer um CD de remix, uma coletânea de sucessos, de duetos, sei lá? Por que o Leão não canta mais?
Gilberto -
Tenho 6 discos lançados e devo lançar o sexto em breve. Ainda canto !!!!! E encanto!! Rsssssssssssss. Ainda faço shows pelo Brasil, menos do que antes mas faço sim….qualquer dia te convido pra ir em um, topa??

HG – Eu me lembro até hoje quando o Ratinho foi para o SBT e você entrou no lugar dele na Record, com um programa bem parecido. Você gostava de fazer os exames de DNA e das brigas no palco?
Gilberto - Nunca fiz DNA. Naquele momento eu não tinha muita escolha . O Ratinho me avisou que ia sair e disse que eu tinha que aceitar o lugar dele, se me chamassem. Dito e feito. Me chamaram e eu fiz, mas eu sempre me entrego aos projetos e fiz bem feita a proposta. Sou profissional.

HG – Essa época da TV foi muito criticada, diziam que foi o auge da baixaria. Você concorda? Tem algum arrependimento desse tempo?
Gilberto - Arrependimento algum. Entendo que se a pessoa não esta afim não assiste. No fundo todo mundo é hipócrita , critica, mas vê … ou tem aquele que assiste e fala “nossa, minha empregada te adora” ou “eu nao vi, mas aquele dia que você fez isso ou aquilo, foi demais” .. rssss … a TV mostra o que querem ver. Hoje a coisa é mais baixa que antes. Com certeza. É só ligar e ver.

Captura de Tela 2013-08-05 às 16.52.55

HG – Fala a verdade, os barracos eram armados antes ?
Gilberto - Acho que não. Eu nunca queria saber de nada antes… Eu conhecia os casos junto com o telespectador, eu era um telespectador. Ainda hoje faço isso, não quero saber o que vai rolar e como vai rolar. Apenas passo o programa com a produção, o resto deixava para acontecer no palco para justamente ser tão surpreendido quanto quem estava em casa. Eu sei que tinham pessoas que vinham para porta da emissora pedir ajuda, mas saiba de uma coisa . Tem gente que gosta de aparecer mesmoooo, principalmente famosos ou semi-famosos. rsrsrsrs

HG – Você já encontrou alguém que teve a paternidade revelada nos seus programas? Eles já devem estar bem grandinhos!!
Gilberto - rs… não ! Tá aí, agora até fiquei curioso . Repito. Nunca fiz teste de paternidade, isso é lá com o Rato e ele faz muito bem feito. Show.

HG – E o Ratinho? Vocês foram rivais nas telas.. Eu era novinho, não lembro se vocês eram amigos… Vocês são? Como é a relação de vocês hoje em dia?
Gilberto - Rivalidade nunca! Concorrentes, talvez. Mas só na tela, tenho um carinho especial pelo Ratinho . Ele me ouvia na Rádio Globo quando já estava na Record. Quando fui para TV ele me recebeu muito bem e quando deixou a Record me indicou para seu lugar. Somos amigos, não íntimos mas amigos. Não colegas apenas, mas amigos. Isso é uma coisa nossa, quando ele precisar e se precisar sabe que pode contar comigo.

HG – Você assiste o programa do Ratinho no SBT? O que acha?
Gilberto –
Assisto e gosto. É divertido, imagine você que alguém disse quando eu voltei “Gilberto Barros voltou com o mesmo formato!” …. Clarooooo se não fosse isso contratariam o mané e não o Gilberto. .. cada artista tem um jeito , um modo de ser, e o público gosta ou não.

HG – Teve um babado porque ele levou o Guilherme de Pádua para uma entrevista no programa dele. Você levaria o Guilherme no seu? O que achou dessa pauta!
Gilberto –
Desculpa , mas esta eu não assisti. Eu tenho um procedimento, um padrão, um jeito. ele tem o dele. Não costumo dar microfone e câmera para bandido. Periga virar herói e galã. No meu, bandido não fala. Isso é coisa minha.
À base de polêmica, Guilherme de Pádua garante audiência de programa

HG – Um programa que você fazia na Record e eu AMAVA era o Quarta Total!! Eu me divertia muito!! Principalmente quando você brigava com os participantes. O Sábado Total é um remake do Quarta Total?
Gilberto –
Não. O Sábado Total na Rede TV é um programa do Gilberto Barros, tem o jeito do Gilberto como eu disse anteriormente. É como se eu perguntasse à você “Nossa, essa entrevista é igual a que você fez anteriormente. Você só sabe fazer esse tipo de trabalho ? “ rssssss ….entendeu ou não ? Eu sou um profissional que sabe (ou acha que sabe, rsrsrs) fazer várias coisas. sou multimídia. rsrs. Bom isso, né? Os meus programas podem ter juntos ou separados games, curiosidades, jornalismo leve, pesado, etc, etc.. É disso que gosto. Sem formula, uma grande revista eletrônica de entretenimento, e vai ser sempre assim.
Abomino formato comprado do exterior como acontece agora. Tira a criatividade e o emprego do produtor nacional. Tô fora !!!

HG – Por que esse tanto de programa com TOTAL no nome? É superstição? Você que escolhe?
Gilberto –
Porque eu nunca me contento com pouco … meio não… Totalllll rssssss

HG – De 2008 a 2012 você ficou fora do ar e morando nos EUA. Eu li que você achou a TV de lá péssima. É sério? Você não curtia nem um seriado? Nem os realities? Nadinha?
Gilberto –
Fiquei … lá tem muitas opcões de canais , mas na verdade , o que eu digo que a TV brasileira é mais quente… Claro que assistia seriado , mas acho eles mais frios.

HG – Você disse que a TV brasileira é a melhor. Então quero saber o que você assiste. Você vê novela? Qual? Assiste “A Fazenda”?
Gilberto –
Eu acho os profissionais brasileiros os melhores. A TV brasileira é a melhor do mundo, com certeza. É como no futebol, não tem nem graça se formos equiparar. A Itália e Espanha correm ali atrás. Porque aqui com pouco fazemos muito, tem que ser muito bom para isso. Nosso orçamento de tv é demasiadamente pequeno e fazemos (produção) milagres. Eu assisto tudo na tv, tudo mesmo, até TV Senado para saber das sacanagens. As novelas brasileiras são as mais bem acabadas, nosso elenco é formidável. Reality eu não assisto, eu não gosto!

HG -E a Band, hein? Você saiu de lá brigado. Já fez as pazes com a emissora?
Gilberto –
Eu não briguei. Só não aceitei o que me propuseram. Simples assim.

HG – É verdade que você tem uma casa maravilhosa lá em Orlando, do lado do Silvio Santos, do Amaury Jr. e cia? Você ainda tem? Que riqueza! Não é muito caro manter casa aqui e lá? Haja merchandising, Gilberto!
Gilberto –
Minha casa é simples, mas deliciosa e não maravilhosa. Simples como deve ser a vida e tudo nela. É meu refúgio, meu paraíso. Morei lá por 3 anos seguidos… O povo vive de verdade… são 4 e meia da tarde agora aqui e lá as pessoas já devem deixar o serviço para jogar golf …. rsssss . Eu sou craque nisso rsrsrsrs. Não consigo acertar a bolinha. rsrsrsrs Então, quase igual aqui, né ?

4mh2zjvguf1w52g3te7txi6ao

HG – Morando em Orlando você era tipo aqueles tiozinhos que andavam de roupa florida na rua? Não era meio entendiante? Lá não tem nada pra fazer além da Disney! E se você odiava a TV devia ser um inferno…
Gilberto –
rssss … Meu visual lá é mais bonitinho: shorts largo, camiseta larga, óculos e boné… fashion largado rsrsrsrs. E também chique às vezes … você esta mesmo achando que eu fiquei só passeando lá ? Não, cuidava das minhas coisas. Tenho uma empresa lá também. Mas viajei muito, conheci o país… e outra coisa. Você acha que não tinha o que fazer porque vê Orlando como cidade de turismo. Mas eu tenho Orlando como cidade para morar… tenho amigos, vou ao banco , faço mercado, faço feira, etc. …. rsssssss
08

HG – Você já tentou emagrecer, Gilberto? Ser plus size é um problema pra você?
Gilberto -
Você não me vê faz tempo, é ? Não notou que eu emagreci muito ? Vou te mandar uma foto .. rsss .. eu emagreci na verdade por necessidade, por causa do diabetes … eu adoro quando as pessoas se incomodam com o meu peso rsss .. quem me carrega não são vocês. Me dá paz , oh !

saba

HG – O Faustão fez a bariátrica. Você Já pensou em fazer? Eu achei que a dele ficou boa, o que você acha?
Gilberto - Não fiz. Não farei e não acho legal… tenho amigos que fizeram e acho que ficaram mais tristes … imagine! eu triste! Não combina. Só se precisar mesmo pra não morrer.

HG – Ser gordinho atrapalha algo na sua vida? Tem algo que você não faz? Tipo não vai na praia, não transa de luz acesa?
Gilberto –
Nada me atrapalha, nada. Porque atrapalharia. Você é magro ? Não te atrapalha ? Cacete, que malação ! Porque não iria à praia ? Vou. Porque não treparia? Trepo… Aliás, a luz tem que estar bem acesa … rssss

HG – Falando em transa, você está com 54 anos. Já teve o momento “pílula azul” na sua vida?
Gilberto –
Você eh xereta mesmo , heim ? Cara, eu sou normal como todos. Ainda não preciso da azulzinha, mas quando precisar nem vou pensar duas vezes. Meu médico está aí pra isso. Ele que não durma. Quando precisar usarei, ainda não preciso. Estou como um garoto náutico de 20 anos. Nossaaaaaaa, a coisa é boa mesmo e eu gossstiiiuuuuuu muiiitiiiuuuuuu.

HG – Você nunca fala da sua família…. Eu não sei nada sobre eles. Me conta. Você tem filhos? Como é sua familia? Queremos saber!!
Gilberto –
Não sabe ? Puxa que pena! Não gosto de expor minha família. A opção de ser homem público é minha e não deles. São lindos e maravilhosos. E disso não abro mão. Quando estou no meu lado artista, sou o Leão, eles não existem. Quando estou em casa o Leão não existe, somos uma família simples como o resto do mundo.

bigode2

HG – Sua esposa nunca reclamou do seu bigodão? Ela curte? Você podia raspar um dia ao vivo, né?
Gilberto –
Nunca tirei o bigode desde que cresceu. Nem no trote da faculdade quando tiraram a força metade. Usei assim mesmo, a outra metade eu pintava até crescer de novo. E não tiraria, eu praticamente nasci com ele … rsss

HG – Esse bigode é mais uma coisa que você e o Ratinho tem em comum. Vocês tinham essa coisa meio delegado de Polícia, nos anos 90. Os programas policiais passaram, mas o bigode ficou. Por que?
Gilberto –
No meu caso o bigode surgiu na TV Globo. O primeiro e único apresentador de telejornal da Globo de bigode. Alice Maria e Armando Nogueira resolveram deixar meu bigode em paz por conta da carinha de criança atrás dele rsrsrs. E delegado de polícia, antes que eu esqueça , é a tua mãe.
nada contra delegados. Contra você.

HG – Falando em programa policial, você e o Datena discutiram feio em 2009. Hoje em dia, como está relação de vocês? Vocês já foram amigos algum dia?
Gilberto –
Já cansei de dizer isso: eu nao briguei com ele . Ele me agrediu ! Eu nunca fui inimigo dele ! Não tenho relação com ele e também nunca tive além do profissional. Isso já foi, esqueci.

foto (2)

HG – O que você achou da contratação bate e volta do Datena pra Record e volta pra Band? Você ficou rindo de casa?
Gilberto –
Talvez estivesse fora do país. Não sei nada sobre isso. E cá prá nós, cada um sabe de si. Esse assunto não é comigo. Você tá querendo o quê com essa pergunta ? Não vai conseguir. Sou do bem. Sou cristão, amigo.

HG – Existe alguma chance de um dia a gente assistir você e Datena juntos fazendo alguma coisa? Um talk show juntos. Ia ser maravilhoso!!!RSSSSSSSS
Gilberto –
Existe sim. Quem sabe um dia, eu e ele, não te pegamos na rua e te damos uns tapas na bunda por ser tão mala. rsrsrs.

HG – Me conta sobre o Sábado Total. Você está satisfeito com a audiência?
Gilberto –
Eu estou muito satisfeito com o Sábado Total.. adoro fazer o programa. Me divirto e quando me divirto sei que quem está em casa está curtindo. Quero fazer as pessoas felizes naquelas horas.

1Gilberto Barros volta à TV neste sábado foram 3 anos de saudades
HG – Volta e meia eu vejo comentários das pautas dos programas. De vez em quando tem um bafão ao vivo, né? Tipo a briga dos lek lek leks… Você gosta quando acontece isso?
Gilberto –
Eu sou porta voz do povo do funk , desde sempre na TV … Com minha ausência muitas pessoas tentaram tirar este posto rssss , de padrinho do funk . Mas quem sabe e conhece funk de verdade sabe do meu carinho por eles e por isso abro mesmo espaco para estas pessoas falarem … E quanto a esta do lelék não posso aceitar que políticos usem meu espaco sagrado do programa para fazer palanque ! ahhh me poupe, né ? ah, lelék, lék, lék….
Não tem bafão (sei lá o que é isso. você inventou o termo). Tem povo no meu programa. Sou povo.

HG – Como bom sagitariano que sou, preciso fazer uma pergunta. A ansiedade sagitariana passa com o tempo?
Gilberto –
Nãoooo !!!!! Se prepare ela vai morrer com você ou te matar … rssss. Eu digo que morrerei disso .. rsss. Muita ansiedade. Excesso.

HG – Além do Sábado Total, podemos esperar um programa novo do Leão? O que mais você nos reserva para 2013?
Gilberto –
Eu adoraria fazer um outro programa à noite . Aliás, no meu contrato até prevê isso… mas depende do Amilcare e Marcelo. Estou aqui. Quem sabe…

Gilberto- OLHA VC ME CANSOU , SABIA ? CARAMBA , COMO VC FALA !!!!!!! RSSSSSSSSSSSS ..VALEU ! OBRIGADO PELO CARINHO ! E SE CUIDA !

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

15.jul

De Frente Com Gloss – Fernanda Souza

tv

Quem foi criança nos anos 80 e 90, como eu, já quis ser Xuxa, Angélica, alguns quiseram ser a Eliana, os curumins queriam ser a Mara… Já as mais cafonas quiseram ser a Mariane, a Pat Beijo, a Debby… Mas a geração 90 mesmo queria ser Fernanda Souza! Não tinha Xuxa certa, meu amor! O babado era ser Mili! Mili era o sucesso do orfanato Raio de luz (que deve voltar a ser moda com o remake do SBT) e foi o passaporte de Fernanda para uma carreira como a Chiquitita mais bem sucedida de todas, com contrato com a Globo, que já dura mais de 10 anos e um currículo com personagens que precisam de uma caixa de marca-texto para grifar tantos bons momentos.
A vida da Fernanda é quase um reality da vida real. Vimos a menina crescer diante dos nossos olhos (no meu caso, eu cresci junto). Lembro como se fosse hoje dela ensinando receitinhas no “X Tudo”, enquanto eu esperava as histórias da Sherazade.
Quando Fernanda foi pra Globo eu fiquei esperando ansisosamente o primeiro capítulo de “Andando nas Nuvens” para ver o que seria da Mili Global! Lembro como se fosse hoje dela como Joana, uma das filhas de Marco Nanini, e eu chorando sangue porque ela não estava mais dançando “Pimpolho Turim Turim”! Tipo #chatiado!
Depois disso acompanhei tudo: a Helô de Malhação, a Mirrrrrna de “Alma Gêmea”, a Carola plus size do Profeta, a Fase delicia da Isadora de “Toma lá dá cá”….

306-fernanda-souza-beleza

Quando eu a vi pessoalmente pela primeira vez, achei que ela não tinha ido muito com a minha cara, mas, meu amor, eu era fã de “Chiquititas”, imagina se eu não ia ser amigo da Mili? Foi negócio de ter a primeira conversa e PAH! Sabe Santo que bate? Preciso dizer que hoje prefiro Fernanda que Mili, Mirna, Qualquer uma…. Ela é, com certeza, gente como a gente!

Esse ” De Frente com Gloss” virou um papo de comadres, pois fala de tudo… Da Nova Malhação, do novo corpitcho, do casamento com o Thiaguinho e de tudo que vem por aí…Como bom “Chiquitito” que sou, o princípio era de que “nesse jogo só se diz a verdade, senão um castigo vai levar…” E ela não levou nenhum! Bem vindos ao fantástico mundo de Fernanda Souza!!!

fe

HG – Fernanda, pra começar essa entrevista, preciso perguntar: Tudo se transforma com magya? kkkkkkkkk
Fernanda - Nossa! E ai vem uma vontade de dançar, e com a caçarolas e as colheronas se forma uma banda musical… Uma loucura! kkkkkkkk AMO essa música!

HG – Ai são tantos assuntos com você… Nem sei por onde começar! Você está de volta em “Malhação”, e já me apaixonei por sua personagem Bernadete falando VRAAAA… Já posso dizer que #BernadeteMeRepresenta. Qual a inspiração pra fazer a Berna (#intimo)?
Fernanda - Você! Kkkkkkkk e toda galera das redes sociais que usa esses bordões!!! A ideia é essa mesma, que vocês se sintam representados! Quero que as pessoas se sintam próximas da minha personagem…

fernanda-souza-606

Bernadete tem cara de que faz look do dia, não tem?

HG – Falando em Malhação, a pergunta que não quer calar: “Malhação é seriado ou novela?
Fernanda - Rapaz, acho que é seriado, porque não acaba nunca, tem esse negócio de temporada! Novela começa e acaba! É isso, produção?

HG – A Bianca Salgueiro me disse que você será a madrasta dela na novela, casada com o Paulo Betti. Você vai dar um golpe do Baú? Ela é tipo maléfica? Uma vilã para amarmos?
Fernanda - JAMAIS! Ela é uma maluquinha do bem pra gente amar! Ela ama de verdade o Caetano! E vai ser aquela boadrasta, que quer saber todos os babados, dá conselho, ajuda a escolher o look! É uma fofa! Queria ser amiga dela…

HG – Uma coisa que eu tenho curiosidade. A pessoa quando quer ser atriz sempre deve pensar ‘vou beijar uns galãs babado”, mas aí as vezes cai pra ter que fazer par com o Paulo Betti. É bom também?
Fernanda - Ele é um querido, meeeeega brincalhão! Sabe de todos os vídeos engraçados da internet, fica me atualizando de tudo… Além de ser um p*%ta ator…

fernanda_paulo

Essa é pra você que quer ser atriz para ser ryca e beijar o Gianecchini!!

HG – Você participou da “Malhação” anos atrás, lembro até que colocaram sua plástica do nariz na história. Agora você volta como veterana. É diferente voltar e meio que “ensinar” a galera nova? Você tá se sentindo a tia Carolina da galera?
Fernanda - Kkkkkkkkk tipo isso! Minha hora de ser a “mais velha” chegou! E aqui todo mundo tem uns 15/16 anos, muito novinhos! Tenho quase o dobro da idade deles… Mas tô amando! Gosto de ser a mais velha! Na época das Chiquitas, eu tinha 13, e já gostava… Kkkkkk eu acho que já nasci com uma “alma” velha…

HG – Você está com um cabelo/pelo/corpo deuso. Isso é pra personagem ou pro casamento?
Fernanda - Te amo! Kkkkkkkk é pra vida! Pra dar pinta, pra fazer novela, pra fazer filme, pra fazer peça, que o povo te vê ao vivo… Kkkkk até pro bofe é ! Todo mundo merece meu melhor, principalmente eu! Acho que quando a gente se sente bem, a vida toda fica melhor… #filosofa

HG – Falando em casamento, me conta, seu anel é Tiffany’s? Tipo diamante dos sonhos? O pedido foi como você sempre sonhou?
Fernanda - É! Mas não é um solitário porque o Thiago também queria usar aliança igual a minha! Ele é super tradicional, eu acho isso lindo… Na minha tem o nome dele e na dele o meu! Te confesso que eu nunca “sonhei” com esse dia, sempre deixei pro Thi me surpreender porque sei que ele faria tudo com carinho, então não tinha expectativas! Quando vi o quarto do hotel todo cheio de velas, pétalas, achei que era só pro dia dos namorados. Quando ele ajoelhou, eu quase morri! Quando vi aquela caixinha verde água, fiquei passada! Kkkkkk depois disso só chorei… Me lembro de flashes depois disso… Dele chorando, eu não conseguindo responder, ele perguntando de novo… Depois ficamos mandando fotos pros pais, irmãos, amigos… Todo mundo já sabia que ele ia fazer o pedido, menos eu!

Se o boy te dá uma aliança Tiffany's, você casa imediatamente. Não importa o tamanho do brilhante.

Se o boy te dá uma aliança Tiffany’s, você casa imediatamente. Não importa o tamanho do brilhante.

HG – Todo mulher sonha em casar (eu imagino). O seu casamento vai ser de princesa, ou tipo moderno? Vai ser uma coisa Lalá Rudge (tradicional) ou Thaila Ayala (na praia só pros íntimos). Me conta o que você já pensou…
Fernanda - Nunca achei q fosse fazer festa, sempre quis encontrar alguém pra dividir a vida, mas fazer cerimônia, festa, nunca imaginei! Se Deus me desse um companheiro maravilhoso já estava bom! Na matéria do Estrelas, eu tava contando isso e a Pri Fantin, que me conhece há uns 13 anos, confirmou que eu sempre pensei assim… Agora, não sei porque isso! Kkkkkk vou levar pra análise, Que eu não faço! Kkkkkk vou começar a pensar a partir de agora! Não tenho ideia, mas eu e o Thi vamos decidir tudo juntos!

casamento

Se o casamento fake foi no “Estrelas”, acho que o real tem que ser no Fantástico! Pra todo mundo ver!!

HG – Você nunca foi de ter namorados famosos. O seu namoro com Thiaguinho foi um encontro bom, né? Mas qual o lado ruim de ter um namoro em que os dois são famosos?
Fernanda - Ruim? Não sei! Juro mesmo! As pessoas são tão queridas com a gente… Nos tratam como dupla! Onde eu vou me perguntam dele… E o Thi fala que todo lugar que ele chega parabenizam pelo noivado e perguntam por mim!

268405-970x600-1

Já ouviram aquele ditado: “Once you go Black, you never go Back”? Você que não fez FISK, joga no Google tradutor, e vá se matricular no inglês!

HG -Às vezes você fica um tempão sem ver seu namora.. ops, noivo, né? E aí, como faz pra acontecer o amorzinho? Guarda e quando encontra faz uma maratona? Rrsrs…
Fernanda - Eu ainda também to acostumando com a nova denominação… Às vezes falo namorado e lembro: Nao! É meu noivo já! Kkkkk sabia que a gente se vê bem? Sempre no início da semana! Tem semanas que nos vemos 1 dia só, aí é ruim! Mas já estamos acostumados! E mesmo com toda distância somos muito presentes um na vida do outro… nos falamos toda hora! Ele me chama no Whatsapp nem que seja só pra dizer “te amo”! Isso faz toda a diferença! Sobre o resto do assunto, vou fazer a Copélia: prefiro não comentar! Kkkkkk

33451a8de46a42b5a5f4

Eu acho o Thiaguinho o Kanye West brasileiro: os looks dele são os mais babado do Brasil. Nenhum artista masculino supera.

HG – Tem jornalista que te separa e te engravida toda semana… Isso quando não te chifram. Isso não atrapalha seu relacionamento? Você é do tipo que liga pro boy e fala “Olha o que saiuuu”, ou o fato de ser famosa já te ajuda nos filtros?
Fernanda - Essas fofocas maldosas sempre saem de jornalistas maldosos, que são conhecidos por inventarem e maldarem, eles não tem credibilidade nenhuma então neeeeeemmmmmm ligo! O lance, é que felicidade incomoda, mas Deus é justo!

