Cinema

quatro-vidas-de-um-cachorro-video-3249892

Vídeo mostra maus-tratos a pastor alemão nas gravações de “4 Vidas de Um Cachorro”

Vocês lembram que há alguns dias falamos aqui sobre o filme “Quatro Vidas de Um Cachorro”, que promete fazer todo mundo chorar nas salas de cinema?! Pois é, um vídeo divulgado nesta quarta (18) pelo TMZ, mostrando as gravações do longa, vai fazer a gente ir às lágrimas, mas não pela emoção e sim pela revolta.

No vídeo, um cachorro da raça pastor alemão é forçado a entrar numa piscina com correnteza, contra a sua vontade. Dá pra ver claramente o quanto o animal está assustado e com medo de entrar na água, mas, mesmo assim, o homem que o segura faz de tudo pra fazê-lo pular e o bichinho acaba caindo na água. Do outro lado da piscina, é possível ouvir uma mulher gritando para o cão, tentando fazer com que ele pule para gravar a cena.

Segundo o TMZ, a cena foi rodada em Winnipeg, no Canadá, em novembro de 2015. Ao final do vídeo dá pra ver que o cachorro quase se afogou dentro da água turbulenta. Não dá pra saber se isso estava no roteiro, mas os produtores gritam “Corta, corta!”, neste momento. Olha que horror:

O TMZ informou ainda que o diretor Lasse Hallström (Sempre ao Seu Lado) estava presente o tempo todo durante a gravação e que pelo menos um membro da equipe ficou horrorizado com o tratamento ao animal.

Mais tarde, a empresa responsável pelas gravações, a Amblin Entertainment, disse ao TMZ que o cachorro, chamado de Hercules, não foi forçado a continuar a cena, e que só gravaram quando ele ficou “confortável”. Segundo eles, o cão teve “vários dias de ensaios das cenas na água para garantir que ele estivesse confortável com todos os movimentos. No dia da filmagem, Hércules não queria fazer o movimento indicado no roteiro e a equipe de produção da Amblin não prosseguiu com a gravação“.

A produtora afirmou que o diretor fez um pausa e quando eles voltaram a gravar, Hercules estava confortável e não foi forçado a pular dentro da piscina. Eles ainda acrescentaram que Hercules está “feliz e saudável” e que o filme “é uma celebração da conexão especial que os humanos têm com seus cachorros. E, no espírito dessa relação, a equipe de produção da Amblin seguiu protocolos rigorosos para promover um ambiente ético e seguro para os animais“.

O vídeo, obviamente, gerou revolta em ONGs e pessoas que lutam contra os maus-tratos aos animais, que já estão promovendo um boicote ao filme.

Após a polêmica, o diretor Lasse Hallström usou seu perfil no Twitter para se defender.

Eu não testemunhei essas ações. Estávamos todos empenhados em oferecer um ambiente seguro e amável para todos os animais no filme“, escreveu ele.

Amo os animais há muito tempo e ‘Quatro Vidas de Um Cachorro’ é o meu terceiro filme sobre cachorros. A segurança dos animais foi nossa maior prioridade“, acrescentou.

“Quatro Vidas de Um Cachorro” tem estreia marcada para 26 de janeiro no cinemas brasileiros.

por Raphael Amador, 19 de janeiro de 2017

POSTS RELACIONADOS

COMPARTILHAR NO FACEBOOK