Music

Captura de Tela 2015-02-09 às 02.16.10

Grammy 2015: Assista todas as apresentações e conheça os vencedores.

Se você dormiu, preferiu ver o BBB ou simplesmente não tava com saco pra aguentar mais de 3 horas de prêmio, eis o que você precisa saber sobre o GRAMMY:

- Sam Smith foi o grande vencedor. A bee levou 4 Grammys pra casa e ainda sambou na cara do ex-boy ao vivo. Ele agradeceu o ex por ter partido o seu coração e feito ele fazer o álbum que rendeu 4 Grammys. VRAAA… A bicha quer, a bicha tomba.
Captura de Tela 2015-02-09 às 03.25.45

- Beyoncé finalmente tirou foto com a Kim Kardashian. O babado é que dizem que a Bey não quer se misturar com a Kim. Elas estiveram em vários eventos recentemente e nada de uma foto das duas. Acabou que elas resolveram isso no GRAMMY, mas a Bey com uma cara de “ME TIRA DAQUI, SOCORROOOO”.
Captura de Tela 2015-02-09 às 03.24.21

- Taylor Swift fez as pazes com Kanye West. Depois de Kanye humilhar a Taylor do palco do VMA de 2009, eles resolveram fazer as pazes no GRAMMY. Até porque hoje em dia a Taylor que tá podendo humilhar ele, né? O mundo gira, meu amigo!!
Captura de Tela 2015-02-09 às 03.26.35

- Rihanna foi fantasiada de grávida de Taubaté. Ela não tinha VIP pra todos seus amigos e levou todos embaixo do vestido. Tava fazendo uma vibe festa de 15 anos de pobre cafona. Mas é a Rihanna, né? Depois ela cantou e todo mundo esqueceu.
picture

- Katy Perry mais uma vez ignorada pelo GRAMMY. Perdeu os dois aos quais tinha sido indicada e depois ainda foi cantar fazendo cosplay da Solange (irmã da Bey) no casamento dela.
Captura de Tela 2015-02-09 às 03.31.55

- Lady GaGa passou a faixa de Miss Esquisita para SIA. GaGa resolveu ir de gatinha e deixou o circo pra SIA que maotu 17 poodles e botou na cabeça pra não mostrar o rosto.
sia-grammys-2015

- Kanye West protagonizou o melhor momento da noite: quando BECK foi pegar seu GRAMMY de Album do ano, Kanye levantou e foi subindo no palco (da mesma forma que ele fez com a Taylor em 2009). Jay Z e Beyonce ficaram chocados, mas era só brincadeirinha do YEZZI. Quem diria que ele tem senso de humor?

MELHOR MOMENTO DA NOITE #grammys

Um vídeo publicado por Hugo Gloss (@hugogloss) em

- Madonna foi a única que resolveu fazer algo mais animadinho (além do AC/DC e Miranda Lambert) e fez a Juliana desmaiada saindo içada do palco. O resto das perfomances foram todas do tipo “músicas para chorar lembrando do ex”. Madonna ainda encheu o palco de belzebus magya, satã mandou beijos.
Captura de Tela 2015-02-09 às 03.40.43

- Rihanna foi falar com a Blue Ivy e nos deu a foto mais fofa do Grammy.
Captura de Tela 2015-02-09 às 04.18.12

- Pharrell tentou dar uma repaginada em HAPPY pra ver se a gente conseguia ouvir a música mais uma vez, mas não rolou. Ele ainda foi criativo ao chegar de bermuda e com um smoking que muda de cor na luz. Valeu a tentativa.
Captura de Tela 2015-02-09 às 03.41.55

- Climão: Obama surgiu em VT falando da importância do combate à violência contra a mulher e em seguida uma vítima de agressão subiu ao palco para dar depoimento. Chris Brown que estava nas primeiras fileiras não sabia onde enfiar a cara e ficou com aquela expressão de “PREFERIA ESTAR MORTO”.

- A Taylor Swift foi a mais animada entre os famosos. Pharrell lançou um olhar de julgamento fulminante para Taylor Swift. Coitadinha.

Pharrell pensando: "apenas pare, Taylor" #grammys

Um vídeo publicado por Hugo Gloss (@hugogloss) em

-Jeff Lynne’s Elo colocou até Sir Paul pra dançar e ficar sem graça com a câmera, tadinho. Não se faz isso com um Sir…

- Beyoncé ganhou 3 Grammys e completou 20 Grammys ao total na carreira. Não satisfeita, ela resolveu fazer uma perfomance. Ela se inspirou no casamento da sua irmã e botou todo mundo de branco e fez uma vibe Aline Barros, cantando gospel. Tudo no contexto, pois sua perfomance foi seguida por John Legend e Common que cantaram “GLORY”, tema do filme “SELMA”, que fala da luta de Martin Luther King para que os negros tivessem direito de votar no Alabama.
Captura de Tela 2015-02-09 às 03.56.03

Esses foram os babadinhos. Agora vamos às perfomances:

AC/DC abriu a premiação e colocou todo mundo pra dançar com as músicas “Rock or Bust” e o clássico dos clássicos “Highway to Hell”. A plateia toda com chifrinhos vermelhos fazendo referência à capa do album deles.