HG – Você viu que “Chiquititas” está voltando no SBT como um remake. Você vai assistir?
Fernanda - Você sabia que nenhuma das meninas do elenco (da novela original) assistia a novela? Porque a gente morava na Argentina e lá não passava e não tinha SBT no canal a cabo… Então acho que todas nós temos essa curiosidade de assistir! Já vi fotos das crianças, sei que a Giovana faz a Mili…

giovanna-grigio-mili

HG – Dá um ciuminho ver alguém refazendo um personagem que marcou tanto sendo seu? Eu confesso que estou com um pouco de ciúme de estarem refazendo ao invés de reprisarem…
Fernanda - Nenhum! Quero mais é que se forme uma nova geração que conheça uma história tão linda, inocente como essa! Hoje perguntei no set de “Malhação”quem tinha visto Chiquititas e ninguém tinha, porque eles não eram nem nascidos! Kkkkkkk nessa hora me senti “semi” velha! Kkkkkkkk

HG – Você fez grandes amizades na época de “Chiquititas”? Você tem contato com alguém até hoje? Tem tipo um grupo no Whatsapp “Orfanato Raio de Luz” rsrs…
Fernanda - Kkkkkkkk que boa idéia! Temos que fazer isso… Como não tenho Facebook fico meio por fora das mensagens em grupo, mas me atualizam por outras redes sociais! Sigo várias pessoas no Twitter!!! Mas a grande maioria mora em São Paulo, então fica mais difícil para encontrar! Vai rolar um encontro em breve em SP com todo mundo, se eu não estiver trabalhando quero ir… Vai ser emocionante! Acho que vou chorar baldes… Tenho muita vontade de rever todo mundo!

chiquititas1

Essa menininha de baixo não tinha cara de menino? E a Tati não parecia meio doentinha? E a Pata não era tipo muito feia?

HG – Eu lembro de um “SBT Repórter” em que o Paulo Nigro, que fazia o Júlio, confessava que era apaixonado por você na época da Mili… me conta, vocês chegaram a ter um namorinho juvenil?
Fernanda - Não! Nunca rolou nada! Eu já sabia que ele gostava de mim antes da matéria ir ao ar, mas não podia corresponder! Adorava o Paulinho, mas como amigo!

O Júlio (Paulo Nigro) era um dos mais magyas da novela. Eu torcia pra Mili pegar ele ou deixar pras gueis!

O Júlio (Paulo Nigro) era um dos mais magyas da novela. Eu torcia pra Mili pegar ele ou deixar pras gueis!

HG – Eu sempre quis saber.. A voz dos clipes não era sua, né? Quem cantava aquelas músicas?
Fernanda - Não! Se não me engano no encarte do CD tinha o nome das pessoas que faziam os vocais das músicas! Os produtores da novela nunca nem cogitaram a possibilidade da gente cantar… Até porque eu não canto, então ia perder o papel! Kkkkkk e não me lembro de alguém perguntar em entrevista se a gente cantava, então sempre ficou esse mal entendido! No dia em que contei no meu Twitter que não cantava o povo quase morreu… Fui ser sincera, achando que a verdade sempre é a melhor opção…

HG – Mas logo que acabou a novela você lançou um CD que eu bem lembro. Vendeu bem? Você tem esse CD? Thiaguinho já ouviu? Rsrsrs.. Acho digno um dueto de uma das SUAS músicas!
Fernanda - Essa história do CD é muito louca! Conto isso em detalhes na minha peça… É um dos momentos mais engraçados! Nem sei se o CD chegou a vender… Porque a Globo não me permitia divulgar em outras emissoras, então a gravadora concluiu que não daria pra seguir em frente… Eles sabiam da minha exclusividade com a Globo desde o início de todo o processo, mas mesmo assim quiseram seguir em frente! Agora esse dueto não rola nem com cachê! Kkkkkk eu não canto! A parte da cantoria fica com meu noivo, eu fico só na atuação!

HG – Se você pudesse fazer parte desse remake de Chiquititas você faria (se fosse na Globo, claro)? Uma tia Carolina da vida, uma Ernerstina, uma Carmem? Ou sei lá, uma participação afetiva….
Fernanda - Acho mto confuso pra cabeça da galera a Mili sem ser Mili … Poderia causar um trauma! Kkkkkkk e amo quando me chamam de Mili!

HG – Você ainda lembra alguma coreografia das Chiquititas? Tipo faz no chuveiro a Mili louca.
Fernanda - Eu super lembro! Amo dançar “Tudo Tudo”! Amo essa música, essa coreografia… Também lembro da coreo de “Amigas”!!! Não faço a Mili no chuveiro porque passo meu  banho todo pensando em trocentas coisas que tenho que resolver… Mas lembro que uma vez fui em um  show que a Maria Gadu fazia num barzinho ali na Barra há muuuuuito tempo e ela cantou “tudo tudo” e foi lindo! As meninas sentadinhas fazendo a coreô e eu chorando… Kkkkkkk foi uma época muito linda da minha vida, então tudo me traz um sentimento muito bom!

HG – Reparou que eu AMO relembrar, né? Eu também AMAVA o X-TUDO que você participou. O Márcio Ribeiro que participava com você faleceu recentemente. Você tem boas lembranças dele e desse programa? Era difícil gravar?
Fernanda - Gente, tem alguma coisa que você não lembre? Kkkkkk fico passada com sua memória! Então, minha memória não é tão boa quanto a sua…Eu não gravei muito com o Márcio, nossos quadros eram diferentes! O vi poucas vezes, mas lembro dele como uma pessoa muito engraçada, divertida…
Era uma delicia gravar o X- Tudo! Aprendi muito na Cultura, a decorar texto, que eram enoooormes, a falar o português certinho (a emissora não deixava a gente falar nem um “a” se não fosse correto), a entrevistar as pessoas, aprendi sobre ecologia… Foram 3 anos muito legais! Sou amiga do Fernando Gomes, que fazia o X, até hoje…

HG – Falando em relembrar, você está estreando uma peça que fala que “seu passado não te condena”. Como é isso? Vai abrir seu baú? É um monólogo autobiográfico?
Fernanda - É uma peça pra matar a curiosidade que todo mundo tem sobre a vida de um artista! Sobre como começa, como é um teste, como é um roteiro de novela, esquema de gravação, ensaio de peça… Fora a vida pessoal, os perrengues que a gente passa… E conto também sobre minhas experiências! Falo muuuuuito sobre Chiquititas, conto coisas que nunca falamos em entrevistas, falo sobre minha vinda pro Rio… Conto até sobre o Thi, coisa que eu nunca fiz pra nenhuma revista…

HG – Vai ter um momento falando da sua luta contra a balança? Como foi pular da Carola Plus Size pra gostosa do Toma lá dá cá? Você fez um #ProjetoFernandaSouza?
Fernanda - Claro que vai! Tem como engordei, como emagreci, minha relação com atividades físicas, com alimentação… Porque todo mundo sempre me pergunta sobre isso depois que tive que engordar/emagrecer! A peça é tipo uma entrevista com tudo que eu nunca falei e que só vou falar ao vivo…

foto (1)

A minha desculpa pra esse milagre é dizer que tem enchimento nessa calça…. Ou então dizer que foi o Elysee belt da Feiticeira #NaoÉFeitiçariaÉTecnologia #Coscarque

 

HG – Você continua em luta constante contra a balança ou já achou o segredo da magreza? Por favor, compartilhe.
Fernanda - Se tem um segredo, esse segredo é a alimentação! O que você come pode te ajudar ou te atrapalhar… Quando eu quero emagrecer meeesmo eu corto proteína animal durante uma semana, e deixo minha alimentação a base de frutas, legumes, e verduras… Pra mim faz muita diferença! E depois vou fazendo manutenção! Agora o lance mesmo, que eu aprendi com a diva Marília Pêra, é me pesar todos os dias! Com isso eu nunca deixo a balança mudar muito, fico no controle, até porque trabalho com isso… Vai que do nada aparece um cena de biquíni? Tem sempre que tem estar no shape!

Captura de Tela 2013-07-14 às 21.12.20

Ok, a pessoa engordou pra fazer um papel e ficou a com a barriga assim depois. Se meu personal vê isso eu ganho uma surra.

HG – Além disso tá rolando o “Muita Calma Nessa Hora 2″. Vai ter o “vumito” do Adnet? Qual a história? Como está Aninha/Soninha?
Fernanda - Vão ter várias releituras das cenas do primeiro filme! Tá demais! Pra mim tá até melhor que o primeiro… Eu sou completamente louca apaixonada por esse projeto! Aprendi tanto com esse filme, mudou meu jeito de atuar. Já quero o 3, 4 até o 25 com todas bem velhinhas! Kkkkkkk o filme se passa num festival de música e todo mundo se encontra pra assistir e ai tudo acontece… Em 2014 vcs vão saber! Kkkkkk #misteriosa

Captura de Tela 2013-07-14 às 19.01.14

HG – Eu sei que você é suuuper girlie e adora uma boa compra. Nos dê umas dicas. O que você usa para ficar com essa pele babado? Quais seus produtinhos de beleza preferidos?
Fernanda - Não uso muita coisa sabe? Mas ganhei um kit da Loreal com vários produtos babados… To usando todos! E comecei com os de anti-idade, porque minha mãe disse que começou a usar com 25 anos, então já estou 4 anos atrasada… E minha mãe tem 65 e parece que tem 50, ela é toda trabalhada nos cremes, na alimentação saudável, é um exemplo pra mim!

Captura de Tela 2013-07-14 às 17.21.31

Nunca soube que Vichy e La Roche Posay eram da Loreal. Alo Loreal, estou esperando meu kit, também. rs…

HG – Você é uma menina antenada na moda. O que não pode faltar no closet de uma mulher elegante?
Fernanda - Aprendi com a minha mãe que mais vale a qualidade do que quantidade… As pessoas dizem que é bom comprar bolsas gringas, pois elas duram a vida toda, então to testando! Te confirmo daqui uns 30 anos… Kkkkk e sempre penso em comprar alguma coisa que eu realmente vá usar. Não sou daquelas que compra só porque tá na moda! Dou valor ao meu dinheirinho… Prefiro boas peças básicas, aquelas que todo mundo tem que ter…  E se for pra gastar uma grana, sugiro bolsas e sapatos, pois na minha opinião são eles que “fazem” o look!

foto (2)

Fernanda é quase uma blogueira. #BlogDaFe #FeSouzaGoesToProjac #DesaFioDasBlogueiras #LookDoDiaAcimaDe2MilReais

HG – Ano que vem você faz 30 anos. O que você pretende fazer nos 30 que não fez nos 20? Além de casar, claro.
Fernanda - Filhos, viajar mais, fazer uma vilã, curtir muito minha sobrinha, fazer uma peça infantil, ficar muito gostosa, kkkkkk e num geral, me tornar uma pessoa melhor! É clichê, mas eu gosto dos clichês, acho q a vida é feita deles…

HG – Como você acha que a Mili está hoje em dia depois que foi embora do Raio de Luz naquela carruagem branca?

Fernanda - Nossa! Nunca pensei nisso! kkkkkk vamos lá: ela foi embora com a Gabi e com quem mesmo? Falei que minha memória não é tão boa como a sua… Acho que ela continuou mega madura e responsável…. Acho que ela pode ter virado médica… Já deve ter filhos… E vocês? O que acham? Até porque, a Mili não é só minha! Ela é nossa e vai ser assim pra sempre!

RELEMBRANDO COM GLOSS

Como sou muiiiito fã e tenho certeza que todos ficaram curiosos, fiz minhas buscas e achei os SBT Repórter especial das Chiquititas. Já assisti umas 10 vezes…Amo!

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

24.jun

De Frente Com Gloss – Anitta

music

Eu deveria começar esse post com PRE-PA-RA… Mas como diz a Anitta: “Mana que é mana não deita” (uma versão afrescalhada da frase “Guerreiro que é guerreiro não se entrega”), então prefiro começar perguntando:  Qual o ser humano que ainda não ouviu essa música e ficou com ela repercutindo na cabeça durante horas, dias, semanas? É quase um vírus que entra em você, te possui… É pior do que o ritmo ragatanga pra tomar conta da pessoa. É de deixar todo mundo BA-BAN-DO de inveja o poder que Anitta (a Emily Thorne da vida real, afinal, ela mudou de nome e voltou RYCA expulsando as invejosas) tem hoje em dia não apenas no cenário musical, mas nas redes sociais também. Cada twittada é um trending topic. Cada foto é um post no EGO. Cada instagramada rende 30 mil curtidas. Da onde veio esse fenômeno? Tudo de uma hora pra outra? Não, Brasil… Eu sou testemunha ocular de que Anitta começou faz tempo… Anos atrás, fui participar da FM O DIA em um programa de rádio e tinha um momento dos ouvintes ligarem pra falar com a gente ao vivo… Ligou Anitta dizendo que era minha fã…Eu falei “Oi? Eu tenho fãs”kkkk… Aí ela disse que era cantora e cantou pra mim no telefone. Fiquei passado, disse que ela cantava bem… pedi pra ver o perfil dela no twitter e lá estava o @Anitta_Oficial, com muito menos seguidores do que hoje…Na época ela usava uma foto com batom azul no perfil e eu já falei logo “A voz tá mara, mas esse batom não tá bom não, colega! Muda isso”. E ela mudou. Não apenas o batom , mas o pacote todo. É quase igual aquela propaganda “Você lembra da minha voz? Continua a mesma, mas os meus cabelos… Quanta diferença”. Anitta Thorne se reinventou e parece ter achado a fórmula do sucesso. Conquistou o amor de vários (e o recalque de alguns, é bom dizer) e, 5 músicas e alguns clipes depois, virou a aposta do pop brasileiro, mesmo antes de ter um CD… Fabricada? Montada? Olha, podem falar o que for, mas uma coisa que Anitta não é moldada. Se fosse, com certeza não teria dado metade das respostas dessa entrevista… Porque a música dela pode ser “Meiga e Abusada”, mas a Anitta é Abusada e depois meiga. E é disso que a gente gosta. Tá pronto pra ficar íntimo da poderosa? Então PRE-PA-RA!!! Ahahahaa….

1369246855519d0c878d5511.42561124

Poucas pessoas sustentam uma saia rosa com top e bota alta. Parabéns, Anitta. Você leitora, não tente isso em casa!!

HG – Anitta, vamos do começo! Em que momento da sua vida você falou “mãe, pre-pa-ra que eu nasci pra ser poderosa”? Foi desde pequenininha ou depois de já ter peitinho?
Anitta - Eu sempre quis ser artista. Cantora, ou atriz, ou apresentadora ou dançarina, qualquer coisa que envolvesse o meio artístico. Não tinha interesse em nada que não tivesse a ver com isso. Mas minha família nunca teve grana pra investir nesse meu sonho. Minhas aulas foram na igreja praticando enquanto cantava pro meu avô.

foto

Anitta em seu momento “Meu primeiro book”. Aposto que ela mandou essas pro teste de “Chiquititas”. #NaoMeDigaMentirinhas #CoraçãoComBuraquinhos

HG – É verdade que você começou cantando em cima de caixa de cerveja? Onde era isso, gente?
Anitta - Já passei por isso uma vez sim. Já cantei em cima de cada coisa que chamavam de palco que você não tem noção. Lá no começo havia momentos em que a estrutura oferecida era precária demais, uma delas foi nesse esquema aí (risos). Hoje em dia eu fico rindo, mas na época era muito complicado. Já passei por cada uma que parece duas.

HG – Você tá bombada. Todo mundo acha que você tá ryca. Já tá dando pra comprar uns Louboutins?
Anitta - Só acham mesmo. Ainda mais saindo na mídia por aí que meu cachê tá dobrando a cada dia e que vem tudo pro meu bolso. Mas não é assim, eu e minha equipe investimos muito na minha carreira e isso custa dinheiro, a estrutura que eu tenho hoje custa muito caro. E além disso eu não sou materialista, não sei se gastaria um fortuna em um sapato. Não ligo pra marcas e essas coisas. Ainda não estou rica, mas trabalho muito, talvez eu fique.

palco-dancarinos-show-anitta

Di-VAN-DO

HG – Você lançou o bordão “não faz a íntima”. Isso veio pra alguém específico ou pra uma série de pessoas? Você sabe que no mundo dos famosos a pessoa te vê 1 vez e já sai te chamando de amiga.
Anitta - Veio pra uma série de pessoas. Mas não para os famosos em geral. Isso surgiu por conta de pessoas que me abordavam nos lugares me chamando de Larissa sem nunca terem me visto antes da fama, antes de ser Anitta (quando eu era Larissa). Ou sem ter o mínimo convívio pessoal comigo, conhecendo só meu eu artístico, no caso, Anitta. Até minha familia às vezes esquece que sou Larissa, e pessoas que descobriram há dias atras meu nome verdadeiro no jornal me abordam em shows ou outros lugares me chamando de Larissa. Nunca fiquei irritada com isso, eu não ligo, mas acho engraçado demais, eu e meus amigos. Daí um dia nessa brincadeira eu falei, “olhaaaa, tá fazendo a íntima comigo”. E aí ficou. A gente fala isso e ri sem parar.

600706_378158442304491_459823825_n

HG – O Sucesso é uma coisa que você sempre quis. Lembro de uma vez na FM O Dia que eu estava participando e você ligou como ouvinte e cantou pra mim. Estar do outro lado é como você imaginava?
Anitta - Nessa época eu ja cantava mas tava no início. Adorava seu humor sarcástico no Twitter e liguei pra rádio pra brincar. Mas já era bem íntima da equipe da rádio porque minha música tocava e eu fazia alguns eventos pra eles. Estar do outro lado é totalmente diferente do que eu imaginava, acho que é diferente do que todos imaginam.

09anitta (1)

Batom azul não está permitido, a não ser que você seja a Lady GaGa. Anitta ja se desfez desse daí!!

HG – Já te inventaram mil namorados, te colocaram no meio de umas fofocas…. Ser famosa é mesmo tão bom quanto as pessoas pensam?
Anitta - É difícil. O público acredita em tudo que sai nas matérias, eu mesmo acreditava quando tava do outro lado. Não conseguimos associar que aquela notícia pode ter sido inventada para receber mais acessos pro site ou chamar compradores pro seu jornal. E inventam MESMO. Histórias sem fundamento. Frases que você nem chegou perto de falar. Mas é isso, muitas vezes a visibilidade é mais importante do que o compromisso com a verdade. E o artista acaba pagando por isso. Por mais que eu desminta mil vezes que fiquei com fulano de tal, o público vai continuar pensando que sim, afinal, saiu no jornal. Tirando a vida corrida e o assédio em momentos não muito bons (que é muito mais complicado do que qualquer um imagina), isso já não me incomoda, sempre quis muito essa vida e amo muito esse agito. Não trocaria por nada. Uma boa dormida e ta tudo certo. Também tem familiares que aparecem do nada, você nunca viu na vida, mas fica famoso pra você ver… É primo, tio, sobrinha, todos brotando feito plantas. Antes eu não entendia, ficava encucada com todas essas coisas, hoje em dia eu acho é graça.

HG – Já te chamaram de Naldo de saias – e parece que você não gostou. O Naldo está focado no mercado internacional. Você pensa nisso também? Aliás, você fala inglês bem?
Anitta - Pelo contrário, eu nem liguei. Eu não ligo nem um pouco pra essas coisas. Ainda mais quando com pessoas legais como o Naldo. Eu falo inglês, fiz 5 anos de curso e me formei. Mas não tenho esse foco de trocar meu trabalho pro inglês pra tentar o mercado exterior. Se forem gostar de mim lá fora, quero que gostem como eu sou, com a nossa língua. A gente não gosta das coisas de fora? Pois bem ! Eles não trocam pro português pra gente gostar, e a gente gosta da mesma forma. Se for sair do Brasil tem que ser com a minha cultura. Não que eu nunca vá cantar em inglês na vida. Se rolasse uma parceria com alguém de fora eu adoraria e faria em inglês, sim, se fosse o caso. Mas não gosto da ideia de trocar definitivamente minhas músicas por outra língua, ou fazer minhas músicas apenas em inglês. Mas nada é impossível, as pessoas adoram me convencer das coisas (risos).

naldo e anitta

Quem é a vodka, quem é a água de coco? Já quero um dueto de Naldo e Anitta! Imagina o babado! #ShowDaVodkaComAguaDeCoco

HG – Falando em Naldo, a Kelly Key tem uma carreira semelhante a sua, no sentido de ter começado associada ao funk, com hits “feministas” (Baba, Cachorrinho)… Mas depois ela deu uma sumida. Você chegou a conhecer os sucessos dela? O que você acha da Kelly? chama ela pra um dueto! Meu sonho vocês cantando Baba!
Anitta - Conheci  a Kelly sim, mas era MUITO nova. Eu tenho só 20 anos. Só o que lembro é que eu era muito novinha na época,mas adorava as músicas dela. Achava inovador. Mas nunca fui a um show dela, nem nada. Eu cantaria sem problema nenhum com ela, sim, adoraria.

HG – Você já declarou publicamente que é fã da Rihanna. O que você achou dela ter voltado com o Chris Brown mesmo depois da surra? Uma menina má tinha dado uma voadora na cara dele!
Anitta - Acho que nós nunca vamos saber exatamente o que se passa na vida dos famosos. Nem o que eles falam pode ser encarado como verdade, porque às vezes eles só não querem mais fofocada sobre suas vidas. Não sei o que pensar sobre isso porque não sei a REAL história. Mas sou fã dela assumida desde muito tempo. No meu caso, eu nunca deixaria a situação chegar a esse ponto. Se houver xingamento já dou um basta na relação. O respeito é a base de um bom relacionamento, se nao há respeito não há amor. Eu não deixo chegar nem na fase do insulto, quanto mais da agressão física.

O que a maconha uniu o homem não separa!

O que a maconha uniu o homem não separa! Nem a porrada…

HG – uma vez você postou um CD autografado pela Rihanna que chegou no seu escritório, mas depois os fãs compararam assinaturas e disseram que era falso. Quem você acha que fez essa piadinha de mau gosto?
Anitta - Na verdade ele não chegou ao meu escritório. Eu conheço uma pessoa que trabalhou em uma turnê dela e essa pessoa pediu a ela que autografasse um cd pra mim como qualquer pessoa pede pra qualquer artista um autógrafo. Daí eu peguei com a pessoa e postei. Pra quê?…os fãs dela (dos quais eu também faço parte) se revoltaram e começaram a me xingar, aí eu exclui a foto pra parar com a “encheção” de saco.

603998_504184609642106_366016728_n

Fãs reclamaram e disseram que o CD Autografado era fake. Será?

HG – Ainda no universo pop, os fãs da Beyoncé ficaram #chatiados porque você teria dito que não era fã dela. Afinal, você é fã ou não da Bey?
Anitta - Pois é, eu adoro Beyoncé. Mas seria obrigada a adorar se não adorasse? Eu não entendi isso, pra ser sincera. Fã, fanática eu sou mesmo pela Mariah Carey, pela Rihanna e pela Ivete. Delas eu sei a vida toda, delas eu tenho tudo…paro a vida pra ver qualquer novidade, acho lindo até um arroto se vier delas. Mas a Beyoncé eu gosto e admiro, não posso ? Eu não tenho cd’s dela, nao pesquisei sobre a vida dela…se eu gosto e digo que gosto, não posso porque tinha que ser fã …se eu digo que sou fã sem ter nem um cd sou poser. Isso é fato, as pessoas sempre tem algo pra reclamar. Eu nunca falei mal dela nem falei que não gostava. (Mais uma vez fui traída pela edição sempre polêmica dos jornalistas) Só que existe uma diferença entre você ser fã e acompanhar cada passo que um artista dá e você gostar e admirar um artista. Mas acho que isso aconteceu por conta da comparação que fazem do meu trabalho com o dela. Dizem que eu a imitei e ficam com raiva porque eu digo que nao. Mas eu sou a senhora sinceridade, se tivesse tido essa intenção de imitar eu falaria. Nem fui eu que escrevi o roteiro do meu clipe, nem fui eu que pedi que ele fosse preto e branco. Recebi a proposta, gostei e aceitei. E eu adoro a comparação, ela é incrível, tem coisa melhor que ser comparada com uma mulher tão maravilhosa? Pois é. Várias vezes peguei algumas referências da Rihanna, da Mariah e da Ivete e coloquei no meu trabalho. Quem é muito fã de uma das três pode identificar em algumas coisas minhas. Mas aí ninguém fala, não entendo. Eu faço cover de Beyoncé nos meus shows, assim como faço de vários artistas que eu adoro, não seria maluca de falar que não gosto.

19_21_36_624_file

Beyoncé não é musa da Anitta, mas é minha,tá? (Vai que a Bey vai ler isso… #Alocka )

HG- Aqui no Brasil você já cansou de falar que Ivete Sangalo é seu ícone. Ivete te ligou… Conta o que ela disse!!!
Anitta - Hahahaha. Eu não me lembro direito porque eu chorava tanto, tava tão nervosa. Tento lembrar e não consigo, eu só chorava.Acho que chorei por mais de 2 horas depois disso. Mas ela disse coisas legais. Eu postei depois no instagram, mas nao falei o nome dela porque não queria que parecesse que tava querendo me promover. É que foi um momento muito emocionante da minha vida. Eu a ouço desde muito pequena. Era como se ela tivesse me ensinado a cantar junto com Mariah Carey. De tanto que eu ouvia. Na época, ela ainda era banda Eva. Foi demais pra mim.

HG – Quando vai sair esse dueto? Todo mundo está Ba-Ban-Do!!
Anitta - Nossa. Meu amor, não sei se sai. Porque se ela  aceita um convite desses acho que morro bem na hora do dueto de tanta emoção e ai ele não vai sair nunca. Hahahaha

HG – Você canta Sandy no seu show! Você acha que ela já ouviu “Show das poderosas”? Será que ela gosta?
Anitta - Adoro Sandy. Tomara que tenha escutado e gostado. Meus fãs adoram quando canto as músicas dela.

HG – Você era fã de Sandy e Junior que chorava pela Sandy, babava pelo Junior ou todas as anteriores?
Anitta - Eu adorava as músicas, via o seriado também, cantava tudo. Mas não tinha fanatismo. E eu era nova demais pra babar por meninos. Nessa fase ainda tava jogando tazzo com eles na rua.

HG – Você chega a fazer 3 shows por dia, quase não dorme, tá sem boy fixo… Como faz pra manter o bom humor? Eu ia ser a antipatia em pessoa!
Anitta - Não sei. Acho que consigo ficar de bom humor porque sonhei muito tempo com isso. E penso que as pessoas nao tem culpa de eu estar há dias sem dormir ou sem comer, sem sair de casa para fazer algo além de trabalhar há meses… Elas curtem meu trabalho, me admiram e sabe lá quando vão ter oportunidade de me ver novamente. Se na única vez que me virem eu estiver mal humorada coitados né ? Ninguém merece. É difícil não ter folga, viver com poucas horas de sono, comer mal, não ter tempo pra vida social. Isso vai te saturando….mas eu já passei por coisa muito mais difícil pra chegar até aqui, é só lembrar da “perrengueira” e da época que isso tudo que estou vivendo não passava de um sonho que rapidinho o mal humor vai embora.

HG – Falando em boy , suas músicas são perfeitas para mostrar prum cara que a pussy é o poder! Onde você aprendeu isso tudo?
Anitta - Com experiências não só minhas, mas também algumas que vejo dos outros. Hoje já consigo transformar um cafajeste num príncipe. Adoro esse desafio. Mas isso não significa que ele não possa tropeçar e cair do cavalo um dia. Aí mando pastar.

Das coreos dá pra tirar umas posições babado! #KamaSutraDaAnitta #PoderosaÉaPussy

Das coreos dá pra tirar umas posições babado! #KamaSutraDaAnitta #PoderosaÉaPussy

HG – O seu Show das Poderosas é mais no palco ou mais na cama? Ensina algum truque pra gente!
Anitta - São diferentes. Normalmente vai ficando mais e mais legal com o tempo. Porque o truque, na minha opinião, é a intimidade e o diálogo. Com isso você se sente à vontade o suficiente pra falar o que você gosta ou aprender o que não sabe. Daí você nunca precisa fazer o que não quer e nem o parceiro. Ou pode descobrir coisas legais e novas com ele, e ele também. Eu já pedi que me ensinassem uma coisa que julgava não saber direito e realmente não sabia e hoje sou expert. Mas isso só com intimidade. Quanto mais vezes com a pessoa, melhor vai ficando, cria sintonia.

HG – Tamanho é documento?
Anitta - Pra cada mulher é de um jeito. Nós também temos tamanhos diferentes. Mas, no meu caso, é documento sim. Só não adianta ter o tamanho legal no documento e o conteúdo zero né ? Aí é melhor um pequeno esperto.

HG – Tem aquele momento nos seus shows em que vc ganha uma encoxada… Ninguém nunca saiu de barraca armada? Como você faz pra não ser bolinada?
Anitta - Nunca. Normalmente eles me respeitam. Tento passar esse respeito antes. Que quem comanda sou eu. E eu sempre comando com respeito. Acho que eles sacam que a parada ali não é a vulgaridade.

113B4A21F660DFDE1FB1EA71154516_h498_w598_m2_q90_cGCtWpJnb

Se a barraca desse boy não armou é porque o pipi é meio pequeno, porque olha a cara dele de quem vai melar a cueca em 5,4,3…

HG – Os caras te respeitam nos shows? Tem muita piadinha, muita cantada imbecil? Ou rola aquilo de “eles tem medo de chegar”?
Anitta - Antigamente eu não tinha esse controle. Acontecia um pouco. Hoje em dia já tenho mais. Nunca mais aconteceu. Nem uma palavrinha feia sequer.

HG – Você é super amiga das bees, tá sempre no meio das gueis, mas a pergunta que não quer calar: você já pegou mulher? Pegaria?
Anitta - Nunca. Se tivesse vontade, sim. Mas até então só tive vontade de bofes mesmo.

HG – Anitta, ao mesmo tempo que você faz a linha “menina má”, você canta “turu turu” e se emociona… além disso vc ainda posta foto da sua bailarina se despedindo do namorado no aeroporto e diz que quer isso pra você também… Como é isso? Rola um conflito?
Anitta - Nem um pouco. Eu prego que as mulheres não devem ser submissas, mas sozinhas nunca. Já experimentou passar um dia inteiro com uma mulher carente ? Ranço total ! Acho que deve haver um romance sim, quando realmente os dois querem, sem chifre pra lá e chifre pra cá. Detesto desrespeito e mentira. Isso que canto nas minhas músicas. Eu nunca cantaria “volta pra mim por favor”, “larga ela e vem pra mim”, “por que me trocou? Vamos nos acertar”…pelo amor ! Homem é homem, lixo é lixo, às vezes a gente pega um lixo por engano, mas implorar pelo lixo de volta é loucura. Eu nunca imploro nada pra homem quando ele está errado. Eu parto pra outra.

45655056

Anitta, não rejeita o boy, manda pras manas bees!!! #reciclagem #salveomundo #aproveitandoosboys

HG – Você é do tipo que chega nos caras? Se tiver um gatinho na plateia do show e você quiser conhecer melhor você manda levar pro camarim? É meu sonho fazer isso!
Anitta - Nunca. Eu posso até dar o primeiro passo. Mas o resto da caminhada são os dois que dão juntos. Um de cada vez.

Esse é o suposto boy da Anitta. Alerta Magya Teen...  E pelo visto nao tem mala, tem baú!!

Esse é o suposto boy da Anitta. Alerta Magya Teen… E pelo visto nao tem mala, tem baú!!

HG- Mulher adora dizer que quer homem fiel, sensível, sincero… Nenhuma fala que quer rico, bem dotado, com pegada…. O que é mais importante: fidelidade ou ser bem servida? O que é fundamental num homem pra você?
Anitta - Acho que ser bem servida é uma coisa que a própria mulher tem que resolver pra ela. Nunca depender de outro pra que ela seja bem servida. O relacionamento tem que ser algo que some na sua vida e não uma dependência. Se você quer uma vida de luxo, trabalhe pra isso. Se o homem for o motivo da vida de luxo que te faz feliz você nunca poderá larga-lo, senão perde seu sustento. Ele, sabendo disso, pode fazer a sacanagem que for com você. Você não vai poder sair fora mesmo, senão perde sua mordomia. Isso, pra mim, não é liberdade. Relacionamento é sentimento e não negócio. Pra mim o homem tem que ser sincero, te respeitar e te amar. Combinação perfeita pra um bom relacionamento.

HG- Aquela pergunta meio Pelé: tem diferença da Anitta pra Larissa? Anitta é um personagem?
Anitta - Muita. Sou mais tímida como Larissa. Mais crítica e mais séria também. Anitta é uma parte que a Larissa tem, só que exagerada. É só uma parte das mil que a Larissa tem.

HG – Você virou o “homem da casa” da sua família? Ou ninguém depende de você e do seu sucesso pra nada?
Anitta - Virei. Sustento minha familia e meu irmão trabalha comigo. Sou muito feliz com isso.

Anitta ao lado de seus familiares

Anitta’s family. O priminho de azul é um cafuçu semi-magya!

HG – Seu irmão que trabalha com você é o, Renan, o Anitto Semi Magya. Pelo que pude ver ele que te coloca na linha. Renan está na pista? Como é a relaçao de vocês?
Anitta - Tá solteiro, sim. Nem quer se enrolar, ele não gosta de compromisso. A gente briga muito mas se entende, se admira e se ama muito. Foi a única pessoa que conseguiu se adaptar à minha rotina. E que eu gostasse de estar 24h junto.

Quem quer a Chuleta do Renan??? Será que ele faz o Show dos Poderosos a domicilio?

Quem quer a Chuleta do Renan??? Será que ele faz o Show dos Poderosos a domicilio?

HG – Vamos falar de redes sociais. Você virou a comandante dos Trending Topics e rainha do Instagram. Sempre tem barraco nas fotos que você posta, gente xingando e gente te defendendo. Você lê? Por que você acha que causa tanto amor e ódio?
Anitta - Leio pouco, não tenho mais tempo pra ler todos, até porque eles triplicaram. Eu sempre fui uma pessoa polêmica por dar minha verdadeira opinião sobre tudo. Não faço a linha “tudo é maravilhoso” pra que todos me amem. Sou autêntica. Mas acho que, na verdade, esses xingamentos são por má interpretação do que eu quis dizer. É aquela frase: “sou responsável pelo que eu disse e nao pelo que voce entendeu” (risos). Em geral eu sou MUITO brincalhona, sempre falo as coisas em tom de brincadeira. Mas tem gente que não leva com tanto bom humor assim. Os fãs que me acompanham há muito tempo sempre entendem o que eu quis dizer e vão lá me defender porque conhecem meu jeito e entendem o que eu quis dizer. Mas sou sempre muito mal interpretada. Nessa entrevista aqui, por exemplo ,te garanto que terão milhares de pessoas me xingando e COM CERTEZA por coisas que interpretaram errado. Mas, paciência. Nem Deus agradou a todos. Não sou eu que vou conseguir. Só acho incrível a falta de respeito com que algumas pessoas falam, muitas vezes boiando no assunto.

HG – Falando em “Amor e Ódio”, estamos em um momento de “revolução” no Brasil. O seu exército é pesado e tem poder. O que a líder das poderosas está achando do povo na rua?
Anitta - Acho necessário. Por muitas vezes tive que fazer a linha e não falar sobre o que pensava, porque eu pensava coisas muito ruins sobre política. Seria engolida no dia seguinte de tão pequena que era se fosse falar mal da nossa política sozinha. Rapidinho me colocariam no meu lugar. Mas acho que todos  nós juntos temos força e aí sim podemos dar nossa opinião. Só acho que precisamos de mais estratégia, e precisamos criar soluções, ou precisamos de uma liderança que encontre e execute essas soluções.

HG – Seus fãs acabam pegando também seu jeito de falar. Da onde saiu esse “mana” que você e Preta tanto falam?
Anitta - Do nosso amigo Duh, que inventou essa doideira. Ele cria uns bordões e de tanto a gente conviver com ele acaba pegando.

HG – Falando em Preta, ela te conhece há muitos anos. Como vocês se conheceram e como é a relação de vocês hoje?
Anitta - Então, esse nosso amigo: Duh Marinho, é meu amigo e amigo dela há muitos anos. Ele nos apresentou e foi amor à primeira vista. Somos amigas pra todas as horas. É muito bom sentir esse carinho de alguém tão especial e ter esse carinho por esse alguém.

Screen Shot 2013-06-24 at 02.36.07

As Manas: Preta, Duh Marinho e Anitta. Eles não deitam, eles desfilam.

HG – O EGO adora publicar notinhas suas. Todo dia sai alguma coisa. Você se incomoda ou já se acostumou?
Anitta - Já me acostumei. Só não gosto quando nao entendem algo ou postam uma mentira. De resto, tudo bem. Nem ligo. Estou sempre vendo.

HG – Teve alguma nota que fizeram sobre você que te chateou? Qual?
Anitta - Sobre pessoas que fiquei que na verdade eu nunca fiquei. Ou quando colocam frases que eu nao falei. O lance da Beyoncé me chateou, ficou todo mundo me odiando por uma coisa que eu não tinha dito. Ou uma nota falando que piso em todos os meus ex namorados, eu nem tenho ex o suficiente pra isso, tenho um só e nunca mais vi na vida. Eu nunca falei isso, a pergunta não tinha sido essa. Tinham perguntado se eu fico com caras que não me davam bola quando ainda não era famosa e eu disse que fazia questão de dar toco. E aí me sai uma nota dessa que diz totalmente o contrário do que penso.

Screen Shot 2013-06-24 at 02.42.15

HG – Antes de explodir você batalhou bastante e chegou a passar pela Furacão 2000. Como é sua relaçao com eles hoje? Por que você saiu?
Anitta - Falo com a galera normal. Saí porque não tinha investimento específico pro meu trabalho. Não tinha um trabalho direcionado e nem a estrutura que eu queria pro meu sonho acontecer. Mas acredito que todos nós somos resultado de muitos fatores e um deles é a nossa experiência de vida. A cada experiência nos tornamos uma pessoa melhor, com mais bagagem. Acho que foi necessário pra eu me tornar a pessoa que sou hoje com todo o conhecimento de realidade social que tenho.

HG – Dizem que as meninas do Rouge, na época que o grupo bombava, nao enriqueceram porque os empresários e gravadoras ficavam com tudo e elas tinham só um salário. Você é sócia de todas as coisas que envolvem seu nome?
Anitta - Sou sócia de tudo, sim. Mas essas temos que ter cuidado com essas coisas… Além do mais essa história do “dizem que”…não me convence mais hoje em dia.

ANITTA-FOTOCARD3

Anitta antes do Visa Platinum, meu Brasil. #QuemAcreditaSempreAlcança

HG- Você é do tipo gastadeira? Que gasta pencas em bolsa, sapato ou controla tudo? Você sabe quanto tem na sua conta agora, por exemplo, ou alguém cuida pra você?
Anitta - Nem um pouco. Controlo tudo até porque eu tenho uma família que depende de mim e sei bem o que é não ter dinheiro nem pras coisas mais baratas. Sei quanto tenho, mas meu pai que cuida disso pra mim, ele não pega no dinheiro, mas cuida do que dever ser feito, aplicado etc…e também na hora de declarar imposto. Ele que resolve com os contadores e tal, porque não entendo nada. Mas na hora de efetivamente gastar sou só eu que decido.

HG – Na internet circulam umas supostas fotos suas mais nova, super diferente de cabelo cacheado e nariz diferente. São suas mesmo? Quando foi que você fez esse nariz? Por que você fez? Nem era grande…
Anitta - Sou eu sim, com 12, 13 e 14 anos. Eu precisava operar e aproveitei pra dar uma melhorada, mas nao foi muita coisa. Eu era horrorosa, mas por conta da puberdade, onde todo mundo da uma embarangadinha (na minha opinião).

11042013_135802_b05e8682447995c586b54d19a2a10c49_r

Adolescência não faz bem a ninguém… #Convenhamos

HG – Você acha que hoje em dia tem que ser bonita e gostosa pra fazer sucesso?
Anitta - Nao. Acho que é preciso atitude.

HG – Você vai posar nua?
Anitta - Não. Acho que nao tem nada a ver comigo.

HG – E pra Fazenda? Já te chamaram? Você iria?
Anitta - Nao chamaram. Nesse momento da minha carreira nao porque tô com muito foco no meu trabalho. Passar meses parada não ia fazer bem pra minha carreira porque ia parar de trabalhar, minha agenda tá uma loucura. Mas talvez, em outro momento, sim. Gosto de realities.

HG – Você ja fez teatro… Podemos ter uma Anitta atriz qualquer dia? Nem que seja num vídeo do “Porta dos Fundos”. Quero muito te ver atuando!
Anitta - Tomara. Um dos meus sonhos é esse. Fiz teatro por um ano e só parei por conta da agenda. Quero voltar.

HG- Seu guarda-roupa teve uma mudança drástica. Do meu aniversário que você tocou pra cá, você é quase outra mulher. Como foi essa mudança? Você participa ou só veste o que te mandam?
Anitta - Super participo, fui mudando aos poucos e hoje ja consigo montar meus looks sozinha.

page anitta

#LooksDaANitta Dessas fotos pra cá ela já evoluiu….

HG – Dia 09/07 sai seu CD finalmente! Vai ter alguma balada? Tem alguma coisa inesperada?
Anitta - Vão ter shows de lançamento. Vou divulgar nas minhas redes sociais. Nada muito inesperado. Esse cd é mais pra me apresentar ao Brasil inteiro do que pra trazer inovações incríveis ao meu trabalho. Muita gente fora do Rio de Janeiro nao conhece minha trajetória e todas as músicas que me fizeram ser cantora hoje. Meu cd vai reunir todos os meus trabalhos antigos e algumas musicas novas (3 delas eu ja canto no show). Ele vai servir pra mostrar a minha cara pras pessoas que me acompanham a pouco tempo. Nunca tive um cd, não podia deixar as musicas que me fizeram cantora de lado. Sao a minha história.

anittagloss

Show da Anitta no #BaileDoGloss 2012. Antes da explosão das Poderosas ela já estava dominando o baile glossificado. #Tombei

HG – A capa foi divulgada no Caldeirão. Você gostou do resultado? Vai ter DVD tambem?
Anitta - Eu tinha uma idéia diferente pro cd. Muita coisa nova e diferente, até que minha equipe me abriu os olhos pro fato de que não é em todo lugar que as pessoas me conhecem e conhecem todas as minhas músicas. E realmente ainda ouço piadinhas quando falo de música do tipo “mas você só tem show das poderosas” …mal sabem do imenso trabalho que tive pra chegar ao estouro dessa música. Eu preciso ser apresentada primeiro pra depois inovar e criar coisas diferentes. Aí fizemos uma coisa mais simples, porém, classuda. Pro DVD vamos apresentar as musicas do cd, e o show nesse formato gigante da turnê. Com algumas participações e musicas novas.

anitta-cd

A Capa do CD saiu primeiro no Caldeirão e depois no meu instagram. #Exclusividades #Vras #TristezaPrasInimigas

HG- E clipe? Vai ter mais algum clipe babado tipo Show das poderosas? Os ultimos clipes foram super produções!
Anitta - Vamos fazer o clipe da minha próxima Musica de trabalho chamada “Nao para”. O roteiro, dessa vez, fui eu que escrevi. E eu acredito, sim, que esteja bem babadeiro. Só não quero comparações com “show das poderosas”. As pessoas tem mania de comparar. São coisas diferentes. Mas, é inevitável.

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

3.jun

De Frente Com Gloss – Leo Dias – O jornalista dos BAPHOS

celebs

PRE-PA-RA! Senta e coloca sua máscara de oxigênio porque o babado vai ser forte, intenso e sufocante! Todo mundo tem mania de dizer “ai, odeio fofoca”, mas vai saber porque os sites de fofoca são os que tem as maiores audiências do Brasil! A verdade é que somos um País de Fifis, mas não só a gente, o mundo inteiro gosta de fuxicar a vida alheia, só não admite! Vamos confessar, a gente adora saber dos outros, mas odeia que saibam da gente! É por isso que gente como Léo Dias gera amor e ódio! Amor daqueles que, como eu, adoram saber um bom babado e ódio de quem odeia ver seus segredos expostos nos jornais e sites do país. Léo costuma dizer que a Fama tem seu preço e que ele está aí para cobrar… Quem deu essa função pra ele, eu não sei, o que eu sei é que ele faz isso muito bem. Ele é quase um CSI dos famosos. E dos não tão famosos assim, é bom dizer. Com uma carreira firmada no jornalismo de celebridades, Léo está acostumado a colocar seus entrevistados contra a parede e arrancar as confissões mais íntimas e inesperadas, mas será que já fizeram isso com ele? Se não fizeram, isso está prestes a acontecer. Prepare-se para acompanhar o “desvirginamento” do Léo Dias, aqui na minha parede cheia de Coroas, onde faço ele falar dos bastidores do mundo da fofoca, com direito a nomes, inclusive da pessoa que chegou a ameaçá-lo de morte! Pegaaaa foooooogo, Cabarééé!!!!

leo dias (29)jh

E quem diria que fofoqueiro podia ser magya? #ChoraLeaoLobo #ChoraNelsonRubens

HG – Pra começar, eu preciso perguntar: você se acha fofoqueiro?
Léo - Acho. Eu tenho curiosidade sobre a vida de todos. Se minha vizinha me contar sobre um caso dela com um amante, eu vou parar e ter o mesmo interesse que tenho na vida das celebridades. Mas eu sei guardar segredo.

HG – Como começou seu interesse pelo mundo das celebs? Foi como eu, desde criancinha, ou a vida te levou pra esse caminho?
Léo - Desde criança eu vejo as novelas. Assistia ao Troféu Imprensa e o sonho da minha vida era participar de uma edição do programa. Gravava programas de TV, finais de novela, Globo de Ouro… Vi Vale Tudo várias vezes no Vale a Pena ver de Novo e também gravei a novela. Sei algumas falas da Maria de Fátima de cor. Quando eu entrei na faculdade, não imaginei que fosse fazer esse tipo de jornalismo. No quarto período, eu mandei uma carta para várias rádios de Portugal dizendo que eu já era formado e me oferecendo para trabalhar como correspondente. Fui contratado pela RDP (Rádio Difusora Portuguesa), que transmitia para todas os países de língua portuguesa na África, além de Portugal, é claro. Nela, fiz o jornalismo dito sério: política, economia, esportes… Viajei o mundo graças à rádio. Fui à Indonésia, consegui entrevistar Xanana Gusmão (líder da revolução do Timor Lest, preso em uma cadeia de Jacarta), fui à Cuba, cobrir a visita do Papa João Paulo II, fui ao Chile cobrir a morte do Pinochet… Mas em 96, fui contratado para ser redator da Revista Amiga. E parei ali por acaso: uma amiga foi chamada, mas tinha vergonha de assumir o cargo em uma revista de celebridades. Depois, fui para a Manchete, Chiques & Famosos, Contigo!, Extra, Yahoo, e hoje aqui no O Dia.

Leo-Dias

Alerta Começo de carreira. Fashion Emergency!!

HG – Já ouvi dizer que no meio jornalístico há um preconceito contra os que cobrem celebridade. Todo mundo acha que é menos importante, que é quase um trabalho sujo e feio. O que você acha disso?
Léo - Acho que existe muito preconceito não só no meio jornalístico. As pessoas acham que o que eu faço é algo menor. Mas eu não estou nem aí com o que as pessoas pensam. Paga as minhas contas no fim do mês e me satisfaz profissionalmente. Modéstia à parte, acho que eu faço bem esse trabalho.
Há preconceito muito grande de maneira geral em relação a quem cobre esse tipo de jornalismo. Os próprios artistas acham que os jornalistas que cobrem a vida deles é só gente feia, pobre e mal amada. Eu estou aqui para provar o contrário.

HG – Quantas vezes por dia alguém te manda cuidar da própria vida?
Léo - Muitas vezes. Mas não me preocupo com isso. Inclusive, só sei porque um dos meus assistentes aprova os comentários do blog e me passa o que acontece. Mas se o leitor se deu ao trabalho de entrar ali, é porque não quer só mandar eu cuidar da minha própria vida.