Ariana Grande cantou "Just a Litte Bit of Your Heart" que foi escrita pelo Harry Styles. Ela arrasa cantando ao vivo.

Jessie J e Tom Jones cantaram mais um clássico e todo mundo ja estava desesperado querendo um bate cabelo!

Miranda Lambert resolveu dar uma animadinha com Little Red Wagon, mas aquele fervo country, né?

Kanye West cantou (com muito Auto Tune) pela primeira vez a canção "Only One". Achei a música boazinha, até, mas esse boy precisa botar a cara no sol e parar de ficar no escuro.

Madonna poderosíssima mostrou que está com as plásticas em dia e levou 500 boys vestidos de belzebu pro palco em "Living For Love"

Ed Sheeran abriu a cota de magya e de boys-que-queremos-levar-pra-casa na sua perfomance de “Thinking Out Loud” com a participação John Mayer, outro boy nosso de cada dia.

Adam Levine fez todo mundo encharcar o sofá quando apareceu sendo muso. Pra melhorar, trouxe Gwen-Nao-envelhece-Stefani toda maravilhosa.


Hozier & Annie Lennox cantaram "Take Me To Church" e "I Put A Spell On You". Uma das melhores apresentações da noite, na minha opinião.

Pharrell tentou deixar HAPPY tolerável, mas não rolou. Mas valeu a tentativa. Ele continua sendo maravilhoso.

Katy Perry deveria ter ido embora depois de perder os GRAMMYS pela milésima vez, mas preferiu fazer a superior e cantar. E quando estávamos todos preocupados com o ao vivo dela ela foi e cantou super bem. Parabéns, Katy!

Lady GaGa, nessa vibe diva Jazz, mostrou que não precisa de roupas esquisitas para aparecer. Ela arrasou cantando Cheek-to-Cheek com Tonny Bennet!

Usher-my-boo delicia fez uma homenagem ao Stevie Wonder cantando “If It’s Magic”. Esse Grammy foi cheio de homenagens.

Rihanna, Kanye e Paul McCartney fizeram uma das apresentações mais esperadas da noite, “FourFiveSeconds” foi perfeita e Riri estava com a voz impecável, mesmo vestindo o smoking que o Sam Smith deveria ter usado no lugar daquele que era 2 tamanhos menor.

Sam Smith cantou “Stay With Me” com Mary J. Blige. Outra apresentação INCRÍVEL e a Mary J Blige com uma peruca babadeira.

Sia sempre mostra nas suas perfomances que não precisa por a cara no sol para tombar todo mundo. Mesmo sem mostrar o rosto, ela fez quase um filme ao vivo no GRAMMY. Pontos para a criatividade.

Beyoncé maravilhosa, mostrou que não precisa por sua bunda pra jogo pra tombar (embora a gente AME). Todo mundo esperando 7/11, ela veio com “Take My Hand Precious Lord” e deixou claro porque ela é a rainha. Uma voz é uma voz, né?

John Legend e Common (que é a cara do Fernando do BBB) fizeram uma apresentação emocionante de GLORY e encerraram o prêmio deixando todo mundo emocionado, mas com uma sensação de: “CADÊ OS BATE CABELO? CADÊ A PUTARIA? CADÊ A FERVEÇÃO? CADE AS BUNDAS? CADÊ GENTE PELADA?”. Mas aí acabou e todo mundo foi beber e gastar seus milhões e a gente foi dormir pra acordar com cara de Panda porque ficamos assistindo essa bagaça.

Os Vencedores:

Melhor Artista Revelação: Sam Smith
Melhor Álbum Vocal Pop: “In The Lonely Hour” – Sam Smith
Melhor Apresentação Solo Pop: “Happy” – Pharrell Williams
Melhor Performance de R&B: Beyoncé e Jay Z – Drunk In Love
Melhor Álbum “Urban Contemporary”: “Beyoncé” – Beyoncé
Melhor Música de Rock: “Ain’t It Fun” – Paramore
Melhor Álbum Country: “Platinum” – Miranda Lambert
Melhor Música Country: “I’m Not Gonna Miss You” – Glen Campbell
Melhor Álbum Vocal de Pop Tradicional: “Cheek to Cheek” – Tony Bennett & Lady Gaga
Melhor Álbum de Rock: Morning Phase – Beck
Melhor Trilha: “Frozen”
Melhor Performance Dueto/Grupo: “Say Something” –A Gret Big World & Christina Aguilera
Melhor Performance de Rap: “I” – Kendrick Lamar
Melhor Álbum de Rap: “The Marshall Mathers LP2” – Eminem
Melhor Gravação de Dance: “Rather Be” – Clean Bandit feat. Jess Glynne
Álbum do Ano: Beck – Morning Phase
Música do Ano: “Stay With Me” – Sam Smith
Gravação do Ano: “Stay With Me” (Darkchild Version) – Sam Smith

Confira a lista completa aqui

por Hugo Gloss, 9 de fevereiro de 2015

POSTS RELACIONADOS

COMPARTILHAR NO FACEBOOK