HG – Aí eu quero saber, o seu trabalho prejudica a sua vida pessoal? Você deixa de fazer alguma coisa pra apurar notas, fechar colunas, ir atrás do babados?
Léo - Um dos sucessos da coluna é a minha dedicação. Não vejo diferença da hora em que estou trabalhando ou não. Se estou numa boate e vejo uma cena que me chama a atenção, escrevo na coluna. Sou jornalista 24 horas por dia. Se isso prejudica minha vida pessoal? Não sei…

marcellazamith-hugogloss1000-173

Léo socializa muito para saber os baphos. Quem garante que no canudinho da bebida dele não tem uma câmera oculta? #LiviaMariniDasFofocas

HG – Como a sua família lida com a sua profissão? Sua mãe não te liga e diz “meu filho, não faz isso”? Como é?
Léo - Meus pais não lêem porque não se interessam pelo assunto. A minha grande fã é mesmo minha avó, de 93 anos! Ela lê a coluna todos os dias e guarda todas as minhas colunas e reportagens desde o primeiro dia da minha vida profissional.

HG – Léo, você sempre coloca no twitter que “Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique, todo resto é publicidade”. Como você escolhe quem você vai ajudar e quem você vai botar na fogueira?
Léo - Não há uma escolha. Há fatos. O que acontece com um famoso, se tiver relevância e chegar aos meus ouvidos, vai ser publicado. O que não faço é publicar uma nota em cima de suposições. Tem que haver algo de concreto na notícia. Não vou escrever que um ator casado pulou a cerca se não tiver dados que comprovem o que digo: onde ele estava com a amante, quando… E nem em relação a crise. Há algo mais superficial do que crise?

HG – Você já se arrependeu de alguma coisa que você publicou? O quê?
Léo - Já. Quando estava no Extra, falei de uma história envolvendo dois atores e envolvi a Giovanna Antonelli sem necessidade. Não quero entrar em detalhes dessa história, até porque me faz muito mal e me arrependi profundamente. Giovanna é uma pessoa queridíssima, muito talentosa, de um coração gigantesco…. E nós tínhamos uma boa relação na época. Elaligou pra redação, me xingou de todos os nomes, ficou anos sem falar comigo. Eu batalhei, durante muito tempo, para que voltássemos a nos falar. Pedi desculpas, me arrependi, e ela me perdoou. Graças a Deus.

foto (1)

O perdão de Jade só veio após queimar no mármore do inferno Antonelliano!!! Inshalá!

HG – O jornalismo também é imparcial, mas algumas vezes as notícias são meio tendenciosas. Você costuma tomar partido? Por exemplo, em uma briga de celebridades, se uma é sua amiga e a outra não, você fica do lado da que é sua amiga (mesmo que ela esteja errada)?
Léo  - Eu dou voz a todo mundo. Mas as minhas amigas vão querer falar. As outras, talvez não. E quem conta um conto, aumenta um ponto. A Luma de Oliveira me disse uma vez, uma frase que ficou marcada na minha vida: quem conta a primeira história dita o tom das demais. E acho que ela está certa. Por isso que, às vezes, as pessoas preferem passar as coisa pra mim.

HG – A gente sabe que no meio artístico tem muita gente meio Emily Thorne de “Revenge”, que quer vingança. Você recebe nota de um artista querendo se vingar de outro? Já houve algum caso? Me conta!
Léo - Sim! Muitas vezes. Toda nota passada há um interesse. Eu tento evitar com que esse interesse ultrapasse a verdade dos fatos. O importante é checar, nem que seja cinco vezes, para ver se a história procede, independente se veio através de vingança ou não!

HG – Você é vingativo? Já usou seus métodos pra se vingar de alguém que fez algo contra você?
Léo - Não. A vida se encarrega disso. E eu publico. Kkkkk

HG – Algumas celebridades que dizem que você inventa histórias. Você já publicou alguma coisa sem apurar porque você confiava na fonte?
Léo - Discordo dessa sua afirmação. As celebridades não dizem que eu minto não. Eu não minto, eu incomodo. O problema é que muitas vezes a notícia toma proporções muito grandes, que até eu me assusto. Podem me chamar de qualquer coisa na vida, menos de mentiroso. Eu não minto!

HG – Qual a diferença entre o seu blog de notícias e a sua coluna? No seu blog você pode opinar e na sua coluna não? Existe alguma coisa assim ou é tudo igual?
Léo - Tudo o que é publicado na coluna, sai no blog. A diferença é que existe uma parte da coluna chamada Pronto, Falei, que é mais adjetivada. É lá que estão as notas cifradas. Tem mais bom humor, eu brinco mais. As outras notas são mais sérias, mesmo. Com texto mais rebuscado.

Captura de Tela 2013-06-03 às 15.26.36

Um look comportado para a foto da coluna, mas repare no peito estufado, de poder e glória.

 

HG – Você acha que é preciso ser gay ou mulher pra fazer jornalismo de celebridades? Tem homens hetéros fazendo matérias desse tipo ou não? Por que?
Léo - Se tem homem hétero fazendo jornalismo de celebridade, eu não conheço. É igual a enterro de anão. Dizem que tem. Mas eu nunca vi.

HG – É verdade que você é super amigo de motoristas, camareiras, faxineiros, pois eles são os que tem as melhores notícias? Como você faz essas amizades?
Léo - Olha, não sou um jornalista exemplar. Minha escrita não é sensacional, não fui o melhor aluno da classe, não passei pra universidade pública… Mas acho que Deus me deu um talento: carisma! Quem me conhece, gostam de mim. As pessoas acham que eu sou vilão, que eu sou Félix… Eu não sou nada disso. Eu sou do bem. Eu sou bonzinho… Não sou bicha má. Mas, modéstia à parte, sei do meu valor e sei que ninguém, no jornalismo de celebridade, apura tão bem como eu. Mas Gloss, desculpa… Não vou contar quem são as minhas fontes! E te garanto que elas não gostariam de aparecer.

HG – No “Muito Mais” você fez entrevistas no vídeo, assim como no Yahoo. Você acha que foi bem? Recebeu críticas? Você tem vontade de ter um programa de TV?
Léo - No início eu achei que fui muito mal, péssimo. Recebi muitas críticas. As pessoas me achavam agitado para vídeo. As críticas estavam corretíssimas. E acho que tenho que aprender muito para fazer TV. Mas posso afirmar que ninguém tem coragem de fazer as perguntas que eu fazia, não fazia entrevistas sem graça, as minhas entrevistas tinham conteúdo. Disso, ninguém pode dizer o contrário. O Belo falou isso uma vez e acho que ele tem razão: sou a viado mais macho que ele conhece.

Captura de Tela 2013-06-03 às 13.01.25

Léo foi repórter do extinto “Muito Mais”, da Band. A Galisteu o chamava de “Repórter Bomba”. Será pelo físico ou pelos baphos?

HG – Eu tenho a impressão de que você é uma pessoa muito ansiosa. Você sempre quer postar as notícias antes da coluna sair, quer twittar logo que o bapho acontece. Você sofre com isso? Você precisa de notícias o tempo todo?
Léo - Não gosto de ficar sentado em cima da notícia. Se algo acontece e eu sei, quero dar logo. Ser o primeiro! Chegar na frente. Não sei se isso é um defeito ou uma qualidade, mas quero noticiar primeiro. Sou assim na minha vida normal também. Chego na casa da minha mãe querendo contar a novidade que aconteceu na vida da minha tia. E se minha irmã contar primeiro, eu brigo!

HG – Essa ansiedade te prejudica no seu dia-a-dia? Deve ser dificil conviver com quem está ligado no 220v o tempo todo! O seus relacionamentos sobrevivem?
Léo - Me prejudica diariamente porque exijo que as pessoas que estão ao meu redor tenham a mesma velocidade que eu. E cobro que as coisas no mundo também aconteçam na minha velocidade. E sei que não funciona. Isso me prejudica e, às vezes, me deprime até.

HG – Quem é a celebridade que você mais odeia? E a que mais te odeia?
Léo - Estou proibido judicialmente de falar o nome da celebridade que mais odeio e acredito que seja ela a celebridade que mais me odeie também. Só posso dar uma dica: ela desfila pelo Projac com bolsas falsificadas e recebeu o cachê da Playboy com uma nota fria para burlar o Imposto de Renda. Fina a moça em questão, não é?

HG – Outro dia você entrevistou a Tatá Werneck e no meio da entrevista você falou que o Pedro Cardoso era Uó, e você publicou. Quem mais é o Uó, que você não tem medo de dizer?
Léo - É pouco dizer que Pedro Cardoso é uó. Ele destrata não só a imprensa, como os fãs de uma maneira geral. Quem mais é uó? Uó é muito relativo. Vai de Ariadna a Luana Piovani. São tantas…

foto (3)

A lista negra de Léo Dias. Você não quer estar nela…. #TenhaMedo #AcendaUmaVela

HG – Muito artista puxa seu saco só para que você não publique notinhas ruins sobre eles? E isso funciona?
Léo - Acho que não puxa não. E, se puxar, não funciona não! Odeio gente puxa-saco!

HG – Como é seu código de ética? O que você não publica?
Léo - Não publico inverdade. Isso é o básico! Não publico nominalmente traição de gente casada. Não deixo de noticiar porque é um fato, mas retiro os nomes dos envolvidos em respeito à família. Muitas vezes, o casal tem filhos… Não publico nomes de pessoas que vivem no armário também. A exceção foi o caso da Daniela Mercury porque existia um relacionamento estável entre a assessora dela e uma terceira pessoa. E Daniela foi lá e “roubou” a menina. Isso é o fim da picada.

HG – Quem são os intocáveis da imprensa de celebridades brasileira? Sobre quem não se fala? Existem essas pessoas? Por que elas são protegidas?
Léo - Eu tenho muita sorte de trabalhar num veículo que não está atrelado a nenhuma emissora de TV e a nenhum grupo político nem econômico. Mas sei que para toda ação, existe uma reação. E sei o poder dos advogados de algumas pessoas poderosas da TV. Mas afirmo com todas as letras: não existe pessoa intocável. Preciso apenas juntar uma boa quantidade de provas. E meu advogado falar, pelo menos, o português correto para me defender nas audiências (risos).

HG – Já te ameaçaram de morte por conta de alguma nota?
Léo - Já. Essa eu posso falar sem problemas porque quem me ameaçou já está a sete palmos abaixo da terra. Marcelo Silva, ex-marido de Susana Vieira.

HG – O que você acha do que se tornou a sua antiga coluna “Retratos da Vida”?
Léo - Quando eu era o titular da Retratos da Vida, imprimi a minha cara na coluna. Hoje, o Leonardo Ferreira fez o mesmo: imprimiu a cara dele na coluna. Trabalhamos juntos no Extra e por isso posso afirmar que a Retratos hoje tem o tom do jornalista Leonardo Ferreira. Nada mais.

HG – A Fabíola Reipert é uma das jornalistas mais polêmicas atualmente. Vocês são amigos? As notinhas dela são cheias de veneno, rs… Podemos confiar?
Léo - Sou amigo da Fabíola. Meus amigos não têm defeitos.

BHbEDtUCQAI8Qnc

Léo e Fabíola, o que a fofoca uniu, o homem o não separa. #UnidosPelosBaphos

HG – Você já quis parar alguma vez? Mudar de ramo, de estilo, fazer outra coisa? Nunca cansou desse mundo?
Léo - Eu me canso, às vezes. E não sei se fico muito tempo nesse ramo. Fazer uma coluna 365 dias por ano é estressante demais, é árduo demais. Tô ficando velho e é puxado demais. Acho que eu mereço ter uma qualidade de vida melhor daqui a uns anos. O único problema é que gosto muito do que eu faço. E não vou saber ser um chefe sem botar a mão na massa. O problema dos editores hoje em dia é que eles esquecem que um dia foram repórteres. Se é que foram um dia. Gosto de apurar e amo ser o primeiro do Brasil e levar uma notícia.

HG – Você está solteiro? Essa língua grande está servindo pra outras coisas também? Rs..
Léo - Solteiro, sim. Sozinho, nunca. Acabei de sair de um relacionamento e estou amando ficar solteiro.

HG – No Rio você acaba indo para vários eventos e estando entre várias celebridades. De alguns você é amigo, para outros é persona non grata. Como é essa saia justa?
Léo - Não entro de bicão em nenhum lugar. Se estou lá é porque fui convidado ou estou pagando. Então, quem está incomodado que se mude. Entro pela porta da frente e saio pela porta da frente.

BDBAyXhCMAAzkRQ (1)

Léo Dias é quase embaixador da Vila Isabel, junto com Sabrina Sato.

HG – Você já se envolveu em algumas polêmicas com artistas, algumas brigas no twitter. Você tem o gênio muito dificil?
Léo - Tenho. Mas dizendo por favor, desculpa e uma palavra doce, as pessoas conseguem tudo de mim. Só não me ameace porque eu não tenho medo de ameaça: nem de artista, nem de anônimo, nem de ninguém.

HG – Um dia você pretende lançar um livro contando tudo o que você não contou? Quais os seus planos pro futuro, quando você cansar de escrever sobre famosos?
Léo - Pretendo. Dia 19 de julho vai ser votado no Congresso Nacional, a Lei do Marco Civil. Com a aprovação dessa lei, vai ser possível, por exemplo, a publicação de biografias não autorizadas, como acontecem em quase todo o mundo. Eu tenho muita história pra contar, sobre muita gente. Muitas são apenas curiosidades e algumas nem são depreciativas. São os bastidores da notícia mesmo, desconstruindo alguns mitos que criaram. Aliás, acho que essa é uma das minhas funções no jornalismo de celebridades. Eu não faço um jornalismo chapa branca. Não sou a revista Caras e nem quero ser. Mostro que a celebridade é gente como a gente: briga com o marido, trai a mulher, deve condomínio, enfim, mostro aquilo que muita gente não quer mostrar. E isso é jornalismo, sim.

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

25.mai

De Frente Com Gloss – Dulce Maria

musica
Olha, vou falar pra vocês: eu não fui ou sou fã do RBD. Eu assisti a novela (não inteira), sei algumas músicas, mas vou confessar que não achei maravilhooosa, como tanta gente achou. Mas eu entendo, quem achava, porque foi realmente a marca de uma geração, em várias partes do mundo. O sucesso é incontestável. Anahí, Christopher, Poncho delícia, Maitê fofa, Christian Bee e Dulce babadeira foram responsáveis por multidões em estádios no Brasil… Lembro que chegou até a ter morte de tão desesperados que eram os fãs pra chegar perto deles. A novela acabou, a banda também e cada foi pro seu canto. O sucesso, porém, continua, guardadas as devidas proporções, claro. Quando me falaram de fazer uma entrevista com a Dulce Maria, eu topei de cara. Sempre achei ela um sucesso, a Rebelde que mais tinha cara de Rebelde… Cabelo colorido, olho todo pintado… Óbvio que ia fazer. Eu amo estrelas internacionais, especialmente mexicanas. Todo mundo sabe que adoro um drama, rs.. Mas eu não sabia que seria tão dificil. Vou explicar. A entrevista foi marcada com um mês de antecedência. Com algumas semanas, marcaram a data e HORÁRIO… Eu tinha quinze minutos a princípio, mas como eu faço sempre entrevistas longas no #DeFrenteComGloss (porque não gosto de perguntar tudo aquilo que todo mundo pergunta, né) eu pedi mais tempo. A assessoria brasileira negociou com o povo lá do México e ficou de me dar retorno… Acontece que o meu horário com Dulce estava marcado para as 18:30. Às 14:30 recebo um email dizendo que ela conseguiu meia hora para mim, mas que teria que ser às 15:30. O problema é que eu estava do outro lado da cidade, Brasil. Tive que sair correndo desembestado, como se fosse pra uma liquidação da Prada, devo ter tomado umas multas no caminho, e cheguei em casa atrasado, porque o trânsito no RJ está pior que a fila do SUS. Enfim, liguei o PC esbaforido e liguei pra Dulce do Skype porque ainda tinha que gravar tudo pra transcrever e traduzir…. Nisso, a assessoria mandando mil mensagens pra me apressar, porque ela tinha umas 300 entrevistas agendadas com revistas e rádios brasileiras e não poderia passar do horário combinado, ou seja, o meu tempo estava sendo reduzido, rs…. Uffa… Vou te falar… Eu tive que rezar para Nossa Senhora da Novela Mexicana Thalia para me dar ya mucha honra… Até esqueci meu espanhol de tão tenso que fiquei com tantas mudanças e confusões. A entrevista acabou ficando inferior ao que eu tinha planejado, mas está aí, de coração para todos os Dulcetes!!! Espero que gostem… e se não gostarem, deixem de ser rebeldes… é que talvez ninguém me conheça bemmmmmm!!!! Com vocês, La Dulce Maríaaaa!

Uma vez rebelde, sempre rebelde!!

Uma vez rebelde, sempre rebelde!!

HG – Dulce, eu soube que no seu disco novo tem a participação de um produtor brasileiro, é verdade?
Dulce - É isso mesmo. É o Dudu, não sei se você conhece. Ele é um produtor brasileiro e vai fazer duas músicas do disco

HG – Eu vi também você falando que vai fazer uma produção mais mexicana…. Vai ter música ranchera, mariachis, uma coisa Maria do Bairro?
Dulce - Vai ter nessa linha, de música ranchera e típica do méxico, algo parecido, mas é interessante porque tem a ver com o Brasil também. Por exemplo, o acordeon e tudo isso que usam bastante no Brasil também vamos usar. Vai ser como uma mistura, porque, na verdade, uma das músicas que o produtor brasileiro vai produzir é uma música que realmente soa mexicana. Vão fazê-la mexicana, mas também para o Brasil. Vai ficar muito muito legal o que está sendo feito, o que está sendo planejado para esse novo álbum. Tem muitas composições minhas, também tem uma música de Axel Duperon, aquele que fez “Inevitable” e outras músicas do meu disco “Extranjera”. Foi uma honra trabalhar com Coti, gravei a metade, bem, algumas músicas na Espanha, em Madri.

HG – É verdade que vai ter uma musica em português?
Dulce - Sim, é verdade. Gravei uma música em português. Foi um agradecimento a todos meus fãs do Brasil que tanto carinho me deram e que tanto apoio deram ao meu disco “Extranjera”. Então, tem sim, uma música em português. Na verdade, também terá, provavelmente, uma colaboração, mas estamos vendo isso daí. Não deixam que eu conte, porque ainda tem duas músicas pra gravar.

HG – Com um artista brasileiro? Pode me dizer quem? Homem ou mulher?
Dulce - Sim! Mas ainda não deixam que eu revele o nome….. é…. é com uma mulher. Estou muito feliz com tudo isso. Com muita fé no disco, que acho que meus fãs vão gostar. É um trabalho muito honesto.

Produtor musical de Dulce citou Manu Gavassi no Twitter. Será ela?

Produtor musical de Dulce citou Manu Gavassi no Twitter. Será ela?

HG – Você já escolheu o nome do disco?
Dulce - O disco ainda não está pronto. Assim que terminar, vamos poder saber que nome pôr, qual será o conceito e tudo o que for necessário.

HG – Além desse dueto com a artista brasileira, haverá algum outro?
Dulce - Sim, mas também ainda não está pronto. Acho que daqui uns dois meses tudo vai ficar pronto e daí poderei soltar mais informações. Agora, por causa do processo todo, não posso falar muito para que saibam mais ou menos em que pé está, para que fiquem imaginando um pouco como vai ser . Acho que em dois meses já vai sair o primeiro single, que aliás, ainda não sei qual será. Mas agora estamos indo com tudo nesse novo disco.

Dulce, devolve o violão da Paula Fernandes, sua loucaaa!

Dulce, devolve o violão da Paula Fernandes, sua loucaaa!

HG-  Na sua música com o DJ Basshunter você fez uma coisa super eletrônica e pop. Já pensou em fazer um projeto assim, mais bate cabelo?
Dulce - Então, gosto muito! Adorei, e pra mim foi uma grande honra porque ele é um DJ que tá indo muito muito bem na Espanha, bem, na Europa, de modo geral. E que ele tenha me convidado pra cantar com ele neste disco é uma grande honra. É um pouco diferente do que já ouviram de mim, então é uma boa opção.

HG – E Você vai gravar um clipe dessa música com ele?
Dulce - Não sei, porque é uma música pro disco dele, então cabe ao pessoal dele decidir se querem um clipe ou não…

HG – Você está indicada no Prêmio Juventude nas categorias – Meu Ringtone favorito; Música mais pegajosa, Meu artista Pop e Clipe favorito. Então eu quero saber, qual o seu ringtone atual, ou qual seria, se fosse uma música. Qual a música mais pegajosa que você tem escutado ultimamente e qual foi o último clipe de outro artista que você mais gostou.
Dulce - Adorei o vídeo de Taylor Swift, o Twenty two. E de ringtone… ai, não sei! O meu telefone fica sempre no silencioso porque eu não gosto que ele toque! Ele tá sempre no silencioso. Ah! Já sei! Gosto da música do Psy, a Gentleman. Morro de rir com essa! Acho que serve para música mais pegajosa também!

HG – Quais as possibilidades de você voltar a cantar com algum integrante do RBD? Já pensou em chamar algum deles para alguma participação nos seus discos ou já não tem mais nada a ver?
Dulce - Por agora, não. Porque cada um tá muito na sua, fazendo suas coisas. Seria complicado dizer, porque o disco está praticamente pronto e cada um tá muito focado na sua vida, na sua carreira. Neste momento acho que é muito cedo pra fazer alguma coisa assim.

HG –  Ter sido parte do RBD foi muito bom pra sua carreira, mas o título de EX-RBD não te incomoda? 
Dulce - Não, não me incomoda e acho que é inevitável que seja assim. Além disso, terei sempre muito orgulho de levantar a bandeira RBD. No fim das contas, é uma coisa com a qual vou viver pra sempre, e adoro ter isso como…. ai, não sei explicar… então, é mesmo como erguer a bandeira, e eu gosto! Apenas estou agora no meu caminho solitário. Mas, não. Não me incomoda, nem pretendo tirar.

Dizem que ela pegou o Christopher e o Poncho! Dulce destruidora!!

Dizem que ela pegou o Christopher e o Poncho! Dulce destruidora!!

HG – Você assiste Rebelde quando passam as reprises ou já não aguenta mais?
Dulce - Às vezes. Tem um canal no México que transmite, e às vezes consigo assistir, e morro de rir! Porque não é a mesma coisa atuar e assistir. É estranho, engraçado, é lindo de lembrar, mas é estranho. Sinto que é uma etapa que ainda tá bem próxima, não é uma coisa que eu veja como antiga. Pra mim ainda é recente, porque justamente as pessoas, os fãs deram conta de manter isso tudo muito presente, de manter o RBD muito presente por meio das redes sociais. Pra mim é ainda muito recente, então é meio estranho.

HG – Você ainda lembra as letras das músicas do RBD em português? Consegue lembrar um pedacinho?
Dulce - Se ainda sei? Mais ou menos…. é, não sei não…. não lembro…. (risos)

HG – Você ainda tem contato com os outros RBD? Se ligam, são amigos, ou eram só companheiros de trabalho?
Sim. Cada um está bem focado na sua vida, na sua carreira, e estão todos se realizando nas suas áreas. Mas a gente se gosta muito e sempre estamos presentes nas datas importantes, com muito carinho.

HG – Eu sei que você tem recusado muitos papéis em novelas no México ultimamente. Isso que dizer que não vamos mais te ver em nenhuma novela?
Dulce - Não sei se nunca mais. Acontece que o que tá rolando agora é que tô muito focada na música, e fazer uma novela te consome, digamos assim. Você tem que dar tudo numa novela, por uns 8 meses, pelo menos! E se eu dou esse tempo, teria que abrir mão de toda minha energia e atenção pro disco. E agora não quero fazer isso. Se eu receber um personagem fantástico, que eu adore e que seja bom pra mim, é claro que poderia fazer, mas até agora isso não aconteceu.

HG – Eu ví numa revista que você ia fazer uma das protagonistas juvenis da última novela da Televisa “Amores Verdaderos” que foi um sucesso Enorme no México. Por que você desistiu do papel?
Dulce - Sim, me ligaram, mas foi muito complicado porque naquela época eu ia fazer um reality. Tinha contrato com a MTV, e era muito difícil, porque a produção da novela precisava saber que podia contar 100% comigo, e eu dizia pra eles que queira, mas ao mesmo tempo tinha contrato lá e não sabia se poderia fazer. As coisas se complicaram, e no fim das contas não fiz a novela.

HG – E por fim não aconteceu o reality? Por que?
Dulce - Não, não rolou por problemas entre canais, eu acho. Mas no fim eles cumpriram o contrato comigo, e, no fim, não rolou. Mas acho que tudo acontece como tem que ser. É sempre pra melhor e tá tudo bem!

HG – Dulce você está solteira? Como você leva faz para conseguir manter a relação e a vida com tantos compromissos ao mesmo tempo? Seu namorado anda com você o tempo todo? Como faz?
Dulce - Não! Tenho namorado! Pois então, é que agora minha agenda não tá tão pesada, porque estive apenas compondo, gravando… Mas de qualquer forma, acho que numa relação você tem que se entender e se adaptar à vida da outra pessoa. Tento sempre levar a vida o mais normal possível e ele também tenta me apoiar.

Dulce y seu boy magya. Prefiro o Poncho! Rs...

Dulce y seu boy magya. Prefiro o Poncho! Rs…

HG – Há algumas semanas o Christian Acha passou por um episódio complicado com o ex namorado. Você falou com ele?
Dulce - Escrevi pra ele, mas não fiquei sabendo muito. Acho que temos que respeitá-lo e dar espaço. Na verdade, a única coisa que sei é o que sai na mídia. Como não falei com ele, não posso dar minha opinião.

Christian Chavez e seu boy aproveitador tiveram um #CasosDeFamiliaGay

Christian Chavez e seu boy aproveitador tiveram um #CasosDeFamiliaGay

HG – Você continua viciada em Candy Crush? O que o povo pode fazer para diminuir o vício?
Dulce - Sim, kkkkk eu odeio! Tô presa numa fase. Estou na 161! Eu acho que tem muita coisa melhor pra se fazer. De noite eu gosto de ler, de escrever, gostava de fazer muitas coisas e de repente me dou conta e digo: quantas horas da minha vida desperdicei jogando Candy Crush? Eu acho sim que tem que haver um limite, porque é uma coisa que distrai, e assim ficamos jogando, mas temos que priorizar coisas mais importantes, alguma coisa que nos faça bem, como ler, estudar, escrever, ou outra coisa qualquer que você goste, e não ficar aí, jogando.

Viciadinha, mas manda você não se viciar. #FaçaOqueEuDigo

Viciadinha, mas manda você não se viciar. #FaçaOqueEuDigo

HG – A Paulina Rubio é a nova jurada do X-Factor Americano. Você já pensou em ser jurada de um programa desse tipo? The Voice, X-Factor…
Dulce - Adoraria, mas ainda não recebi convite.

HG – Onde você se imagina daqui há 10 anos?
Dulce - Nossa! Com uma filha, talvez (rs). Não sei se é muito cedo, mas não sei… talvez assim na música…

HG – Manda um recadinho pros seus fãs brasileiros!
Dulce - Queria dizer que os amo, que sinto muita saudade, que sempre lembro deles, que neste disco vai vir uma coisa especial pra eles e que tomara que eu possa ir em breve prai!E quero agradecer mais uma vez pelo apoio e pelo amor.

*Obrigado fã clube Dulcetes BR

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

20.mai

De Frente Com Gloss – Ian SBF – O diretor do Porta dos Fundos

geek

Assistir aos vídeos do “Porta dos Fundos” virou obrigação pra quem quer ter assunto na semana. Vira e mexe tem alguém que fala “Você viu aquele vídeo do Porta dos Fundos?”. Quando alguém responde “Não…” é o mesmo que dizer que bateu na mãe. Um crime. Um pecado. COMO VOCÊ NÃO VIU? Pois é…. A produtora de conteúdo de humor para internet (Um jeito chique de chamar os malucos que se juntaram pra fazer vídeos engraçados) já é dona de um dos canais mais vistos do Youtube, e isso em questão de meses! E é claro, que quando algo faz muito sucesso recebe também muitas críticas, vira alvo de milhões de boatos, etc. Todo mundo quer saber: afinal, esses moços vão pra TV ou não? Vai ter mesmo o filme? O Rafael delícia Infante é do babado ou não é?  Enfim… Para responder todas essas dúvidas, e mais algumas que foram surgindo no meio do caminho, eu chamei um dos 5 sócios da produtora. O nome dele é Ian SBF (Putz, esqueci de perguntar o que significa o SBF), o diretor da maioria dos vídeos e uma das mentes brilhantes e pervertidas por trás dos vídeos. Ian ainda mostrou que faz parte do time dos magyas da produtora… Se a Porta dos Fundos está essa maravilha toda, imagina a da frente!!!

iansozinho

Ian é o boy rústico que dirige os vídeos!

HG – Ian, todo mundo da (ou do?) Porta dos Fundos é meio conhecido, você é o único rosto “anônimo” por trás do grupo de criadores. Me conta, como você entrou nesse barco? Como conheceu todo mundo?
Ian - Eu acho que é (do) mas isso ainda gera polêmica aqui dentro hahahaha. Eu desde sempre quis ser diretor e não tenho nenhuma vontade em aparecer. Acabou que nos vídeos de making of eu apareço. Nos primeiros eu tentei não aparecer, mas depois eu vi que ia ser impraticável. Agora não tem mais muito o que fazer…
Eu entrei nesse barco com todo mundo. Na verdade já éramos um grande grupo de amigos que trabalhava bastante junto. Chegou uma hora que todos nós sentimos a necessidade de fazer algo próprio e autoral, sem as amarras da Tv (Todos viemos da TV). O Fábio eu conheço há mais de 10 anos… o Gregorio eu conheci pelo Fábio há mais de 3 anos e fizemos várias coisas juntos… o Kibe eu conheci depois que fiz o Anões em Chamas… e o João me pegou na noite e fomos fotografados pelo Ego. “Normal”.

porta-dos-fundos-nos-cinemas

João Vicente Sato, Fábio magya loira Porchat, Ian fazendo o tímido, Gregório fazendo a linha executivo e Kibe Rock n’ Roll. (Foto by Jorge Bispo)

HG – Dos cinco criadores, você é o único que não aparece nos vídeos. Ou aparece e eu não reparei. Por que? Você é tão bonitinho!
Ian - Sou mesmo. Na verdade eu dei uma engordada, mas emagrecendo eu devo ser um dos mais bonitos dos sócios. Eu só apareci no vídeo do “Cocaína” (Sou o marido da Julia) mas eu não gosto de aparecer. Maaaaas… já estou escalado pra um vídeo ridículo que devemos gravar em uma ou duas semanas. Não tem muito jeito… Quem trabalha no Porta acaba participando. Todos da equipe, no final, viram “elenco” do Porta. (Mas não é isso que está assinado na carteira deles e ninguém vai ganhar mais por isso…)

HG – Virou clichê dizer que “Porta dos Fundos é o humor que está faltando no Brasil”, mas o “Junto & Misturado”, do Bruno Mazzeo e do Porchat, tinha uma pegada parecida e foi ruim de ibope. Você acha que era o veículo errado (TV) ou foi o programa certo na hora errada?
Ian - Na verdade o “Junto” não foi ruim de ibope. Como foi cancelado, ficou essa impressão no ar. Eu vejo vários fatores determinantes pra isso: A Globo não fez uma boa divulgação do programa (pra não dizer que não fez hahahah), o horário era péssimo e o programa foi lançado junto com a estréia da Fazenda. Que eu me lembre, o programa tinha uma média de 14 pontos… O que é muito bom pro horário. Acho que uma parte da Globo não quis acreditar no projeto e complicações internas causaram o cancelamento nas gravações da segunda temporada. Mas é assim mesmo. TV é assim.

junto-e-misturado_f_002

Junto & Misturado passava sexta-feira à noite, em 2010.

HG – Eu lembro que quando começou, o “Porta dos Fundos” tinha um programa semanal de 15 minutos. Por que vocês decidiram acabar com isso?
Ian - Acabamos com o programa pois temos outros projetos que nos interessam mais dentro do Porta. O programa serviu pra entendermos o formato que gostaríamos de seguir, e no momento nos interessamos mais pelo formato de esquetes soltos. Mas já estamos nos preparando pra novos formatos e logo logo vamos anunciar isso. Na verdade esse é um dos nossos projetos principais hoje…

HG – Vocês 5 aparecem como os criadores, mas o canal meio que tem um elenco fixo. Como rolou o casting? Teve teste do sofá?
Ian - Da mesma maneira que os sócios já eram um grupo de amigos…os atores também. Todos já nos conhecíamos há muito tempo e adorávamos o trabalho um do outro. Não vou mentir e dizer que não houve teste do sofá… Houve sim e isso já nos trouxe alguns problemas com a polícia e com a Justiça. Mas felizmente isso já está no passado e hoje ele está bem e tranquilo.

HG – Me disseram que a loira do “Mario Alberto” é sua esposa, é verdade?
Ian - Na verdade a minha esposa é a Letícia Lima. (A gostosa do “Na lata”). A Loira é a Julia Rabello que é casada com o Marcos Veras. O Marcos Veras é um ator genial, que infelizmente não pode ser um integrante fixo do elenco pois teve uns problemas com a gente envolvendo a polícia e a Justiça. Mas felizmente isso já está no passado e hoje ele está bem e tranquilo.

Captura de Tela 2013-05-16 às 17.03.15

Eu achava que ela tinha tipo 18 anos!!!

HG – Falando em “Mario Alberto”, o “Sobremesa” é meu vídeo favorito! Mas, eu estava reparando que muitos dos vídeos falam de pau, chapeleta, saco, ovo…. Freud explica essa obsessão de vocês com pinto. Por que isso, gente? É a lei da compensação?
Ian - Quem não gosta de falar de pau? Quem tem, adora falar pros outros o que vai fazer com ele… Quem não tem, adora saber o que os outros vão fazer com ele, pois provavelmente a pessoa é um possível alvo… e quem tem e ainda assim quer saber o que os outros vão fazer com os seus paus… gosta muito!!! É igual abrir uma fábrica de papel higiênico. Não tem erro… uma hora ou outra você vai precisar usar.

HG – O Rafael Infante é o magya do elenco. Fica chato perguntar pra você, mas preciso saber. Ele é gay? Está solteiro? Fala mais sobre esse boy!!!
Ian – Ele definitivamente não é gay. É o que ele me diz. Mas eu vivo com um grupo que tem Fábio Porchat, Rafael Infante, João Vicente… e nenhum deles é gay. Meu parâmetros de “ser gay” já se perderam há muito tempo. Se nós estivéssemos nos anos 50 o único lugar onde esse grupo poderia se reunir sem ser enforcado era numa sauna a vapor. Mas voltando a pergunta… O Rafa como todo bom “não gay” tem uma linda senhora (Tatiana Novais) que não o deixa mentir. Pois é… uma pena. Ele seria um maravilhoso gay.

181011_264281270373882_1000036998_n

Infante, seu lindo! Fique mais sem roupa nos vídeos! Campanha #InfantePelado já!

HG – O João Vicente é O pegador na vida real, quem foi que convenceu ele a dar um beijo na boca do boy no vídeo “Happy Hour”? Ou foi ele que se ofereceu?
Ian - “Convenceu” é uma palavra forte. Eu pensei alto sobre o assunto e ele se “convenceu” rapidamente e convictamente. Na verdade o mais difícil de convencer foi o Magalzão, que apesar de fazer vídeos onde a dignidade e o respeito próprio dão lugar a esquetes que apenas o “Magalzão Show” pode nos proporcionar… em algum lugar dentro dele ainda havia essa barreira de beijar um homem para alguns milhões de espectadores.

Captura de Tela 2013-05-17 às 21.19.57

João me traiu.

HG – Aliás, falando em João, eu sei que ele sempre gostou de aparecer, mas nunca soube desse talento dele pra atuação, como foi que ele virou tão bom ator assim? Você acha que foi de tanto pegar atriz que ele acabou aprendendo por osmose?
Ian - O talento dele pra atuação surgiu quando ele me conheceu. E vai acabar no dia que ele parar de trabalhar comigo hahahahaha. Na verdade o João é um ótimo ator. O que aconteceu é que existem poucos lugares como o Porta hoje. É o lugar ideal pros atores testarem, tentarem, improvisarem…
Então eu acho que o João se sentiu muito a vontade pra seguir esse talento que ele sempre teve e nos mostrou que é um puta ator, e não só de comédia. Eu adoro os tempos do João e o humor de constrangimento dele.
Agora, quanto as coisas que ele pegou das atrizes… Eu acho que ele pegou muita coisa…

HG – O Kibe também tá tipo veterano da atuação. Ele era um talento escondido no blog ou rolam umas vodkas pra todo mundo ficar tão natural no vídeo?
Ian - De novo é aquela história… Quando o grupo todo é tão coeso e livre ao mesmo tempo, isso estimula os atores. No final todos crescem muito. Eles se ajudam muito e criam muito juntos. O Kibe é outro que se descobriu ator e agora já está pegando vários outros trabalhos fora do Porta. Até o Totoro virou ator (mesmo). Já fez “Louco por elas” e acabou de filmar uma aparição no seu primeiro longa…
Como eu disse antes, o Porta é um lugar muito legal pra se experimentar e se descobrir.

fotoporta

No “Porta” todo mundo vira ator! E melhor do que muitos que estão no ar…

HG – Uma curiosidade que eu tenho é como é o processo de arrumar as locações pra gravar. Aquele vídeo do telejornal foi feito aonde? Já tá fácil de conseguir gravar em qualquer lugar?
Ian – Aquele vídeo foi gravado em duas partes. Uma das locações foi o Jornal LANCE. Eles cederam pra nós o espaço e seremos eternamente gratos. A segunda locação foi um estúdio. Gravamos toda a parte da Julia em fundo verde e depois inserimos o cenário.
Ser do Porta hoje é uma faca de dois gumes… As vezes a repercussão que um vídeo gera pode ser bem atraente tanto quanto pode ser intimidadora/perigosa pra uma marca. Mas com certeza hoje temos muito mais portas abertas que fechadas.

foto (1)

Em breve pode rolar um vídeo na minha casa, ou na sua…. #ElesEstãoPorTodaParte

HG – Eu sei que ele é casado, mas uma grande dúvida da humanidade é se o Porchat é gay ou não. Você que é amigo, sócio, pode dar um parecer mais intimista… Eu acho ele magya desde os tempos de plus size.
Ian - Fábio é hétero. Muito hétero. Tão hétero que adora outros héteros por eles serem héteros também. Muitos beijos e carinhos.
Nós temos duas coisas muito hipervalorizadas no Porta pelas pessoas que estão de fora… o quanto ganhamos e o número de gays no nosso grupo.

HG – Clarice e Gregório são o Cauã e a Alinne Moraes do mundo indie. Às vezes eu acho que eles vão se juntar e matar todo mundo, eles tem meio cara de psicopata, mas são fofos ao mesmo tempo. Você sabia que eles tem um mega fã clube na internet, com gente que acha o Gregório Lindo, tesão, bonito e gostosão?
Ian - Como sei! É impressionante. Se tivéssemos alguns tabloides aqui no Brasil já teríamos um efeito “Bennifer” aqui com eles. “Clarorio”… “Gregrice”… Nós já brincamos com esse fenômeno que os dois juntos são algumas vezes. No vídeo “super gêmeos” eles são… gêmeos. No vídeos 2 do Spoleto, a Clarice vira o Gregorio no meio do vídeo.

Captura de Tela 2013-05-17 às 20.26.16

Eles tem uma cara de doidinhos, vai… Mas são fofos. Quem lembra da Clarice em “A Favorita”? Ela era filha da Lilia Cabral e do Jackson Antunes!

HG – O Porta vai fazer algum clipe da Clarice?
Ian - O Porta já fez um (Oitavo andar) e eu já dirigi outro que está no canal dela (Monomania). Eu espero que a gente possa fazer outros… Ela é muito gênia.

Captura de Tela 2013-05-17 às 20.28.21

#ClariceCongelada #MasOMamiloNaoFicouDuro

HG – Fernanda Paes Leme, Alexandre Nero, Fernanda Rodriges e Maitê Proença já fizeram participações. Existem mais famosos “bookados”pros próximos vídeos?
Ian - Esqueceu do Victor Leal! O mais que incrível “CHICOTE”! Eu li que a Suzana Vieira disse no jornal que quer fazer e temos outros amigos e conhecidos que estamos conversando e bolando coisas pra eles. Mas no fim, só queremos fazer vídeos que nós gostamos pra caralho e sentimos orgulho… então sempre depende mais da ideia do que “quem vamos botar”.

foto (2)

Globais se renderam ao Porta!

HG – Ninguém fala claramente, mas é óbvio que existe uma briga entre o “Porta dos Fundos” e o “Parafernalha’. É uma disputa de canais ou entre os integrantes de cada grupo?
Ian - Eu acho que as pessoas acham isso porque o Parafernalha já fez algumas menções ao Porta nos seus vídeos, como escrever #chupaportadosfundos e colocar o meu nome e o do Kibe em dois personagens gays que se comem numa festa… Mas no final é tudo brincadeira deles. Eles são muito novos, e obviamente acabam querendo “cutucar” o Porta de sacanagem. É tipo os meninos no play jogando papel higiênico molhado nos carros do prédio. Eu na verdade tenho uma ótima relação com vários que trabalham lá. Falo muito com o @ygorfremo que trabalha lá e acabamos de contratar o Bruno que já trabalhou com eles… então, é claro que não tem briga.

Captura de Tela 2013-05-17 às 20.57.38

Parafernalha, do Felipe Neto, é também um dos maiores canais do Youtube. #AmigosOuRivais

HG – Tudo quando começa a ganhar dinheiro gera aqueles comentários do tipo “perdeu a graça”, “Se vendeu”, “vai ficar uma merda”. O Porta está faturando com comerciais da Fiat e da LG. Vocês pediram pra participar do processo criativo? Como está a repercussão?
Ian - Nós somos o processo criativo. O Porta se diferencia das outras produtoras pois não é uma produtora. Nós nos comprometemos a produzir nosso próprio conteúdo. É claro que temos ótimas conversas e direcionamentos das agências quando fazemos um trabalho pra fora… mas no fim, aquele vídeo é um vídeo com roteiro do Fábio, Gregorio, Kibe, Esteves, João e dirigido por mim. É muito mais uma parceria que um trabalho encomendado. Por exemplo… a Itaipava é a nossa primeira patrocinadora e vai ficar com a gente por um bom tempo. Ela acredita no nosso trabalho a longo prazo. Outras empresas já tem nos procurado pra ter o mesmo tipo de envolvimento e estamos muito empolgados com essas novas parcerias.
A repercussão é a melhor possível. E é isso que está fazendo outras empresas e se interessarem em associar sua marca com o Porta. É uma nova visão e compreensão do mercado.

HG – E o tão comentado programa de TV? Sai ou não sai? Já li mil notinhas falando que estão estudando projetos, pedindo liberdade criativa a etc… Mas o que rola na internet é praticamente impossível de fazer na TV. Esse programa virou lenda?
Ian - Hoje não temos nada. Não dá pra dizer se nunca faremos ou se um dia faremos. Particularmente eu concordo com você e acho muito difícil. Mas o que temos certo é que adoramos onde estamos, como estamos e só queremos crescer dentro do Youtube.

HG – E o filme? Vai ter mesmo? Com esquetes ou historinha?
Ian - Ah vai. Mas se vão ser historinhas? Nós pensamos em um formato muito legal que junta os dois mundos… o que já estamos fazendo, com o que queremos fazer no futuro. Então, vai ser algo diferente sem perder a essência do Porta.

HG – Você, além do Porta pretende fazer alguma outra coisa? Tipo carreira solo? Dirigir novela, peça…
Ian - Eu já dirigi algumas coisas no MultiShow e na Globo. Inclusive, dirigi o programa do Greg “O Fantástico mundo de Gregorio” no MultiShow que foi incrível. Teatro eu realmente não sei fazer… e cinema é algo que estou focando pro futuro. Além do filme do Porta, já tenho um longa pra dirigir no ano que vem (roteiro meu e do Fábio e protagonizado pelo mesmo Fábio)

Captura de Tela 2013-05-17 às 20.54.58

Ian dirigindo. Os videos de making of são tão hilários quanto os oficiais!

HG – O elenco do Porta está fechado ou aindam rolam castings? Como as pessoas fazem para ficar sabendo? Ou é uma coisa fechada, tipo #SóOsBroders?
Ian - Adoramos os nossos Brothers e adoramos o fato de termos um elenco fechado. Mas esse elenco só se formou pois fomos conhecendo pessoas pela nossa vida e seria uma burrice nos fecharmos hoje pra talentos que aparecem. É um pouco contraditório… mas queremos manter o nosso elenco e ainda assim descobrir pessoas fodas novas (pro público, claro). O Márcio Machado por exemplo é simplesmente um gênio e um dos melhores atores do Brasil hoje. Só o usamos em um vídeo ainda (HOMENS), mas já o escalei pra vários outros…

Captura de Tela 2013-05-18 às 18.50.14

A Reunião de pauta é tipo roda de amigos

HG – Quando vocês vão me chamar pra fazer uma aparição subliminar num vídeo?
Ian - O seu convite foi tão subliminar quanto a sua aparição no vídeo será. Eu achei que você tivesse entendido… Mas já que você não pescou, vou te mandar o convite formalmente por e-mail.

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

6.mai

De Frente com Gloss – Sonia Abrão

tv

O “De Frente Com Gloss” da semana é especial!! Quando eu penso que consegui uma entrevista com ela, eu fico emocionado, confesso. A minha entrevistada é um grande nome da TV brasileira e tem muita gente que não gosta, muita gente que critica, mas querendo ou não, ela está aí no rádio e na TV desde que eu me entendo por gente! Sônia Abrão é a rainha das tardes, seja da Rede TV, do SBT, de qualquer lugar…. Eu tenho duas certezas na vida, de que eu vou morrer e que Sonia Abrão vai estar na TV com um programa vespertino. Desde o “Falando Francamente”, depois ” A Casa é Sua”, e agora no “A Tarde é Sua”, Soninha firmou seu espaço na programação brasileira e não tem polêmica que a tire de lá. Na entrevista eu aproveitei pra perguntar tudo aquilo que sempre tive vontade… Será que ela tem uma TecPix? Será que ela sabe o segredo da voz tremida da Aracy? E o iogurte da TopTherm, presta mesmo? Ai, gente.. Tantas dúvidas, que só ela pode nos responder. Desde já preciso agradecer à Sônia por revelar pra mim esses mistérios da humanidade… A bem da verdade, ela não gostou muito de algumas perguntas, principalmente as relacionadas ao programa dela gostar de falar das mortes, mas como eu já disse aqui antes, perguntar não ofende, e o povo quer saber… Tirando isso, Sônia foi fofa, simpática e revelou, entre outras coisas, que até filme com roteiro vem dela vem por aí…É, minha gente, Falando Francamente, Sônia Abrão é babado! E super firme nas respostas! Ainda bem que a entrevista foi por email, senão acho que eu não teria feito metade das perguntas! Rs… Quer saber mais?  Vem comigo que eu te conto!!

sonia 3 -  - André Giorgi

Sônia no cenário do “A Tarde é sua”!

HG – Sônia, você está na televisão e no rádio desde que eu me entendo por gente e sempre com um programa parecido. Por que você nunca mudou seu estilo na TV?
Sonia - Que é isso, novinho? Meu trabalho em rádio sempre foi muito diferente da TV! E na TV, o “A Casa é Sua” era diferente de tudo o que se via no horário da tarde, o “Falando Francamente” era diferente do “A Casa é Sua”,  depois veio o “Sônia e Você” que não tinha nada a ver com o FF, seguido do “A Tarde é Sua”, totalmente distinto do “Sônia e Você”. E o público sabe disso!

HG – Você tem fama de sempre falar de morte e tragédia. Você se acha meio urubu da mídia? Ou é injusto esse título? Por que você acha que falam isso de você?
Sonia - Eu não tenho essa fama! Isso foi um lance de mídia que não colou! Os estudos do Ibope e das agências de publicidade estão aí para provar! Somos um sucesso comercial também, o que não aconteceria se essa “fama” fosse verdadeira! Segundo as pesquisas, o grande público me vê como uma aliada, amiga e companheira, nos bons e maus momentos!

HG – Seu programa gosta de repercutir umas tragédias, vamos combinar. Isso é por audiência ou por que você acha que isso realmente deve ser falado? É seu gosto pessoal?
Sonia - Não vamos combinar nada! Nosso programa retrata apenas a realidade, o que está nas manchetes dos jornais! Tudo o que mostramos à tarde, o JORNAL NACIONAL noticia à noite! Então, por que você não vai combinar isso com eles também? rsssssss

sonia

Uma pose de mulher de negócios

HG – Quando você estava no SBT você tinha um programa aos sábados de auditório que era mais animado, tinha até musical. Você não gostava de fazer? Por que acabou?
Sonia - Foi o programa que mais gostei de fazer, era ao vivo, com SEIS horas de duração, das 13 às 19 h, uma grande revista eletrônica com auditório! Nenhuma apresentadora fez um programa com tamanha duração na TV. E só acabou porque a Record levou a gente!

HG – Você ainda é muito criticada pelos especialistas de TV, mas ao mesmo tempo você é também uma crítica da TV. Não é meio esquisito esse trabalho de estar na televisão criticando televisão? Não te põe em saias justas?
Sonia - Tá brincando, né? Que “especialistas” são esses? Me conta, porque não conheço nenhum atualmente que tenha, pelo menos, a mesma experiência em TV que eu, meu diretor e minha equipe! Então, não vale! Quanto ao fato de ter o mundo artístico também como assunto no “A Tarde é Sua”, não vejo problema nenhum! Sou craque em saia-justa!

Captura de Tela 2013-05-05 às 22.26.12

O Falando Francamente era meu programa favorito! E ainda tinha uns magyas!

HG – Eu amo os anúncios do seu programa. Você tem uma TecPix? Conhece alguém que já comprou? Porque eu nunca conheci e dizem que é a mais vendida!
Sonia - O sucesso do produto não é comprovado na base do “ouvi dizer”, “dizem”, etc… Pode ser conferido pelos números de uma empresa e pelo tempo de duração no mercado, esses são indicadores reais, concretos! Todo mundo também tem mania de falar que nunca viu um aparelhinho do Ibope instalado em suas casas, nem por isso o instituto deixa de ter a maior credibilidade! Em tempo: sim, eu tenho a Tecpix, é claro!

HG – E por que o Juarez da TecPix fala gritando? Não te irrita?
Sonia - Ah, ele, na verdade, é cheio de entusiasmo! Contagia os telespectadores! Eu amoooooo o Juarez e o público também!

image

Aracy, o tio do Cogumelo do Sol e Juarez…. É mais fácil achar Eliza Samudio que eles saírem da TV!

HG – E a Iogurteira Top Therm? Você tem em casa? O Iogurte presta?
Sonia - Tenho sim, minha mãe também! E o iogurte é uma delícia porque é natural, feito em casa mesmo, é muito mais saboroso! Experimenta!

HG – Você sabe qual o problema que a Aracy da Top Therm tem na voz?
Sonia - O que a Aracy tem é carisma de sobra! É uma vendedora nata, virou um ícone dos merchans. E é também uma grande empresária, que fez da sua marca sinônimo de qualidade!

HG – E o Cogumelo do sol funciona mesmo? Você usou?
Sonia - Usei uma vez, numa fase de muito estresse, que baixou minha imunidade! Me deu uma revitalizada! Quando minha mãe teve pneumonia, foi o que ajudou a tirá-lá da cama; tenho um tio e uma tia no interior – em Aguaí, SP – que usam direto por andarem com a saúde fragilizada e se dão muito bem! Só recomendo produtos que confio em dar pra minha família!

HG – A sua foto de maiô repercutiu muito! Você se arrependeu? Eu achei que você está com o corpo em dia! Você já fez lipo?
Sonia - Não tenho do que me arrepender! Era só uma foto com um “collant” careta no Instagram! E eu fazendo uma brincadeira com o lance das pessoas terem mania de se fotografar no espelho! Mas ninguém prestou atenção na legenda!!! Nunca fiz lipo, só cesariana! Aliás, nunca fiz nada de plástica, mas porque sou medrosa mesmo! Pra mim, médico, hospital, cirurgia, etc…só em caso de doença! Enquanto não despencar tudo, vou levando!

sonia_abrao_maio

Sônia sensualizando. Amo a pose com uma perna na frente da outra.

HG – Por que você acha que todo mundo ficou tão passado com a sua foto de maiô? Era pra uma revista? E por que a tal revista não saiu?
Sonia - Até hoje, um ano depois, não cheguei a uma conclusão! Acho que pode ser porque nunca fui de me expor mesmo! Por uma questão de praticidade, atualmente, uso mais calças compridas no vídeo, apesar de amar saias e vestidos! Talvez, preconceito por achar que mulher madura não possa ter um corpo em forma, tirar uma foto sem retoque, como foi o caso! Sei lá! Na verdade, quando tirei a foto foi pra ver se teria coragem de posar de maiô como queria a revista “Dieta Já!” Não tive e saí na capa da revista de calça jeans e blusa de alcinhas! E a capa ficou bem legal assim! Tenho foto dessa capa também no meu Instagram.

Captura de Tela 2013-05-06 às 00.34.17

Mãozinha de Luciana de “Viver a Vida”na capa, que ficou babado. #magra

HG- Muita gente te odeia no meio artístico? Quem?
Sonia - Acredito que tenha gente que não vá com a minha cara, como acontece com todo mundo! Mas odiar é muito forte, né? Isso acho que não! E tenho certeza que não odeio ninguém, só quero distância de uma meia dúzia de pessoas!

HG – Lembra daquele bafão envolvendo a Glória Pires, o Orlando Morais e a Cléo Pires, em 1999, que você comentou ao vivo no Domingo Legal (O boato de um caso entre Orlando Moraes, marido de Glória Pires, e a filha Cléo Pires, em 1999, espalhou-se pelo Brasil. Sônia Abrão - então na Rádio Capital- teria colocado no ar uma entrevista com um suposto enfermeiro do hospital Albert Einstein que afirmava que Glória foi internada após tentar suicídio) Você se arrepende de ter falado sobre esse assunto?
Sonia - Naquela época, o assunto era uma suposta internação secreta de Glória Pires num grande hospital em São Paulo! Um suposto enfermeiro deu uma entrevista ao departamento de jornalismo da rádio em que eu trabalhava e isso foi colocado no ar dentro do noticiário que rolava de hora em hora , a cada intervalo do meu programa, que tinha 5 horas de duração. A produção do Domingo Legal pediu a gravação, que a emissora liberou, e me convidou, junto a outros colunistas de TV da época, a comentar o assunto! E foi só! O que veio depois foi uma distorção total dos fatos, que o tempo tratou de esclarecer! Os verdadeiros responsáveis foram processados e punidos!

HG – Você era prima do Chorão. Como você recebeu a notícia da morte dele?
Sonia - O Alê (Chorão) vai ser meu primo pra sempre! Eu escolhi o nome dele quando nasceu, ele morou com a gente, trabalhou com a gente, fui madrinha do seu primeiro casamento, tivemos a mesma criação, amamos as mesmas pessoas numa mesma família! A morte não é limite para os laços de sangue e de afeto! O momento em que recebi a notícia foi um trauma, nunca vai ter conserto!

59c08141f63b84a5233ce1e8c12233f8daf1a1f3

Salve Chorão!

HG – Te irritou as pessoas falarem que ele morreu de overdose antes do laudo do IML?
Sonia - Eu não prestei atenção nisso. Eu estava diante da morte de alguém que eu amo, diante da minha família em estado de choque! Apenas seis meses antes daquele momento, era ele quem chorava sobre o caixão do meu pai e abraçava a gente! Como acreditar, que aquela era nossa hora de chorar por ele? Tudo muito absurdo, ainda não faz sentido! E dói do mesmo jeito!

HG – Se ele não fosse da sua família não é algo que você teria feito no seu programa?
Sonia -  O “A Tarde é Sua” fez uma cobertura completa, nossa equipe trabalhou o tempo todo, eu dei entrevistas também a todas as emissoras de TV, desde o primeiro momento. Meu primo é o Alexandre Magno Abrão, mas o Chorão é um ídolo e os fãs do País inteiro estavam diante da TV acompanhando os fatos! E não falhamos com eles, não faltou nenhuma informação, nenhum detalhe, nenhuma imagem! Cortamos na própria carne, eu, meu irmão Elias – que é o diretor do programa – e minha irmã Margareth, nossa diretora administrativa. A solidariedade do público foi total!

HG – Você está escrevendo uma biografia do Rafael Ilha? É autorizada? Ele está participando?
Sonia - Sim, estou escrevendo a biografia do Rafael Ilha, que deve ser publicada no segundo semestre, totalmente autorizada! Temos horas e horas de conversas, também com a família dele! Agora, o Rafa e a mãe, Silvia, vão começar a selecionar o material fotográfico. Se todo mundo se emocionou com o livro do Casagrande, a história do Rafael, então, deixará o público com o coração na mão!

HG – Como ele está hoje em dia? Está bem?
Sonia - Graças a Deus, Rafael vai muito bem, é muito querido pelo público e no meio artístico! E foi uma grande revelação como repórter do “A Tarde é Sua”. Está de bem com a vida! E merece isso, depois de ter descido ao inferno das drogas e conseguido voltar tantas vezes!

HG – Há algum episódio inédito na biografia que você possa adiantar?
Sonia - Claro que existe, mas não dá pra adiantar muito não! Só posso dizer que existe um capítulo que conta sobre a época que ele subiu o morro no Rio e foi viver com os traficantes, que é de arrepiar! Mas só tô contando pra você, ok? Isso também está no roteiro do filme sobre a vida dele, que escrevi em parceria com a Margareth e que deve ser dirigido pelo Elias. Aguardem!

HG – Você já fez outros livros? Da onde saiu essa Sônia autora?
Sonia - Tenho três livros publicados: “Santas Receitas”, fruto de uma viagem que fiz a mosteiros em Portugal, e os dois de comportamento, “Abaixo a Mulher Capacho” e “Homens que Somem”! Essa Sônia autora tem tudo a ver com a jornalista. Minha origem é a palavra escrita, o jornal, a redação! Foi de lá que eu vim, é a minha raiz profissional. Como o rádio e a TV me tiraram isso, compenso com os livros e roteiros, porque escrever me faz muita falta!

sonialivro

Sônia, manda seus livros pra gente sortear…

HG – Já pensou em escrever dramaturgia? Como seria uma novela by Sonia Abrão? Ia ter muita morte? Rs…
Sonia - Ah, vc já viu novela sem morte? Se a Lívia Marini não morrer no final de “Salve Jorge”, vai ser uma frustração geral, mesmo porque, de seringa na mão, ela já matou duas, a Jéssica e a Raquel! Mas nunca pensei em escrever novela, não! Não tenho esse dom!

HG – Você foi muito criticada quando falou ao vivo com o sequestrador que fez a menina Eloá de refém. Você se sente responsável pelo desenrolar dos fatos? Faria novamente?
Sonia - Não me sinto e não sou responsável por nada do que aconteceu! Faria sim tudo de novo, foi uma entrevista, nunca uma negociação com um sequestrador, essa era a parte da polícia! Durante 20 minutos ou pouco mais, ele passou informações que foram aproveitadas por todos os jornais, porque antes disso nenhum repórter de nenhuma emissora, jornal ou revista, tinha acesso a nada! Fui a única e última pessoa que ele permitiu conversar com Eloá por telefone, no ar. Foi só assim que a mãe pode ouvir a voz da filha, ouvir suas declarações de amor à família, suas palavras de fé de que tudo terminaria bem. Era uma despedida e a gente nem podia imaginar! Três dias depois, ela seria assassinada por ele! No julgamento, o sequestrador afirmou – e isso está nos autos – que durante a entrevista que deu ao nosso programa, foi a única vez que ele pensou, seriamente, em se entregar. Essa mesma entrevista foi exibida para os jurados e teve papel fundamental para a pena exemplar de 98 anos a que acabou condenado, coisa raríssima no Brasil. As críticas partiram daqueles que levaram um tremendo furo de reportagem! Nada mais! E eu cumpri o meu papel!

soniaeloa

A polêmica entrevista está no Youtube!

HG – O seu programa fala um pouco de tudo, mas você é uma especialista em entretenimento. Você não fica com medo quando tem que falar desses temas “cabeludos”? Por que se arriscar assim?
Sonia - Olha, eu sempre me preparei para falar sobre qualquer assunto, não gosto de ficar numa área só! O entretenimento caiu por acaso na minha cabeça e, como me dei muito bem nele, acabou marcando meu trabalho, mas nunca permiti que me limitasse. Também cursei História e Letras, ambos na USP, comecei Sociologia e Política, mas larguei tudo pelo caminho, pois tinha que trabalhar. A única faculdade que concluí foi mesmo a de Jornalismo, minha paixão maior, na Cásper Líbero! De qualquer forma, os outros cursos, mesmo inacabados, me deram um grande embasamento. Não tenho medo de nenhum tema!

HG – Você é rica? Esses anos todos na TV já renderam uns milhões? Ainda mais com tantos merchans…
Sonia - Nunca tive vocação pra ser rica! Não sei lidar com dinheiro! Dependo do meu trabalho pra viver! E essa história de que quem trabalha na TV ganha uma fortuna é a realidade de muito poucos! Não me incluo nesse time!

HG – É verdade que você exige por contrato que a sua produtora faça seu programa e seu irmão dirija? Isso é muita Ryquezza!
Sonia - Como inventam coisas absurdas, né? A produtora não é minha e quem fecha contrato com as emissoras é o meu irmão, não eu! Na verdade, eu sou funcionária do Elias, que sempre abriu as portas sozinho! E ninguém da família sofre desses ataques de estrelismo!

Captura de Tela 2013-05-06 às 00.06.52

Elias Abrão, o irmão da Sônia, é magya empreendedora, hein?

HG – A gente sabe pouco da sua vida! Me conta, como é um dia de Sônia Abrão?
Sonia - Meu dia é corrido, como o de toda mulher que trabalha fora! Tempo pra mim, atualmente, quase nenhum! Levanto às 6/7 h, dependendo do dia, oriento o trabalho da casa, cuido da família, da minha cachorra linda, etc… Vou para o trabalho às 10h, saio de lá às 20h ! Quando dá, janto fora! Espremo minha agenda, para um tempinho pra saúde e cuidados pessoais, amigos e cineminha, etc… Nos finais de semana, ando escrevendo! E por aí vai!

HG – Teve uma época que seu nome era relacionado a fofoca. Hoje, acredito eu, é mais ligado ao seu programa. Você ainda recebe notinhas?
Sonia - É… hoje meu nome está mais ligado ao noticiário geral mesmo, mas ainda recebo muitas informações dos bastidores de TV sim, que guardo pra nossa Roda da Fofoca!

HG – Nenhuma revista nunca reclamou que você fica lendo as matérias no programa?
Sonia - Claro que não! O público adora isso e até se sente motivado a comprar algumas das publicações para se aprofundar em vários assuntos! E jamais lemos nada na íntegra, pra não prejudicar as revistas! Só coisas rápidas!

a tarde é sua 2

Antes eu assistia o programa pra não ter que comprar as revistas, rs….

HG – Alias, a internet não atrapalhou essa parte do programa? Hoje em dia todo mundo já leu tudo antes de sair nas revistas e nos jornais.
Sonia - No meu caso não atrapalhou em nada, porque os telespectadores querem mesmo é a minha opinião sobre os assuntos!

HG – Você não tem vontade de fazer um programa diferente? Um talk show babado… Acho que ia ser mara!
Sonia - Tenho vontade de fazer um programa em TV a cabo, mas ainda não tenho idéia do formato!

sonia 1 - André Giorgi

Achei fashion a pose!

HG – Sonia, seu olho é tão pequenininho, você tem problema pra enxergar?
Sonia - Tenho porque sou míope, não por causa do tamanho do olho! Se fosse assim, o que seria dos japoneses? rsrsrs

HG – Vamos falar de moda e beleza. Você sofre com efeito sanfona? Como faz pra ficar em forma e caber no maiô?
Sonia - Já sofri muito com o efeito sanfona, principalmente depois da gravidez, quando engordei 22 quilos, nos anos 90. Perdi 11 e os outros 11 iam e voltavam, era um inferno! Aí encarei uma série de dietas com endocrinologista, fiz aplicações de enzimas para gordura localizada, e até promessas de não comer doces pra Nossa Senhora de Fátima! Com o tempo, perdi o excesso e voltei ao normal. Hoje só evito comer demais, porque não posso malhar devido à arritmia cardíaca! Enquanto não fizer a ablação (cirurgia para corrigir o problema), sou sedentária na marra!

sônia abrão1

HG – Quem escolhe seus looks do programa?
Sonia - Minha figurinista, Flávia Satriani. Quando tenho tempo, até dou uns palpites! Quando não tenho, entro direto na roupa e me jogo no estúdio!

HG – Você se liga em marcas? Usa bolsas de grifes? Quais suas marcas preferidas?
Sonia - Não me ligo muito em marcas, não! Mas conheço! Amo bolsas e prefiro Prada a Louis Vuitton, embora viva muito bem sem elas. Também amo sapatos, porém não faço coleção, só compro o que vou usar e que seja de qualidade, sem custar uma fortuna!

HG – Você se acha elegante? Ou acha que poderia melhorar? Quem são suas referências de moda?
Sonia - Não me acho elegante, sou discreta! Claro que sempre dá pra melhorar! Para meu uso pessoal, gosto dos vestidos da Diane Von Furstemberg.

Captura de Tela 2013-05-05 às 23.47.02

Look do Trofeu Imprensa 2013!

HG – Sobre a TV atualmente: quais são seus programas favoritos?
Sonia - Adoro os seriados da TV a cabo, como The Goodwife, Law And Order/ SVU, Revenge, etc…E não me conformo com o fim de House!!! Adoro que tenham legendas, gosto de ouvir as vozes originais dos artistas! Dublagem é a tendência, mas acho um desastre!

HG – E quais os piores?
Sonia - Ah, se é ruim, eu nem vejo!!!

image (1)

HG – Você é da turma que ama ou odeia “Salve Jorge”? Por que?
Sonia - Eu amo Salve Jorge! Torço pela Morena e o Théo, Helô e Stênio, Lucimar e Thompson, Ziah e Ayla, até Pescoço e Delzuíte! Acho a turma do Alemão hilária, a da Turquia muito legal também, adoro aquela dança turca! Também acho muito bem sacados os vilões trapalhões, mas extremamente cruéis, como Russo e Wanda, e por aí afora! Curto a trilha sonora e quero ouvir “Esse Cara Sou Eu” de novo no final feliz! Mas o que me prendeu foi mesmo foi o tema do tráfico de seres humanos, dos escravos sexuais à venda de bebês! A Glória Perez foi muito corajosa, pagou o preço da rejeição no começo, porque o Brasil não gosta de se olhar no espelho. Mas deu uma tremenda volta por cima, conscientizou o país sobre essa barbaridade, ajudou a salvar vítimas da vida real e o público se apaixonou pela novela, que tá bombando! Isso não tem preço! Salve Glória!

HG – O que você está achando da Thammy na novela? Você imaginava vê-la em uma novela das 21h da Globo um dia?
Sonia - Torço muito pela Thammy, é muito corajosa, se joga nas coisas! Nunca imaginei a Thammy numa novela da Globo, mas também nunca duvidei de que de algum modo ela seria sucesso! E estou adorando a Jô!

salve-jorge-thammy-gretchen-jo-40653

HG – Você já foi chamada pra ir pra Globo? Iria?
Sonia - Já trabalhei nas Organizações Globo: rádio Globo e Diário de São Paulo. Na TV, acho difícil! Não temos afinidades!

HG – E pro SBT? Você voltaria?
Sonia - Em TV, sou “cria” do SBT. Se um dia estivesse sem contrato com outra emissora e me chamassem, por que não? Sempre deixei portas abertas em todas as emissoras em que trabalhei. Tanto que voltei pra Rede TV!, onde estou há 7 anos! E adoro!

HG – Você ainda tem amizade com o Silvio Santos?
Sonia - Nosso relacionamento sempre foi amigável! Devo muito ao Silvio: a força que me deu no Troféu Imprensa foi decisiva para projetar meu trabalho para todo o Brasil, a orientação para não deixar o rádio antes da hora me fez continuar na (Rádio) Globo e ter sucesso, a confiança em mim como apresentadora ao me dar um programa, ao vivo, com 6 horas de duração,me fez amadurecer mais rápido nessa área, com domínio do palco e do público! Enfim, fui uma privilegiada! E, além de tudo, sou e semprei serei fã! Não tem no mundo um comunicador igual a ele!!!

 Captura de Tela 2013-05-06 às 00.15.13

HG – Você assiste o “Casos de Família”? O que acha? Meu sonho era você participar um dia de consultora! Você toparia?
Sonia - Não toparia, porque estou trabalhando, mas vi no YouTube as cenas em a Cris expulsou uma participante do programa e achei show. A Christina Rocha sempre foi autêntica e espontânea! Eu não saberia segurar uma onda dessas, nem como consultora! rsrs

HG – E o BBB? Você fica triste quando acaba? Ou fala por obrigação?
Sonia - Eu fico é aliviada! O reality global virou um porre! Já fui fã, hoje em dia só falo por obrigação! E falo pouco!

HG – Já te chamaram pra ir pra Fazenda? Você iria? É meu sonho te ver la!!!
Sonia - Que idéia maluca! Claro que nunca chamaram e claro que não iria participar! Sou viciada em informação, vivo conectada, morreria de abstinência no isolamento, sem saber o que tá rolando no mundo! Além disso, não gosto de mato, tenho medo de cobra, vida em fazenda não me atrai. Sou bicho urbano, movida a barulho, poluição e gás carbônico. Adoro uma selva de pedra! Sem chance!

a-fazenda-x-bbb

 

HG – Como você faz pra assistir todos os programas e ainda fazer o seu? Você vê tudo mesmo ou lê resumos?
Sonia - Eu assisto muitos programas, mas não todos! Faço um rodízio dos principais,gravo muita coisa, leio tudo a respeito e me viro nos 30…

HG – Por que as pessoas acabam gostando de ver as subcelebridades mais que as celebridades? Você mesmo gosta mais de falar das subs! Elas sao mais interessantes?
Sonia - Elas são mais próximas, mais humanizadas, mais acessíveis! Estão na batalha e não é fácil! Não gosto do rótulo subcelebridade, é pejorativo, diminui as pessoas. Trato todo mundo igual no “A Tarde é Sua”!

HG – Pergunta de RH: o que você se vê fazendo daqui a uns 5 anos?
Sonia - Não faço planos nem previsões, vivo um dia de cada vez. Daqui a cinco anos, eu estarei como Deus quiser! Isso me basta!

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

1.mai

De Frente com Gloss – Fernanda Keulla – A princesa do BBB13

celebs

Demorou, mas chegou. Finalmente eu consegui a minha entrevista milionária! Foram inúmeros pedidos no Twitter, no Facebook, no email, no Instagram….Encheram meu saco, eu estava prestes a ligar pra Rainha Má pra pedir uma ajuda, por que o CASTELO estava me deixando louco, mas consegui uma brecha na atribulada agenda da princesa milionária e fiz aquelas perguntinhas que eu sempre quis fazer, e também aquela que eu sei que vocês queriam que eu fizesse. Fernanda Keulla saiu do BBB, ganhou 1,5 milhão e um belo de um boy magia. Mas, como diria minha Mamy Gloss: “Todo ganho envolve perdas”. A partir do momento que você ganha uma coisa, você perde outra, isso é fato. Fernanda ganhou isso tudo, mas perdeu seu megahair de boneca Barbie (que ela amava), perdeu suas roupas de Panicat, perdeu um pouco da sua liberdade e até um pouco do contato com sua família, já que agora ela tem que trabalhar pra multiplicar o seu milhão e isso significa viajar (e muito) país afora. Mas quem está reclamando, né?  Ser famo$a tem seu preço, e quem entra no BBB tá doido pra pagar! Dona Fernanda falou na entrevista sobre ser ou não ser uma mulher barbada, sobre sua vida de conto de fadas com o príncipe Martinelli e também revelou se Kamilla e Andressa são amigas ou rivais… Tá todo mundo pronto pra entrar na vida real do Castelo? Coloque seu look de gala, seu melhor sapato e vamos entrar junto comigo no castelo da Princesa!!

fernandadede

HG – Quando você se increveu no BBB a sua intenção era ser famosa, ganhar um milhão e meio ou arrumar um boy magya?
Fernanda - Certeza absoluta que foi para ganhar um milhão e meio. Mas acabei ganhando muito mais, pois tive a oportunidade de conhecer uma pessoa maravilhosa que está ao meu lado.

HG – Vamos combinar, você achava que ser famosa era tão dificil? Cada saída na rua é uma luta!
Fernanda - Jamais imaginei a proporção que tomaria! De fato sair na rua hoje em dia requer muito mais cuidado na hora de me arrumar, mas as vezes também relaxo, pra não ficar muto na paranóia. Vai que um dia eu resolvo ir de pijama à padaria.

HG – Aliás, o que faz uma menina advogada, bem nascida, se inscrever no BBB?
Fernanda - Os meus valores e a criação que meus pais me deram são meu maior tesouro! Independente do meu objetivo de vida, o fato de eu ter estudado e me formado faz parte dos ensinamentos que meus pais me deram: que qualquer coisa na vida exige dedicação e esforço e que qualquer forma de conhecimento amplia seus horizontes. Por isso, minha escolha profissional, minha criação não me impediram de participar de algo que eu jamais teria a oportunidade de vivenciar.

HG – Na casa você era meio louca de ficar tacando bebida na cara das pessoas! Você ja tinha tacado bebida na cara de alguém aqui fora? Da onde saiu isso?
Fernanda - Não tinha (risos). Lá era muita bebida e muita diversão; eu queria extravasar e acabava passando do limite. Nunca fiz isso aqui fora, pois definitivamente não é algo educado e não recomendo a ninguém repetir isso.

HG – Você sabe que tinha gente que te chamava de “Prestobarbie” por causa das suas lâminas no rosto! Por que você fazia aquilo? Você nao fez um laser antes de entrar na casa?
Fernanda - Eu soube e achei muito engraçado. Lá no BBB não tínhamos pinça, então tinha que recorrer à lâmina. Antes de entrar na casa eu fiz algumas sessões de laser mas não havia acabado ainda. Então, só me restou barbear mesmo (risos).

HG – Mas agora você já se livrou desses pelos e dos caroços na pele! Pele de milionária custa caro?
Fernanda - Mais ou menos (risos). Estou fazendo um tratamento maravilhoso no rosto com a Dr. Heloísa Rocha. São muitos lasers, saio de lá toda vermelha. Mas está valendo a pena.

258643-970x600-1

 HG – Fernanda, como você esta se sentindo sem seu megahair da Barbie? Fala a verdade!
Fernanda - Me sinto uma nova mulher! Você me fez reconhecer que o meu mega hair da Barbie não era o ideal e, atualmente, com essa transformação, me sinto mais leve!

HG – O que você fez com os vestidos de panicat que você usava na casa?
Fernanda - Eu adoro vestido justo, mas realmente o comprimento dos vestidos que eu usava no programa não era adequado. Hoje sou orientada e recebo dicas de profissionais que me ajudam a vestir roupas que eu gosto, porém de maneira mais elegante. Os vestidos que eu usava na casa mofaram todos, porque quando saí da casa, coloquei na mala e ainda estavam molhados. Como foi um turbilhão depois que eu saí, só fui abrir a mala bem depois. Quando fui ver, já tinham dado perda total.

HG- E a sua fixação por rosa, passou? Você não é a Legalmente Loira!!
Fernanda - Eu amo rosa ainda! Adoro tudo rosa!

FEROSA

HG – Vamos falar do príncipe! Ele é príncipe mesmo? Cara de príncipe ele tem!
Fernanda - Ele é realmente um príncipe, um super companheiro e que no dia-a-dia me mostra, através de cada pequena atitudes, que foi muito bem criado.

HG – Olha, a maioria dos casais de BBB sempre dura até o dia dos namorados que é pra fechar campanha de shopping! O casal Real vai sobreviver ao dia dos namorados?
Fernanda - (Risos) Tem isso? Nunca tinha reparado! (Risos) O meu relacionamento nao é pautado em trabalhos! Ele é sincero, é de coração. Os sentimentos de coração não têm data para ter fim.

andré_e_fernanda

HG – Na casa o André chegou a dizer que não achava que você era mulher pra ele. Depois ele mudou de ideia. O que você acha que fez ele mudar?
Fernanda - Depois do copo de água ele se apaixonou e mudou de ideia! Kkkkk brincadeira! O André e um homem a moda antiga e meus excessos no início o fizeram ficar receioso! Com o tempo eu ganhei seu ❤!

HG – Teve gente que achou que ele percebeu que você tava bem aqui fora e se aproveitou disso. O que você acha?
Fernanda - kkkkkk Vc diz: cola em mim que você brilha? Kkkk Não acredito que isso possa ter acontecido! Nosso amor e verdadeiro e vivemos juntos todos os dias! Isso prova que realmente o sentimento falou mais alto!

Fernanda bbb13 namorado

HG – E aquele babado dele achar que você beijou o Nasser em uma festa. Ele chegou a te confrontar sobre isso?
Fernanda - Não, antes mesmo de eu sair da casa ele viu que não teve beijo e deixou essa história pra lá.

HG – Vamos falar daquele boneco que você montou depois que ele foi eliminado. Fala a verdade: foi estratégia? Você tava tentando copiar o BamBam? Ou tava alucicrazy mesmo?
Fernanda - Copiar o Bambam? Jamais! (risos) Era alucicrazy mesmo, já tinha mais de 60 dias de confinamento e minha cabeça já nao funcionava…e eu já sendo loira então…não ajudou muito (risos)

FERNANDABONECO

HG – Você vai negar, mas eu vi e muita gente também viu o amorzinho que vocês fizeram no quarto do líder. Quero saber se aqui fora a pegada foi de príncipe ou foi mais violenta! Kkkkk…
Fernanda - (risos) Isso é um segredo de Estado agora rsrsr

HG – Vocês estão morando juntos em um flat babado. A vida é de princesa ou de empreguete? Esse principe tem cara de bagunceiro…
Fernanda - A vida agora é bem mais de empreguete, pois não temos uma ajudante ainda. Eu sou muito mais organizada que ele, mas nem sempre consigo dar conta por causa das viagens. Mas tem dias que eu estou com a “macaca”; dou meu grito de libertade e mando ele lavar uma louça. (risos)

HG – Eu sei que tá cedo pra casar, mas vocês podiam ter um filho… Rs um cachorrinho! Que tal?
Fernanda - Aiii eu amo cachorro e vários outros animais, mas preciso me estabelecer no RJ primeiro para poder ter condições e espaço para manter um bichinho.

FEEDE

HG – Todo mundo sai do BBB achando que vai ficar muito famoso e ser a nova Grazi/Sabrina/Juliana Alves. Eu sei que você saiu mais assustada que deslumbrada. Você tá com saudade de ser anônima?
Fernanda - Não me considero uma pessoa famosa para ter saudade de ser anônima(risos). As vezes o que sinto falta é de poder sair mais à vontade, descabelada e sem maquiagem, mas agora quando faço isso e saio na rua, as pessoas pedem pra tirar foto e eu acabo saindo uma monstra nas fotos (risos). Não tem mais jeito, tenho que sair ao menos arrumadinha!!!

HG – Nas notinhas do EGO sempre tem um povo fã de Andressa e Nasser te xingando! Por que você acha que eles ficaram com raiva de você?
Fernanda - Não acho que eles têm raiva de mim, não vejo dessa maneira. Críticas sempre vão ter, mas os atritos entre os participantes do jogo ficaram para trás.

HG – E a Maroca? Por que ela pegou tanta raiva de você?
Fernanda - Acredito que não tenha sido diretamente de mim. Acho que ela acabou se perdendo no jogo devido ao estresse que já estávamos e aí deu aquela surtada que vocês viram.

foto

HG – Em algum momento você pensou em pegar o Marcello? Ele disse que se quisesse teria te pegado! Ele é magya… Esburacado, mas magya!
Fernanda - Tá louco, meu alvo sempre foi o André (risos). Esburacado mas magya foi ótimo…

HG – Você fala com algum dos outros BBBs? Porque na casa todo mundo jura amizade eterna, mas aqui fora alguém te ligou, foi te visitar quando você teve dengue?
Fernanda - Realmente visitar ninguém veio, mas acho que não foi por não termos amizade, e sim por conta das agendas. Todos nós precisamos ganhar dinheiro e trabalhar né?! (risos)

HG- Andressa e Kamilla foram suas amigas na casa. E aqui fora? Elas continuam sendo suas amigas? Mas AMIGAS ou tipo ex-colegas de reality?
Fernanda - Aqui fora tenho mais contato com a Kamilla.

ANDRESSAFERKAMILLA

HG – Você deu mesmo todo prêmio pra sua família?
Fernanda - Sim, eu dei o prêmio todo para minha familia, pois eles vão fazer muito bom uso desse dinheiro e, quem sabe, não multiplicamos esses milhões.

HG – Me conta dos seus irmãos que faleceram. Como foi isso? Deve ser um trauma imenso…
Fernanda - Realmente, foi um trauma muito grande para toda a minha família a perda desses meus irmaos mais novos. Os dois sofriam de uma doença no sistema imunológico e faleceram muito novos: o primeiro com 4 anos e o segundo com 2 anos e meio.

HG – O Nasser disse na casa que tinha 3 segredos. Você disse pro André que tinha um. Que segredo era esse? Já podemos saber agora que acabou e você ja ganhou?
Fernanda - Esse segredo está guardado a 7 chaves e todas elas estão com o André (risos).

HG – Teve um bapho que você era vizinha do Wesley do BBB e ele teria te dado dicas para entrar e etc. é verdade?
Fernanda - Não. Quando fiz faculdade me mudei para um prédio próximo à unidade e calhou dele ser meu vizinho. Jamais conversei com ele sobre BBB, até porque assim que ele saiu do programa, fiquei sabendo que ele viajou para fora do país.

FEWESLEY

HG – Cadê seu Paparazzo? Você não vai fazer? Não te chamaram ou você não quis porque você é RYCKAaaaaa?
Fernanda - (risos) Me chamaram sim, mas o momento não é para isso. Minha empresária tem outros planos.

HG – E a Playboy? Vai rolar? Ae for rolar tem que ser tipo o clipe da turnê da Beyoncé, toda na Rainha! Rs…
Fernanda - Quem sabe hein…!!! Mas pode ter certeza que vou pensar na possibilidade de posar só de coroa… e dançando Beyonce! kkkkkk Brincadeira!

HG – Alias falando em Rainha esse negócio de Castelo não enche o saco às vezes, não?
Fernanda - Nadaaaa! Eu adoro! Rsrsrs…  Meu castelo são as pessoas que gostam de mim! É também o meu sonho em estar com a pessoa que eu amo, que eu escolhi pra mim, em um relacionamento sincero… Temos que nos permitir sonhar!!!!

HG- Nós estamos super te produzindo, mas eu acho que no fundo você queria mesmo é colocar um vestidinho tomara que caia neon, uma sandalinha de cristal e ir prum sertanejo. Você tem essa vontade?
Fernanda - (risos)Eu adoro sertanejo, vestido tomara que caia e sandalinha de cristal! Não há problema nisso não (risos)! Mas hoje eu estou aprendendo a usar as peças de maneira adequada, aumentar um pouco a barra da saia para ficar mais confortável, combinar as peças de maneira elegante e poder curtir qualquer tipo e música à vontade!!! Sou a mesma pessoa, mas aprendendo a estar melhor e mais preparada pra esse mundo mais “exposto”.

HG – Às vezes você acha que se perdeu e está deslocada, ou você está super consciente de tudo que está acontecendo com você?
Fernanda - Em nenhum momento eu sinto que me perdi, pois sou a mesma Nanda, com meus valores, minhas mancadas, minhas brincadeiras de sempre! Eu prezo muito por isso: manter minha identidade! Eu me tornei campeã do BBB exatamente por ser eu mesma e graças a Deus as pessoas gostaram de mim! Quanto a me sentir deslocada, confesso que às vezes me sinto um pouco, por estar com pessoas diferentes, longe da minha família e dos meus amigos! Mas sei que isso com o tempo só tende a melhorar e pra isso também conto com pessoas maravilhosas como você e o Diogo Alcântara!!

FEEPRO

HG – Você ainda nao conseguiu voltar pra sua cidade. Você as vezes nao tem vontade de sair correndo pro colo da sua mãe?
Fernanda - Clarooooooo! Muitoooo! Neste momento estou no avião a caminho de BH! Não poderei visitar ainda a minha casa por causa dos compromissos profissionais , mas todos irão me visitar no hotel. Colinho de mãe é que faz a gente acreditar que tudo vai ficar bem!

HG- E quando você vai lá visitar Minas?
Fernanda - Estou em BH hoje dia 01 para um evento com meu príncipe! Trabalhar com nosso Amor é tudo de bom! ! Amanhã eu farei fotos para um revista em BH. Já a visita à minha família, para bater papo e comer muito pão de queijo, vai esperar mais um pouquinho!

HG- Como foi o casamento da cunhada? Foi aprovada pela família?
Fernanda - Menino, o casamento foi chiquérrrimo! Só não pude tocar terror na festa como fazia no BBB, né!? Senão, a família não ia gostar de me ver jogando gelo no chão e escorregando! (risos) Tinha que conquistar minha sogra né!? E deu tudo certo! Todos me receberam muito bem, estou aprovada!!! (risos)

CASAMENTO

HG- Você viu as fotos do flogão do André que eu postei no meu blog? Tem o seu também! Analisei o passado de vocês dois e acho que vocês combinam! Melhoraram com o tempo! 
Fernanda - Eu vi! Huhuuuuu! Você achou fotos do arco da velha!!! O melhor foram os comentários das minhas poses!! (risos) Minhas maquiagens Lady Gaga e meus looks! Kkkkkk

HG – O Andre ja morou em NY, é amigo de angel da Victoria’s Secret e você nunca saiu do Brasil. Quando vai rolar a primeira viagem? Cadê o Castelo de CARAS pra levar vocês pra lá? Vou fazer a campanha #PrincípesNoCasteloDeCaras
Fernanda - Eu e o príncipe no Castelo será incrível heim, imagina!!? (risos) Vai ser muito amor!!! Estou louca pra viajar para o exterior! Nunca viajei e como boa brasileira eu quero fazer minhas comprinhas né!?

andreecandice

HG- Eu saí com você e fiquei passado como o povo fica te enchendo pra tirar foto toda hora! Parecia que era a Ivete Sangalo! Você não fica de saco cheio?
Fernanda - (risos) Eu tenho que comer muito vatapá para parecer a Ivete e com bastante pimenta!(risos) Esse alvoroço que acontece comigo quando saio nas ruas, nada mais é a prova real do carinho que o público tem por mim e é a melhor coisa do mundo! Tento retribuir sempre ao máximo tudo isso. São as pessoas que torceram por mim e que fizeram ganhadora. Só tenho a agradecer.

HG – De todos os BBBs você foi a que foi acolhida pelos famosos. Como é estar agora no meio dos seus ídolos?
Fernanda - Estar no meio dos meus ídolos é reconhecer ainda mais o quanto eles são pessoas maravilhosas, íntegras e que realmente trabalharam duro para serem quem são: pessoas admiráveis! Agradeço de coração principalmente a Giovana Ewbank e a sua mãe Débora Ewbank pela receptividade e por me orientarem em momentos tão confusos!

foto (1)

HG – Você acha que todo mundo vai esquecer de você daqui a alguns anos?
Fernanda - Não tenho a pretensão de ser eternamente lembrada… Se daqui há algum tempo as pessoas se remeterem a minha pessoa com coisas boas, já estou mais que feliz!!!

HG – O que você acha que vai estar fazendo em 2020?
Fernanda - Em 2020 quero estar viva, com saúde, com minha familia, com meus futuros filhos e perto de Deus! Com isso, independente do que eu vou estar fazendo, vou estar mega feliz!!!!

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

12.abr

De Frente com Gloss – Sophia Abrahão – A it girl mais REBELDE do Brasil

celebs

O “De Frente Com Gloss” de hoje é Rebelde! É tipo Britney “not a girl, not yet a woman”! Ela começou sendo apenas um rostinho bonito e um corpinho babado nas passarelas do mundo, evoluiu pra mais um dos vários closes das Malhação, onde ficou lá escondendo sua pele sem poros embaixo de uma franja, depois fez a alternativa, fugiu pra TV a cabo, ganhou uns quilinhos em nome da arte e foi fazer uma série dessas da NET que quase ninguém vê: “Bicicleta e Melancia”. Mas era tudo uma preparação para sua reviravolta. Ela fez seu comeback pra TV aberta toooda trabalhada na beleza, na beleza, na loirice e no protagonismo. Escalada como uma das principais – vamos falar a verdade, era praticamente a principal – da versão brasileira de REBELDE, Sophia Abrahão virou iT girl quase sem querer, mas gostou da coisa, agarrou o título e agora vai subir no seu salto Cinderella by Louboutin e não tem quem a tire de lá! Só o Principe da pele Branca, Fiuk, claro…

sophia-abrahao

Cata o lencinho e pode chorar sangue que ela é LINDA!

HG – Esse H no seu nome é pra disfarçar que você é parente da Sônia Abraão??
Sophia - Nãao! hahahaha, é AbraHão mesmo.. mas muita gente pronuncia errado…

HG – Sophia, você tá com saudade de Rebelde?
Sophia - Sim! Mais da rotina do que qualquer outra coisa.. O dia-a-dia era muito bom, me divertia muito..

alice

Alice e sua pele babado…

 

HG – Quando você aceitou fazer Rebelde você achava que ia fazer tanto sucesso? Eu achei que ia ter uma super rejeição por causa dos Rebeldes mexicanos.
Sophia – Eu também! morria de medo de não dar certo, achava que a gente não ia fazer mais do que 5 shows.. mas alguma coisa me dizia desde o começo pra fazer, tanto que assim que soube do teste não sosseguei até marcar o meu! Foi uma aposta tanto da Record quanto nossa e só virou um sucesso pro causa do público!

HG – Aliás, você assistiou o Rebelde Mexico? Eu te empresto os DVDs, rs.. Você sabe que na verdade o original é argentino e chama Rebelde Way? É meu sonho assistir… O SBT tem os direitos e nunca exibiu.
Sophia - Simmmm! quero os dvd’s! Poxa quando soube que ia fazer rebelde é claro que dei uma super pesquisada.. vi milhares de vídeos deles! Ficava cada vez com mais vontade de começar a gravar, de fazer shows.. parecia tudo muito distante.. já o rebelde argentino eu tenho muita curiosidade, mas nunca vi, tomara que o Silvio libere! hahaha

HG – Os fãs do Rebelde Mexicano odeiam Os brasileiros? Sempre tive essa dúvida. Eu lembro das comparações: “A Mia é muito melhor”. Te encheram muito o saco?
Sophia - Sabe que no começo sim, mas foi a minoria por incrível que pareça.. o pessoal sacou logo que a nossa novela era completamente diferente da versão mexicana, praticamente só o nome era o mesmo.. eu sofri um poquinho, mas passou! hahaha

foto (1)

E ai, qual versão você prefere?

HG – Eu acho seus fãs meio malucos às vezes. Quando eu posto uma foto sua eles ficam mandando 3000 replies iguais perguntando onde você tá, com quem está, dão zilhões de RTs, parece até que tem uns robôzinhos programados pra fazer isso toda fez que aparece seu nome. Você não fica com medo não?
Sophia - Nãao! Pelo contrário, só por causa deles que tudo isso esta rolando na minha vida.. tenho muita gratidão por cada fã.. e não é papo de miss não, hahaha! Todas os prêmios que eu participo eles votam em peso, me ajudam sempre! só tenho que agradecer, é um carinho muito verdadeiro.

HG – Eu via uma repercussão grande dos Rebeldes na internet, mas a novela acabou por falta de audiência. Você não acha isso esquisito? Você acha que a novela ficou ruim com o passar do tempo? Não era melhor ter seguido o roteiro do original ao invés de mexer?
Sophia - Bom, eu nunca me importei muito com os números.. a novela estava no ar desde março de 2011.. é muito tempo para uma trama só.. amo de paixão o texto da Margareth Boury, ela me deu uma personagem deliciosa de se interpretar, a Alice..e é isso que vou guardar da novela…

HG – A Anahí depois dos REBELDES virou diva mexicana, lançou CD, faz shows.. A Maitê Perroni enveredou por ser atriz, fez várias novelas importantes… A Dulce também virou cantora, Christian Chávez também… Todo mundo se encaminhou. Você acha que os protagonistas do Rebelde Brasil vão se dar bem também?
Sophia - A gente reza pra isso! hahaha, eu confio muito no futuro de cada um do grupo.. nosso diretor Ivan Zettel conseguiu reunir uma galera boa, talentosa.. eu torço muito pelos meninos! todos tem capacidade e talento pra seguirem tanto atuando quanto no meio musical.

rdb

As estrelas da versão mexicana de Rebelde, Dulce Maria, Anahí, Maitê Perroni e o Christian Chávez babadeiro

 

HG – Ainda sobre Rebelde, uma coisa que foi comum a todas as versões da novela foram os namoros entre os protagonistas. Existe uma teoria de que é uma clausula contratual do pacote “Rebelde” que os atores só podem ter relacionamentos públicos entre si, é verdade?
Sophia - HAHAHAH! se tem eu não sei.. mas espero que não!

HG – Não era estranho namorar um e fazer cena de romance com o outro? Não rolava um bapho nos bastidores, ciúmes?
Sophia - Pior que não, eu vou morrer sem entender os bastidores da tv…

CASAIS

Casais na ficção…

HG – E quando seu namorado é amigo do seu ex? Eu ia achar super esquisito!!! Imagina os dois falando de você!! Você não ficou meio insegura de namorar dois boys que conviviam tanto tempo juntos?
Sophia - Os meninos são cavalheiros! super do bem.. não tinha medo.. me dou muito bem com todo mundo no projeto.. ia ficar chateada se isso não se repetisse com todos..

HG – Eu sempre achei esquisito nos Rebeldes que todos eram novinhos aí tinha aquela Mel que era imensa e tinha cara de mais velha. Ela não ficava meio deslocada no grupo?
Sophia - Não!! A Mel é só três anos mais velha que eu.. a gente precisava de mulherão! a Mel é linda demais, só acrescentou!

MEL

A Mel era uma professora disfarçada rsss

HG – E agora, você vai fazer o que? Mais novelas? Mais Cd’s? Vai viver de ser blogueira it girl?
Sophia - Brigada pelo It Girl! hahaha, adoooro! Bom, tenho muito projetos ainda pra esse ano. Penso em lançar meu albúm solo, mas não quero fazer nada com pressa para não me arrepender.. novela ainda não tenho previsão.. e continuo a mil com o blog, muito em breve lanço a minha primeira grife!

looks sophia

O look do dia aqui é pura ryqueza! Cata as bolsas rsss

HG – Você fez Malhação durante dois anos. Eu amava a sua temporada de estreia. Foi uma das melhores dos últimos tempos e revelou grandes talentos como Nathalia Dill, Mariana Rios, Caio Castro, Sophie Charlotte. Você ainda tem contato com essa galera, mesmo tendo indo pra outra emissora, ter ido morar em São Paulo?
Sophia - Foi uma safra boa mesmo! haha, fico chocada com o número de pessoas que bombou depois dessa temporada! tenho muito orgulho de ter feito parte dessa Malhação! Meus melhores amigos são dessa epoca, mantenho contato com quase todos!

HG – Você ainda tem contato com a galera da sua temporada da Malhação? Quem são seus amigos até hoje?
Sophia - Váarios, Rael Barja, Johnny Massaro, Carolinie, Sophie Charlotte…

MALHAÇAO

A temporada mais bafo de Malhação

HG – Você se arrepende de ter ido pra Record? Você não olha essa galera (Nathalia, Caio, Sophie, Mariana) e pensa “Putz, eu podia estar bombando na globo”?
Sophia - Não, a Record me deu um espaço que até então a Globo não tinha me dado.. Rebelde foi um boom na minha carreira.. teria me arrependido se não tivesse feito..

HG – A Record já te ofereceu uma protagonista de novela? Tá na hora, né… Você preferia uma vilã tipo Blair de Gossip Girl, ou Mocinha?
Sophia – Tô loouca pra fazer uma vilã! acho que até pra conseguir me desvincular da Alice, que era uma mocinha..

foto

Já pensou a Sophia de Blair? MEU SONHO!!!

HG – E um programa de TV? Você tá super conectada na moda, nas makes, nunca pensaram num programa feminino pra você?
Sophia - É um dos meus projetos/sonhos.. tenho essa idéia há um tempinho.. um programa onde eu possa falar de tudo um pouco.. Moda, make, musica, viagem..

HG – Falando em amigos, você é amiga da Lua Blanco? Eu acho vocês tão diferentes. Ela toda meio hippie, você toda it Girl. Rola AMIZADE mesmo, de contar segredos, ou amigas, tipo colegas de trabalho?
Sophia - Rola sim! Principalmente durante da novela, rolava mais.. agora a gente se encontra mais de final de semana.. pra fazer show.. mas o carinho é o mesmo..

Sophia e lua

É preciso ter dinheiro pra ser loira… VRAAAA

HG – Você só fez personagens jovenzinhas até hoje, você não acha que está na hora de fazer uma personagem mais madura? Está pronta pra fazer um mulherão? Você acha que seus fãs iam se chocar?
Sophia - Acho que ia ser um choque, tanto pra mim quanto pros fãs, não sei se ainda estou pronta emocionalmente para um personagem assim.. tenho muito bloqueio com essa ideia de “mulherão”.

HG – E essa história de ser cantora. Vai rolar mesmo? Disseram que você ia fazer o musical “Legalmente Loira” no Brasil, é verdade? Acho que você ia tombar no Pink!!!
Sophia - Hahaha, eu ia adorar.. mas não to sabendo não! A respeito do meu cd, vai rolar sim.. só não tenho datas..

HG -Você tem um problema em assumir seus namoros, né? Pra Assumir com o Chay foi quase no final. Quando vai assumir que é a senhora Fiuk? Ele está tão gostosinho. Deveria aproveitar!
Sophia - HAHAHHAHAHAHAHAHA

HG – Você tá fazendo igual a música do Fiuk “Quero toda noite dormir junto sim, quero toda noite poder te encontrar, quero toda noiteeee…”. Ele quer toda noite mesmo? E você? Rs….
Sophia - Paraaaaaaaaaaaa!!!

fiuk-sophia

Me empresta o Filipe??

HG – Sobre moda. Seu blog está super bem feito, sempre te vejo toda maquiada. Isso sempre foi uma preocupação ou veio depois de Rebelde?
Sophia - Poxa, minha preocupaçao com moda e beleza veio muito junto com a minha carreira de modelo.. comecei novinha, com 13 e fui entendendo aos pouco o que ficava bem em mim, o que me valorizava.. me viro bem sozinha, sei fazer minha make e meu cabelo…

HG – Você faz tudo no blog sozinha?
Sophia - Tenho uma equipe maraaa que me ajuda! É muita coisa, muita informação.. mas escrevo tudo sozinha com a ajuda da minha colaboradora Camila Ramos ;)

Captura de Tela 2013-04-11 às 16.22.13

Blog babado com look milionários

HG – Você realmente usa aqueles looks todo dia, não tem nenhum dia que você sai desmontada, de cabelo zuado, chinelo?
Sophia - Oooo se tem! hahaha, eu vario muito.. tem dia que saio de casa do jeito que acordei.. tem dia que gosto de me montar.. Depende do humor e da necessidade!

HG – Tem blogueira que faz tutorial de make e passa photoshop nas fotos. Você faz isso? Qual o truque pra pele de pêssego?
Sophia - Hahahaha, ai não dá né? De filtro eu só uso os do instagram mesmo.. eu tive muita sorte com pele, não tive muita espinha.. agora tenho que me preocupar muito com o sol e hidratar a pele sempre pra não ficar ressecada!

HG – O que uma menina chique TEM QUE TER no guarda-roupa?
Sophia - Uma bela de uma bolsa top! Hahaha

foto (2)

Chora com o carão!!!!

HG – Quanto você gasta com roupa por mês? Quem acessa seu blog consegue comprar o que você posta, ou só indo ser musa na Record?
Sophia - Eu tô vivendo um momento dos sonhos, não estou gastando tanto com roupa! hahaha, fiz muitos parceiros tanto com o blog quanto com o insta e as marcas me mandam algumas peças.. mas tambem adoooro uma boa promoção, uma lojinha barata, um brechó.. quem acessa meu blog sabe que dou altas dicas do Bom Retiro por exemplo!

HG – Como foi seu encontro com a Lindsay Lohan? Ela foi antipática, blasé ou conversou com você direito?
Sophia - Sabe que foi otimo? todo mundo falando dela, não entendi nada.. Comigo foi super tranquila, tirou foto, conversou um poquinho.. ela parecia mais uma menina assustada do que uma mulher blasé.

HG – Você gosta dela? Tipo seriam amigas de ir parar juntas nas páginas policiais?
Sophia - Gosto dela sim, mas se a gente fosse amiga levaria ela pro caminho da luz! hahahahhahahahaa! acho que ela ficaria longe das paginas policiais por um tempo!

Captura de Tela 2013-04-11 às 23.55.23

Sophia poderia salvar Lilo da V1D4 L0K4

HG – O look dela estava meio ruim, não tava não?
Sophia - Ahh, não achei não.. tava basicona, mas gostei!

HG – Eu te vi em “Bicicleta e Melancia” e você emagreceu muitoooo e melhorou muito como atriz. O que você fez? Passa a receita!!
Sophia - Ahhhhh! brigada! emagreci muito quando as gravações de Rebelde começaram.. tava me achando meio bochechuda.. hahaha! mas foi um processo bem natural, nenhuma loucura.. comecei a malhar nessa fase e nunca mais parei. Ah! adorei que vc achou que eu melhorei! poxa, eu nunca parei de estudar, sempre buscando uma evolucão como atriz, e ter esse reconhecimento é o que me motiva a seguir!

mela

Bicicleta e Melancia… o cabelo já era deuso rsss

HG – O que podemos esperar de Sophia Abrahão em 2013?
Sophia - Meu nome é Sophia e meu sobrenome é Trabalho! 2013 já tá bombando e vai bombar mais! Tem CD, grife, blog e muito mais para esse ano! espero que quem curte o meu trabalho, acompanhe essa nova etapa da minha vida.

Posts com a tag "De Frente com Gloss"

3.abr

De Frente com Gloss – Felipe Neto – O eterno “Fenômeno” da internet

geek3

 

Em tempos de Internet, qualquer coisa com mais de 30 minutos de existência já é antiga. Pois bem. Felipe Neto, assim como eu, já é quase um dinossauro da internet, por assim dizer. E resiste bravamente a todas as previsões que declaram seu fim ou o fim do seu reinado. Bombando desde 2010, Felipe tem uma das histórias mais surreais da web (odeio ler texto que chama internet de web, mas ficar repetindo internet toda hora é um saco, desculpem). Lembro que quando ele surgiu e fez seus primeiros vídeos, ele chegava a ganhar 50, 60 mil seguidores no twitter por dia. Era assustador. De um dia pro outro ele virou uma @ milionária (em followers, mas desconfio que em $$$ também, mas ele faz a linha humilde), ganhou prêmios, programas de TV, foi pra Globo e saiu, abriu produtora, casou, enfim… Revolucionou. Eu confesso que eu não sou muito de ver vídeos no Youtube. Morro de preguiça, mas me rendi a Felipe e PC Siqueira na época. Acho que eles foram muito sagazes, porque surgiram junto o boom dos comediantes de “Stand-up”e o que eles faziam, nada mais era, que um stand-up online, né? PC foi pra MTV, Felipe foi pra tudo que é lado, mas nunca saiu da web. Pegou sua mala de barras de ouro que valem mais do que dinheiro e investiu na Parafernalha, produtora de conteúdo web e hoje continua tendo um dos canais mais vistos Youtbe. Será ele o Zuckerberg carioca? Acho chique. Chamei ele pra esse #DeFrenteComGloss pra perguntar tudo aquilo que Faz e Não Faz Sentido… Ele me deu uns forinhas, mas quem não gosta de um bonitinho que dá umas palmadas, né? kkkkkk…. Com vocês Felipe Neto fazendo sentido.. Ou Não…

7030874741_d56e2d78b0_b

Felipe Modelete – Alerta Colírios Capricho!

HG – Felipe, hoje em dia é fácil ser “fenômeno da internet”(Aliás, da onde saiu esse termo?), mas a gente bem sabe que é difícil se manter. Você é um dos maiores – senão o maior – de alguém que surgiu na internet e conseguiu se manter e transformar isso em algo rentável e palpável. O que você acha que fez de diferente do resto ou foi super por acaso?
Olha, não faço ideia de onde saiu o termo “fenômeno da internet”, só sei que soa brega pra cacete! Quanto à pergunta em si, eu acredito que meu feito principal foi ter aproveitado o boom do “Não Faz Sentido” para empreender e criar minhas próprias empresas voltadas para esse meio. Eu poderia ter ficado parado, vendo o Não Faz Sentido ir perdendo força (o que é normal na Internet), mas decidi que não faria isso. Foi a melhor decisão que tomei na vida, melhor até que ter começado a gravar videos.

HG – Eu lembro que no seu boom, em meados de 2010, muitos dos blogueiros diziam que você tinha uma fórmula pronta muito fácil que era falar mal de quem fazia sucesso e, assim, causava polêmica em cima deles. Foi isso mesmo?
Todo mundo gosta de ter uma “explicação” para o sucesso alheio. Eu sei, eu mesmo fiz isso inúmeras vezes. Só que gostaria de responder sua pergunta com outra pergunta: se essa é a formula (e ela é tão fácil) por que tantos outros tentaram fazer exatamente a mesma coisa (até mesmo antes de mim) e nunca conseguiram? Se o crédito do Não Faz Sentido se dá somente ao fato de “falar mal de alguém que faz sucesso”, como pode, depois de 3 anos, o publico não ter cansado e os dois últimos videos terem batido 10 milhões de visualizações? Acho que essa “formula” é simplória demais, é apenas uma variável em uma imensa equação.

HG – Você ainda tem raiva das Fiuketes, JustinBieberzetes, Luansantanetes, Restaretes?
Raiva é uma palavra muito forte que eu usei inúmeras vezes =)

HG – Você não acha que as críticas às fãs adolescentes são meio exageradas? Todo mundo teve seu ídolo teen… Isso é normal. As Fiuketes, Luanetes, são as que antigamente eram fãs dos Menudos, do Polegar (devem estar comendo pilhas), não? Por que criticar tanto essa galera? Você queria que elas idolatrassem quem? Os Los hermanos? rs…
É claro que são exageradas, mas aí mora grande parte da graça do Não Faz Sentido (e por graça não me refiro a comédia necessariamente). Em todas as gerações da humanidade devem ter havido “Fiuketes”, ou você acha que não rolavam as “Monetes” ou “Pablo Piquetes”? Mas da mesma forma que alguém pode dizer que o Não Faz Sentido é uma bosta, também podem dizer que “Fiuketes” são ridículas, ou que o Picasso pintava toscamente. Mais importante do que quem está falando, é quem está ouvindo. Se alguém decidiu ouvir o Não Faz Sentido, ótimo, isso não significa que ele possui as verdades da humanidade, apenas significa que algumas pessoas gostam de ouvir o que o Não Faz Sentido tem a dizer. Além disso, se formos analisar sua pergunta friamente, nada no mundo pode ser criticado, pois sempre existirá um subtexto, uma contextualização, uma explicação… E aí viveremos a (como diria Rafinha) “lucianohuckização” da comédia.

HG – Eu já ouvi você dizer, no Pânico da Jovem Pan, que o Felipe Neto do “Não Faz Sentido” é um personagem. Hoje, 3 anos depois do começo, o personagem é o mesmo ou já tomou conta de você, tipo Ruth e Raquel?

Eu não disse isso apenas no Pânico, mas provavelmente em umas 830143 entrevistas (mentira gente, eu não sou a Jennifer Anniston). É simples: o Não Faz Sentido retrata um texto escrito por mim (que realmente acredito e defendo) passado de uma maneira interpretada. Mais que um personagem, é um alter-ego. E na realidade acho que ao longo dos anos me distanciei mais do que gostaria daquele alter-ego. Acho que estou ficando cada vez mais frouxo, mas uma hora eu volto.

canal-parafernalha-001

Felipe Neto do “Não Faz Sentido” tinha um penteado Gusttavo Lima e você e uma língua mais ferina que a minha, do Léo Dias e da Fabíola Reipert juntos.

HG – Ainda sobre os vídeos, li uma entrevista em que você dizia que o objetivo maior era fazer humor sem ofender ninguém. Não é contraditório, se você pensar que o Fiuk ficou puto com você com o seu primeiro vídeo? Rs…
Eu lembro dessa entrevista e lembro que não foi essa a minha resposta, o jornalista interpretou a sua maneira e publicou. Eu disse que o objetivo maior era fazer humor (ponto). Não ofender ninguém, na minha opinião, é fazer um vídeo de humor onde um personagem vê um gordo e fala: “ae seu gordo escroto, você é um gordo idiota, todo gordo é imbecil”. Ao menos que esse personagem tenha um contexto de ser um idiota, a defesa dessa frase é estúpida e nada engraçada, apenas ofensiva. Foi isso que tentei dizer, mas o repórter entendeu como “meu objetivo é fazer humor sem ofender ninguém”. Foda.

HG – Aliás, vocês viraram amigos? Já ouviu a música nova dele?
Eu não virei “AMIGO” do Fiuk, mas passamos a nos dar bem. Nem liguei dele ter comido minha mulher, ele é brother. E eu tava junto, foi um menàge especial em que minha mulher muitas das vezes nem estava no meio.

Fiuk-e-Felipe-Neto_Wise-Up

Fiuk e Felipe podiam protagonizar a versão masculina de “Amigas e Rivais”.

HG – Você comeu muita mulher depois que ficou famoso na internet? Fala a verdade. Em termos de porcentagem do antes e depois, quantos por cento melhorou?
Eu fiquei 7 meses solteiro após a explosão do Não Faz Sentido. Tempo o suficiente para eu perceber que viver como o “Charlie” do “Two and a Half Man” é completamente superestimado. Fiz merda, aprontei, vivi babaquices, cansei, percebi que estava sendo um idiota, larguei, conheci uma mulher especial, nunca mais olhei pra trás.

6942387155_3faa375ed4_z

Felipe namora Maddu Magalhães, ela parece a Kate Middleton. #PrincesaDaInternet (Foto: Marta Polaquini)

HG – Você, logo depois do estouro, fez uns programas no Multishow. Por que acabaram? A linguagem da TV é muito diferente da da Internet?
Completamente diferente e foi um prazer imenso, até porque o programa foi um sucesso incrível. Infelizmente tive de largar porque não sobrava mais tempo para me dedicar à TV, tive de escolher e acabei optando pela Internet.

HG – E o quadro de esportes na Globo? Por que não avançou?
O quadro estava recebendo incríveis elogios, principalmente dentro da própria Globo. Contudo, mudaram o quadro de direção inteiro do programa e a galera que entrou não queria nada que não fosse jornalismo. Agradeci, apertei a mão das pessoas e voltei pra casa feliz pra cacete porque aquilo significava ficar mais 8 meses recebendo salário sem fazer nada e com muito tempo disponível para fazer o que eu realmente queria fazer: Internet.

HG – Você é ator, escrevia seus textos, teve chance na TV, mas preferiu ficar na internet. Foi mesmo uma escolha ou uma estrategia? Você pensa em fazer algo ainda na TV? O quê?
Foi uma escolha. O Multishow planejava me colocar em um programa diário na grade de 2013, o que me deixou muito entusiasmado com o desafio, mas eu não teria como, seria impossível, então tive de dizer não. A Internet é a revolução do entretenimento e é nisso que eu quero focar para os próximos anos.

HG – Você já pensou em ser apresentador? Tipo o Gentili no “Agora é Tarde”? Acho que é a sua cara.
Talvez, quem sabe um dia.

6884788144_1120211e94_b

Felipe sensualizando com um bigodinho “latin lover” #ChoraRickyMartin (Foto: Marta Polaquini)

HG – Por que você acha que o Multishow dá programa pra todo mundo? E são todos iguais “Sai viajando por aí” e quando vem algo diferente logo tiram do ar. Não entendo.
O Multishow não dá programa pra todo mundo. Eles recebem milhares de ideias, pilotos, roteiros. Alguns precisam ser escolhidos, né? E o motivo dos cancelamentos acredito que resumem-se a um fator principal: audiência.

HG – Você pode dizer se já atingiu a riqueza com seus vídeos? Já tem casa própria? Carro? helicóptero? Já dá mesada pra sua mãe?
Tudo o que ganhei com o Não Faz Sentido foi reinvestido para poder se transformar em algo maior. Todas as minhas fichas estão apostadas (com uma segurança, obviamente). Vivo de aluguel, não tenho carro (nem sei dirigir) e definitivamente não tenho um helicóptero. Sou muito realista em relação a dinheiro e penso sempre da forma mais lógica e prática possível. Cresci sem ele, então é mais fácil dar valor.

8073943354_a7c4c48a70_b

Nem só de Vlog vive o homem. O boy trabalha na Parafernalha, num escritório com vista pro Morro da Urca, todo trabalhado nos iMacs. #MarcZuckerbergCarioca (Foto: YouPix)

HG – Falando em mãe, como foi pra sua mãe quando você começou a bombar? Ela entendeu? Ela achava que você ia ser o filho que ia dar certo ou achava que ia ser o que ia ficar o resto da vida em casa jogando video-game e vendo xvideos?
Eu comecei a trabalhar com 13 anos de idade, então ela sempre acreditou que eu daria em algum lugar. Sempre fui alucinado por empreender, criar, executar e nunca fui de ficar em casa jogando video-game (não posso dizer o mesmo sobre pornô). Quando comecei a bombar, ela ficou assustada, mas logo em seguida começou a falar pra todo mundo que era “a mãe do Felipe Neto” e a mostrar meus vídeos. Ela é corujona.

controle.remoto.19-02-08

Atrás de todo blogueiro existe um passado (e um presente) nerd. Cata o cabelo tigela do Felipe e a casa antes da ryquezza. (Foto: Blog Bobagento)

HG – Você tem irmãos? Não rola um ciúme por você ser tão novinho e, de repente, ser mais bem sucedido que o resto?
Tenho um irmão mais novo que tem um futuro mega promissor também. Ele é foda.

HG – Eu já te vi com algumas namoradas, você é bonitinho. A fama te deixou mais preguiçoso pra arrumar mulher ou não? Você já falou “Eu sou o Felipe Neto, do Youtube” e pronto?
Já fiz isso, naqueles 7 meses em que fiquei solteiro, mas depois que achei a pessoa ideal tudo mudou.

6796274158_1a2237aee6_b

Felipe e Maddy fazendo 50 tons de Cinza #S&M #ChrisBrown&RihannaFeelings (Foto: Marta Polaquini)

 

HG – Você é bom de cama? Ou você fica falando “Minha filha, não faz sentido você gritar AI MEU DEUS na hora de gozar”rs…
Eu nunca transei comigo, cara.

HG – Falando em cama, alguém já pediu pra você colocar aqueles óculos escuros na hora do babado?
Não, mas já pediram pra xingar que nem no vídeo e eu falei: “não”. Foi engraçado.

6884775716_74dc83d23c_c

#FelipeNetoNoPaparazzo ou #CDFelipeNeto? (Foto: Marta Polaquini)

HG – Como é sua relação com o público gay? Pela sua cara você pode ter 2 perfis 1) de que chamava as bees de “viadinho” e depois da fama passou a dizer que adora os gays; 2) Sempre foi alternativo, até tinha amigos bees na escola e já levou fama de gay sem ser. Qual o verdadeiro?
O 2, com certeza absoluta. Eu só ia em balada alternativa, tinha inúmeros amigos gays e cansava de tomar “chegada” de gay nas “partys”. Até respondendo sua pergunta eu estou meio gay. A bem da verdade costumo dizer que só não sou gay por não gostar de pênis, porque de resto, em quase tudo, sou meio viado.

1279745344205_f

Ele não é homofóbico e super curte uma encoxada dos amigos! #GayFriendly

HG – O que você diria num “Não Faz Sentido” falando sobre o Feliciano, Joelma e afins?
Coisas que me fariam ser processado em 5 segundos. O nojo que eu sinto é muito difícil de ser expressado. E olha quem nem to falando da música do Calypso.

HG – Ainda existe espaço pra novos vloggers ou já foi a época?
No Youtube há uma mágica chamada “há espaço pra tudo”. Uma vlogueira, chamada Jenna Marbles, surgiu há uns meses nos EUA e já é o segundo maior canal do mundo em pouquíssimo tempo, passou até o Ray William Johnson

HG – O “Porta dos Fundos” virou um canal muito famoso do Youtube e é concorrente direto do seu canal, “Parafernalha”. Como está essa concorrência? O que acha do trabalho deles? Você assiste?
Não há concorrência, o Youtube usa a fórmula do “e” ao invés do “ou”. As pessoas assistem ao canal X e ao canal Y. Na TV você assista a Globo ou a Record. Quanto mais canais de qualidade, mais profissionalismo, mais público, mais investidores, mais anunciantes. Particularmente não assisto ao Porta dos Fundos, principalmente pela falta de tempo.

HG – Existe uma rixa entre você e o Kibeloco, ou é mais um mito da internet?
Isso é algo que você deve perguntar a ele. Da minha parte, sigo uma única filosofia: faça seu trabalho, não tente prejudicar os outros.

HG – E o PC Siqueira? Ele também era seu rival nos “Vloggers”. Vocês são amigos? Se falam no Whatsapp, ou já passou?
O PC é um amigo pessoal que carregarei para sempre com muito carinho. Nós dois representamos muita coisa em 2010 para o cenário do Youtube brasileiro. Passamos por muitas coisas juntos e criamos uma boa amizade.

4730794280_8c22dd8ea9

PC e Felipe (Separados pela Magya de um e a vesguice do outro)

HG – Os vídeos baseados em “Avenida Brasil” foram muito maravilhosos e fizeram muito sucessos. As paródias de programas de TV acabaram? Isso não é meio Casseta e Planeta?
Eram paródias fantásticas, escritas e interpretadas pelo próprio pessoal do “Surto”. A gente fazia toda a filmagem, produção e pós-produção. Foi uma aceitação incrível, mas infelizmente a Globo mandou tirar do ar. Acho que é delicado definir um formato como “Casseta e Planeta” ou qualquer outro programa. O “Saturday Night Live” (o americano) faz paródias pra caramba, será que eles são meio “Casseta e Planeta”?

HG – Eu li que você já pensou em abandonar os vídeos pra se dedicar ao seu trabalho na produtora, mas o povo não deixa. Os vídeos não ficam mais chatos quando deixam de ser um prazer e viram uma obrigação? Não era mais legal/natural e espontâneo quando você fazia por fazer?
Por isso que agora eu faço pouquíssimos vídeos e só quando encontro temas realmente interessantes pra mim. Não atualizo o canal por atualizar e talvez por isso o Não Faz Sentido ainda seja um fenômeno tão gigantesco. Nos últimos dois vídeos foram mais de 10 milhões de visualizações, quase 3 anos depois do “boom”.

HG – Pergunta de entrevista de emprego: o que você acha que vai estar fazendo daqui a 5 anos?
Provavelmente juntando dinheiro pra comprar um iPhone 10.

HG – Se as redes sociais (Twitter, Facebook, Youtube) derem uma diminuida ou acabarem, ainda ouviremos falar de Felipe Neto?
Você ouvirá falar de mim para sempre. Nos seus sonhos. Há mensagens illuminati em todos os vídeos da Parafernalha que estão manipulando o público de forma a implantá-los com mensagens satânicas que são interpretadas apenas durante o sono. Em breve muita coisa irá mudar no mundo.

Siga o Felipe no Twitter (Não que ele precise): @FelipeNeto, Assine seu Canal no Youtube AQUI, e assista os videos do Parafernalha AQUI.